1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

G.I. Joe: A Origem de Cobra (G.I. Joe: Rise of Cobra, 2009)

Tópico em 'Cinema' iniciado por Luthien Brewster, 25 Jul 2008.

?

Sua nota para o filme:

  1. 10

    0 voto(s)
    0,0%
  2. 9

    10,0%
  3. 8

    30,0%
  4. 7

    10,0%
  5. 6

    30,0%
  6. 5

    20,0%
  7. 4

    0 voto(s)
    0,0%
  8. 3

    0 voto(s)
    0,0%
  9. 2

    0 voto(s)
    0,0%
  10. 1

    0 voto(s)
    0,0%
  11. 0

    0 voto(s)
    0,0%
  1. Luthien Brewster

    Luthien Brewster Levada da Breca

    A Paramount optou por levar à San Diego Comic-Con uma aparelhagem light de seus futuros filmes. Coube à Hasbro organizar um painel para falar de G.I. Joe: Rise of Cobra, a adaptação ao cinema das HQs e da linha de bonecos dos Comandos em Ação.

    Primeiro foi exibido no telão um trecho de G.I. Joe: Resolute, animação para Internet anunciada em junho que, planejada como um longa de 60 minutos, será dividida em segmentos de cinco minutos para a exibição online e depois reunida em DVD. O visual do clipe da Comic-Con, puxado para o animê, tem como influência o clássico moderno da animação japonesa Ghost in the Shell - nas palavras do produtor Joaquim de Santos.

    Em seguida começaram as perguntas e respostas sobre o filme. O produtor Lorenzo di Bonaventura disse que o veterano criador da série Larry Hama foi chamado para servir de consultor no filme "porque queríamos dar a Snake Eyes uma linha de diálogo, e ele [Hama] estava lá para impedir", brinca. Em seguida aparecem imagens do elenco - aquelas mesmas que vazaram há tempos na rede - e Di Bonaventura solta uma boa: no começo do filme, nenhum dos heróis foi recrutado para a equipe ainda.

    (Este parágrafo contém spoilers leves.) O produtor disse que relações são construídas ao longo do filme. Duke deixa Baronesa no altar e depois se tornam rivais no campo de batalha. Ripcord tem uma relação bem-humorada com Scarlett, que nem percebe os avanços dele, e o casal se torna um triângulo com a aproximação de Snake Eyes. Como se imaginava, o ninja será mostrado na infância, para solidificar a rivalidade com o outro ninja, Storm Shadow.

    Para finalizar, a Hasbro mostrou um pouco da base da MARS no Ártico - apenas fotos e artes conceituais; nenhum vídeo do filme foi revelado na apresentação - e os produtores disseram que há quatro grandes cenas de ação no filme, incluindo uma perseguição de carro em que sequer há um piloto dentro do automóvel.


    Tô apostando nesse...
    fonte: Omelete
     
    Última edição: 25 Jul 2008
  2. Innukchuck

    Innukchuck Usuário

    Re: G.I. Joe: Rise of Cobra (Comandos em Ação) - (07/07/2009)

    O LatinoReview já leu o roteiro do filme e revelou muitas informações:

    O Filme começa na França, onde um homem chamado James McCullen está sendo julgado por vender armas aos rivais do rei da França enquanto trabalhava para ele. Ele é julgado culpado e, antes de ser preso, clama que seus filhos irão continuar seus trabalhos, e eles se tornarão maiores que o rei. Furiosos, os cidadões escolhem uma pena alternativa para McCullen. Ele é levado até um calabouço, onde é condenado a viver com uma máscara de berílio cobrindo seu rosto. Agora, ele é Destro.

    Nos dias atuais, James McCullen III é um reconhecido vendedor de armas que contrata um grupo de mercenários liderados por Duke e Ripcord para levar um avançado exército de microrobôs capazes de devorar matéria para uma organização terrorista conhecida como M.A.R.S. Eles viajam junto com o General Hawk e a Cover Girl.

