• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Gabriel Garcia Marquez e literatura latina

O que vcs acham de garcia marquez, conhecem? quais livros leram?
eu gosto bastante, e indico também o pedro juan gutierrez, que escreveu "trilogia suja de havana" e "o rei de havana" ambos muito bons, típicos latinos modernos, pureza do ser, aridez da vida cotidiana, sede por sobreviver, muito lindos
 

Bubbles

Usuário
"Cem anos de solidão" é o melhor livro que já li na vida! comecei a ler "O amor nos tempos do cólera" e estou a fim de retomar, ouvi falar muito bem deste livro.
Respeito muito a obra de Garcia Marquez.
 
Putz, "cem anos..." é incrível...
procura ler "ninguém escreve ao coronel " é quase um conto, são 90 páginas e narra a vida de um militar reformado naquele tratado que o coronel buendia assinou esperando a pensão do governo, a aposentadoria, esperando, esperando...
o livro é incrível, vc acaba e pensa ... "putz..." demais !!! :D

"do amor e dos outros demônios" é muito bom tbm, muito legal.

"o amor nos tempos de cólera " é perfeito, melhor definição não há.
 

Arien

Usuário
Garcia Marquez é um dos melhores escritores latinos da atualidade. Cem Anos de Solidão é incrível e O Amor no Tempo do Cólera é uma das mais bonitas estórias de amor já escritas.
Do Amor e Outros Demonios também é muito bom, sem contar que o título do livro é brilhante.
Outro livro dele que eu li foi O General em seu Labirinto, que conta a história do final da vida do Simon Bolivar. Mistura história e ficção, além de mostrar a face humana do Bolivar. Foi o primeiro livro do Garcia Marquez que eu li, e sempre vai ser um dos meus preferidos.
Outro autor latino que eu gosto muito é o Pablo Neruda. Seus poemas são simplesmente lindos...
 

Gildor

Usuário
Um dia no passado, fiquei um tempo imaginando que "O amor nos tempos do cólera" seria quase que uma biografia da minha vida..

Felizmente as coisas mudaram, e minha vida atual tá mais pra o lado daquelas histórias românticas onde tudo dá certo. :lol:

Mas pra não ser um flood completo: leiam que vale a pena. Claro que "Cem Anos de Solidão" é a obra clássica, famosa e elogiada. Mas "O amor..." é uma história muito bonita, dá arrepios de lembrar do tamanho de uma paixão como aquela... :roll:
 

b-obby

Usuário
eu li "O relato de um náufrago"
cá entre nós, pra quem assistiu "Náufrago" e gostou, ótimo, leia
pra quem não gostou, vc vai odiar esse livro
- - - é o meu caso
 

Ptah

Usuário
Quando li Gabriel Garcia Marques pela primeira vez me apaixonei! Foi pelo que até hj é pra mim o melhor ( claro q injustamente ) livro Cronica de uma morte anunciada... a partir dai fui lendo todos os que podia e jpa perdi a conta... cheguei a le o Olhos de cão azul em espanhol só porque não achava edição nacional. Também adoro a saga de Erendira, que aparece em mais de um livro...
 

Círdan.

bastard
Recentemente eu li "Cem anos de Solidão" e amigo...eu adorei...eh mto..como direi...f.oda!
Naum tem outra palavra!
"O primeiro da linhagem está preso debaixo de uma arvore e o último está sendo devorado pelas formigas"
 
Cara, o Cem Anos de Solidão é um dos melhores livros que existem. Tem também o Notícia de um Sequestro, que conta sobre todos as tretas que os jornalistas colombianos tinham que passar... Pablo Escobar é um personagem, por assim dizer, secundário. Heh.
 
O primeiro livro do Gabriel García Márquez que li foi "Do Amor e Outros Demônios" e muito por acaso, pois encontrei o livro num canto da prateleira na casa do meu pai e akla capa roxa parecia dizer: "Leia-me!" :-))) Até hj este é um dos meus livros favoritos, já o reli umas quatro vezes e considero a história de amor entre o pobre padre e a menina "endemoninhada" emocionante...É uma pena que os finais destas histórias sejam sempre trágicos, mas talvez seja isso que as mantêm eternas...
Engraçado que na época que eu li o livro eu me identifiquei demais com a personagem principal por ela fazer aniversário no mesmo dia que eu e tb ter o cabelo enorme...heheheheh
 

NeoDeSampa

Usuário
Realmente Do amor e outros demônios é lindo. A história é envolvente e é criada toda uma atmosfera de mistério e tensão em volta da protagonista.

Ótimo livro, eu aconselho.
 

Churritos

Usuário
concordo.... foi um dos livros q eu mais gostei. a trama é bem bolada e é o tipo do livro q te envolve no contexto e vc naum consegue parar de ler! :mrgreen:
9minha opinião gente... :wink: )
 

Lembas

Usuário
Por causa dessa maldição chamada vestibular, eu não tenho muito tempo pra ler o que eu quero. Mas li no começo do ano o Cem Anos de Solidão. Fabuloso esse livro...