    Durante a viagem, A Baronesa e seus homens atacam o comboio e Duke reconhece-a. Antes que eles sejam mortos, os Comandos em Ação aparecem e salvam-nos. Eles são levados até a Gruta, central de comando do grupo no Egito, onde conhecem seus integrantes: Scarlett, Snake Eyes, Breaker, Heavy Duty, Cover Girl e General Hawk. Os Comandos em Ação são um grupo reunido pela O.N.U. para proteger o mundo de agências criminosas como a M.A.R.S. E Duke e Ripcord são seus novos membros.
     
  3. Snaga

    Snaga Usuário não-confiável!!!

    Re: G.I. Joe: Rise of Cobra (Comandos em Ação) - (07/07/2009)

    Caramba, os meus brinquedos favoritos da infância estão virando filme!!!

    Espero que façam algo realmente bom! Pelo o que li, o roteiro parece estar interessante.

    Mal posso esperar para ver os super-veículos dos Comandos!!! :joy:
     
  4. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    G.I. Joe - A Origem de Cobra (G.I. Joe - The Rise of Cobra, 2009)

    G.I. Joe - A Origem de Cobra


    G.I. Joe - A Origem de Cobra

    G.I. Joe - The Rise of Cobra
    EUA, 2009 - 118 min
    Aventura / Ação
    Direção:

    Stephen Sommers
    Roteiro:

    Stuart Beattie, David Elliot, Paul Lovett, Michael Gordon, Stephen Sommers
    Elenco:

    Dennis Quaid, Channing Tatum, Sienna Miller, Marlon Wayans, Joseph Gordon-Levitt, Ray Park, Christopher Eccleston, Brendan Fraser, Rachel Nichols, Jonathan Pryce, Arnold Vosloo, Adewale Akinnuoye Agba


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    3 ovos! Crítica: G.I. Joe - A Origem de Cobra

    Depois de Transformers, novos brinquedos chegam ao cinema para divertir o público

    06/08/2009
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)



    O que mais tenho lido e ouvido sobre G.I. Joe - A Origem de Cobra (G.I. Joe - The Rise of Cobra, 2009) é: "Até que me diverti" e "Não é tão ruim quanto pensava que ia ser". E a partir disso é fácil tirar duas conclusões: 1. os vídeos mostrados até agora não inspiravam confiança ou causavam nenhum tipo de empolgação; 2. com uma expectativa tão baixa, é mesmo mais difícil ficar decepcionado... o que não necessariamente quer dizer que o filme seja bom.



    Uma história de oportunidades
    Agora, antes de mais nada, vamos lembrar quem são os G.I. Joe, que no Brasil nasceram como Falcon e depois, na versão reduzida dos anos 80, viraram Comandos em Ação. Se Deus primeiro criou Adão e de uma de suas costelas criou Eva, o pessoal da Hasbro viu no sucesso da Barbie a oportunidade de lucrar fazendo bonecos para os meninos. E nada mais masculino do que bonecos de ação, ou action figures - sim, foi por causa dos G.I. Joe que o termo "action figures" (figura de ação) se popularizou. Não fossem eles, os meninos estariam até hoje brincando com "dolls" (bonecas).
    Mas foi nos anos 80, pegando carona do sucesso que os brinquedos da série Star Wars estavam fazendo, que a Hasbro relançou os G.I. Joe, agora com cerca de 9.5cm, contra os 30 cm da versão anterior. Para ajudar a reforçar a marca, essa época também teve as HQs com os personagens publicadas pela Marvel em uma ação conjunta das duas empresas, que tinham comerciais na TV que ao mesmo tempo divulgavam os quadrinhos e a marca dos bonecos e trazia lucros para todos. E daí veio o desenho animado de 1985 e o estrago estava feito nos bolsos dos pobres pais, que tinham de se esquivar de comprar não apenas bonecos mas também jipes, aviões, bases e o que mais aparecesse pela frente.
    E agora, nos anos 2000, vendo o sucesso que o filme
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    (2007) fez nos cinemas, nada mais óbvio do que ver os velhos Joes correndo mais uma vez na cola dos outros, pegando o vácuo e fazendo mais dinheiro para a Hasbro e quem quer que esteja aliado a ela.



    Operação de guerra E nenhum verbo poderia ser melhor utilizado aqui do que "correr". Para conseguir entregar o script antes que a greve dos roteiristas se iniciasse foram chamados nada menos do que cinco pessoas, que seguiam as ordens do chefe dessa verdadeira operação de guerra, Stephen Sommers.
    E acho que não é precipitado dizer que foi aqui que a desconfiança começou a nascer. Sommers tinha como ponto alto de sua carreira (e bastante explicitado no pôster e no trailer do filme) a criação da série A Múmia (1999). Mas ele também tem no seu curriculo o vexaminoso
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    (2004), seu último trabalho. Junte isso a uma série de trailers genéricos e carregados de computação gráfica sem novidades e não demora muito para surgir o boato de que Sommers havia sido demitido depois que sessões-teste do filme apontaram notas baixas e um descontentamente geral do público. Tudo
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , é claro, mas a essa hora o ventilador da Internet já havia espalhado a sujeira para todos os lados.
    E como se já não houvesse uma aura negativa o suficiente ligada ao projeto, o longa-metragem não foi exibido à imprensa dos Estados Unidos, o que só ocorre quando os produtores estão com medo das críticas negativas e escondem o produto final da mídia. É a desculpa "deixe o público decidir por si só", que os executivos de Hollywood gostam de usar quando sabem que têm uma bomba nas mãos.



    Afinal, como ficou?
    Talvez pela boa performance dos filmes anteriores do Sommers nos mercados exteriores, talvez pelo time internacional que são esses G.I. Joe de agora, o Brasil ficou de fora desse "embargo" e podemos já adiantar que todo o temor é infundado. G.I. Joe - A Origem de Cobra é talvez o mais divertido blockbuster desse verão americano. Porém, há de se lembrar que este ano estamos nivelando por baixo, afinal, nem
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , nem
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    são primores de história e
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    é mais um prelúdio para o final do que um filme por si só.
    Na trama, os G.I. Joe são um grupo de soldados de elite das mais diferentes nacionalidades que usa a mais moderna tecnologia para deter o corrupto vendedor de armas chamado Destro e o surgimento da cada vez mais poderosa e ameaçadora organização chamada Cobra, que quer acabar com o mundo como conhecemos.
    A verdade é que apesar do exagerado e (algumas vezes) desnecessário uso de computação gráfica em cenas como a perseguição nas ruas de Paris, Sommers soube como equilibrar ação e situações cômicas... e mais ação. E até quando ele erra, inserindo no filme um número maior de flashbacks que o necessário, ele faz com um motivo: não dar tempo ao público relaxar e, assim, cada uma daquelas piscadas mais lentas que traz memórias antigas, vem recheada de mais cenas de ação. É assim até o desfecho em uma batalha subaquática que mais uma vez peca pela falta de realidade vinda da computação gráfica.
    Sem surpresas quanto à história (bom, talvez uma lá no final, que é até bem interessante), o roteiro usa todas as fórmulas conhecidas de Hollywood e entrega tudo mastigado para o espectador, que não tem como sair do filme com dúvida de quem é quem e porque estava agindo daquele jeito. Novamente, é um nivelamento por baixo, mas que desta vez tem tudo para funcionar. Resumindo, G.I. Joe - A Origem de Cobra até que não é tão ruim quanto pensava que ia ser e, sim, eu me diverti.


    .....................................................
    Como assim ninguém viu? :mrgreen:
     
  5. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Re: G.I. Joe - A Origem de Cobra (G.I. Joe - The Rise of Cobra, 2009)

    Ah, tem também uma participação especial (e minúscula) do Brendan Fraser.
     
  6. Tisf

    Tisf Delivery Boy

    Enquete

    Poxa, não vi ainda, mas o Danilo Gentili, do CQC, postou no twitter dele que tinha gostado :lol:
     
  7. Snaga

    Snaga Usuário não-confiável!!!

    Depois dos traillers eu desanimei bastante com o filme. Como disseram aí, é computação gráfica demais.

    Mas nem acho que vou assistir no cinema não.
     
  8. shaun

    shaun Usuário

    Pô, segundo o Rotten Tomatoes é um filme bem fraquinho, mas que pode agradar em alguns momentos.

    Tô pensando em ver no cinema, se a h1n1 permitir...
     
    Última edição: 9 Ago 2009
  9. LostFolk

    LostFolk Usuário

    disseram q é divertido...ou seja, faz o que todo filme devia fazer..entreter!
    entao vou ver... :D

    EDIT: Esculhambaram tanto o filme..mas tanto...q agora eu to meio desesperançoso...o Pablo Vilhaça colocou la embaixo! aff...
    deve ser ruim mesmo...
    mas como eu brinquei muuuito com os Comandos em Acao...ainda há esperanças! ehehe
     
    Última edição: 9 Ago 2009
  10. Jhulha

    Jhulha Lurker

    Fiquei besta ao assistir o filme, AAAAAAAA.

    Em termos de CG esta muito bom vale uns 9.

    A historia vale uns 8 (tem cenas meio chatos onde não devem).

    As cenas de ação vale uns 8(podiam ser melhores).

    As cenas de comedia um 7 (o Marlon Wayans é a graça do filme).

    O final uns 7 (podiam ter usado o gostinho de quero mais).

    Mas o tempo todo, eu so queria gritar "PLAGIO" so via cenas quase que completamente iguais (mudaram coisas minusculas) dos classico 20.000 leguas submarinas, quarteto fantastico HQ(bem discarado), e STAR WARS O IMPERIO CONTRA ATACA (so faltou a mão), mas o final foi foda, merecia ter gosto de continuação.
     
  11. Ecthelion

    Ecthelion Mad


    O que mais a se dizer? :roll: :blah:
     
  12. Nessa Ancalímon

    Nessa Ancalímon Fora com um...

    Eu gostei...
    Bem melhor ate que o HP...
    Vale a pena ver no cinema...
    Tem uma cenas otimas para se ver na telona...
    Ficadik... :joinha:
     
  13. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Me surpreendeu. Achei que seria ainda pior que Dragonball Evolution.
    Só me pareceu muito corrido. Quiseram colocar a história de todos os personagens em menos de duas horas. Ficou tudo muito simplório e bagunçado. Mas, pelo menos, com alguma coerencia.
    E os efeitos especiais eu achei tecnicamente quase perfeitos.
     
  14. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Tem como ser pior que DB? :blah:
     
  15. Marco

    Marco may the force be with... wait

    Eu assisti. É bem filme pipoca, mas pelo menos tem começo, meio e fim. Como já disseram só é meio corrido, porque tiveram que apresentar e dar motivação pra muito personagem em pouco tempo. Mas no final das contas GI Joe saiu acima da média, pra esse tipo de filme. Gostei mais dele do que de Transformers 2.
    E Siena Miller de Baronesa, ai ai...
     
  16. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Esse era meu medo. :g:
    Tentar imaginar como seria um filme pior que DB para este ano.
    E olha que Brüno chegou bem perto na minha visão. Nunca na minha vida eu parei de assistir algum filme por não estar gostando (considerando os filmes que eu planejei assistir). Quase fiz isso com Bruno.
     
  17. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    A Baronesa e a Scarlett estão :grinlove: :grinlove: :grinlove:

    Eu tb não curti mt Bruno não, mas DB é a bomba do ano!
     
  18. Dirhil

    Dirhil Olha, Schroeder...

    Sério que vcs curtiram ao menos um pouco???



    Decepção total. Eu já esperava algo descerebrado e com exarcebação de efeitos visuais. Mas eu só vi isso. Um fiapo de história só pra ligar uma cena de ação na outra. Pelo menos as cenas de ação são bem feitas, mas depois de um tempo blaahhh.... só a seqüencia em Paris é algo BEM legal. O resto é uma porcaria.
     
  19. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Gostei também, e muito. É levemente melhor que o Transformers.

    O mais legal é que são várias histórias de personagens e você sai um pouco da trama oficial. Curti.

    Baronesa é tudo di boa.
     
  20. LostFolk

    LostFolk Usuário

    eu num axei o melhor filme..tbm n é o pior..fizeram pipocao mermo! vou esperar a continuacao!

    Mataram o ninja branco??? (algo shadow) me surpreendeu...os ninjas eram os personagens que eu mais gostava!
     

Compartilhar