Spoiler

As três melhores "cenas" são quando acham Amaranta esquecida em sua cadeira naquela casa, décadas depois; e quando se decrifram os escritos do Melquíades (putz, é esse mesmo o nome???) "O primeiro da linhagem está preso debaixo de uma arvore e o último está sendo devorado pelas formigas". E a última frase... que diz que as estirpes condenadas a cem anos de solidão não terão outra chance nesse mundo... 8O
Outra grnade escritora latina é Isabel Allende, que também é um tanto surrealista e tem um tom de denúncia à ditadura no Chile. Eu li Eva Luna, Paula e "De Amor e de Sombra"... além disso, tem o filme com o Jeremy Irons, o A Casa dos Espíritos, baseado no livro dela, que também é lindo.
 
Li Cem Anos no início desse ano...perfeito...se bem que eu tenho de lê-lo dinovo pra poder entender completamente...precisei fazer arvore genealógica do povo pra saber quem era quem! :mrgreen: Dele soh li Cem anos e Amor nos tempos de cólera...
 
Bubbles disse:
"Cem anos de solidão" é o melhor livro que já li na vida!
com certeza! é uma obra completa, que mistura loucura, realidade, sonho... não é sem merecer que o cara ganhou o nobel de literatura por esse livro...
altamente recomendado! :mrgreen:
 

kilson Viegas

Usuário
Infelizmente só li um livro dele "Cem Anos de Solidão", cara realmente tai um livro 100% latino ele mistura tudo de plantações de Banana à Herois de revoluções sociais, tudo isso contando a saga da familia Buéndia, um classico que despensa maiores comentarios pois já fala por si mesmo. :wink:
 

Dorak

-Morgoth! Não me chame de
Procurei, procurei e procurei aqui no fórum algum tópico sobre este escritor, e finalmente encontrei [achei que a ferramenta "pesquisar" estava louca], e confesso... fiquei espantado: um tópico de título "Gabriel Garcia Marquez e literatura latina" com apenas 16 posts, sendo o ultimo de 2003!
Pensei em criar um novo tópico, mas acho dispensável. Só que espero reanimar as coisas por aqui.


Enfim, o que me moveu a essa busca foi ter começado a ler "Cem anos de solidão".
Não iniciei a leitura sabendo que o escritor ganhou o Nobel de Literatura com esse livro, nem nada! Comecei pois o livro estava na estante do meu quarto e meu irmão havia me recomendado há tempos.

Me surpreendi! Gabriel García Márquez escreve de forma ímpar, e com um vocabulário tão diversificado. Consigo sentir o gosto da terra ingerida por Rebeca, e até mesmo algumas das loucuras de José Arcádio.

Mas e vocês, o que acham do escritor e suas obras?
Pretendo ler outras no futuro, então gostaria de ler sugestões.

P.S.: Evitei ler os posts relacionados ao livro que estou lendo, pra evitar cair nos famosos 'spoilers'.
 
Eu gosto, absurdamente, do Gabito. :grinlove:

Fico com medo de comentar algo sobre Cem anos de solidão e estragar sua leitura. Entretanto, preciso dizer uma coisa: como não se emocionar com um texto tão visceral? Como não se sentir tocado com essa forma de ler o isolamento histórico do povo latino americano? A verdade é que tudo é uma questão de despertar sua alma. Etc.
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium
Demorei pra começar ler as principais obras dele.Cem anos de solidão, foi um livro que me proporcionou uma emoção tão profunda que até hoje é difícil de explicar.
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium
Casa onde García Márquez escreveu 'Cem Anos de Solidão' vira centro cultural



O escritor colombiano Gabriel García Marquez Imagem: Getty Images

A casa onde o prêmio Nobel de Literatura Gabriel García Márquez (1927-2014) escreveu "Cem Anos de Solidão", sua obra-prima, será convertida em um espaço de promoção da leitura.

O imóvel fica no bairro San Ángel Inn, zona sul da Cidade do México, e foi alugado por "Gabo" entre 1965 e 1967, logo após seu desembarque no país. A adaptação da casa ficará a cargo da Fundação para as Letras Mexicanas (FLM), que recebeu a residência como doação de Laura Coudurier, filha do antigo senhorio de García Márquez, Luis Coudurier.

Certa vez, o proprietário, então funcionário da prefeitura, ligou para Mercedes Barcha, esposa de Gabo, para cobrar o pagamento de aluguéis atrasados. Barcha disse que não tinha dinheiro porque seu marido estava escrevendo um romance, mas prometeu quitar a dívida assim que ele terminasse o livro, dali a nove meses.

"Sua palavra me basta", respondeu Coudurier, rechaçando qualquer garantia para o pagamento. A casa tem 260 metros quadrados, três quartos e dois banheiros e mantém as mesmas características de quando García Márquez e sua família moravam ali.

Na época, Gabo havia renunciado a suas tarefas de editor e redator publicitário para se dedicar integralmente àquele que se tornaria um dos mais celebrados romances latino-americanos de todos os tempos.

As atividades da futura "Casa-Estúdio Gabriel García Márquez" serão coordenadas pelo tradutor e crítico literário Geney Beltrán, com apoio do escritor Juan Villoro. O local será um "espaço de incentivo à criação e de encontro para a reflexão e o diálogo sobre temas relevantes da literatura universal", segundo a FLM.
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$130,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo