1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Filhote de zebra com jumento nasce em zoo do México

Tópico em 'Planeta Bizarro? Estranhices? Bizonhices?' iniciado por Fúria da cidade, 28 Abr 2014.

  1. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Um filhote resultado de uma mistura entre um jumento albino e uma zebra fêmea nasceu há uma semana no zoológico de Reynosa, no México. O "novo" animal recebeu o apelido dos mexicanos de "zebrasno".

    O híbrido foi batizado com o nome Khumba, já tem 70 centímetros de altura e pesa 30 kg. Ele herdou as orelhas do jumento e as patas listradas da sua mãe zebra.

    Vídeo

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    -------------------------------------------------------------------------------------------

    Até que esse híbrido saiu bem interessante. Torço pra que viva bastante
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  2. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Jumentos não negam fogo hehehe. Se não tem jumenta eles cruzam com égua, com zebra, com mula ou com o que vier pela frente. Se o touro bobear cruzam até com a vaca.
     
    • LOL LOL x 3
  3. Clara

    Clara O^O Usuário Premium

    Que lindo!
    Parece que está usando meias listradas. :lol:
     
  4. Lucas Ferraz

    Lucas Ferraz Usuário

    Zebrasno hahaha. Se vingar mesmo vai ser um interessante animal. Esses tipos de híbridos costumam sofrer de problemas de saúde.
     
  5. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Não necessariamente. Nos casos de híbridos de equídeos os animais resultantes normalmente são estéreis mas são super resistentes, vide o caso de mulas e burros. Acho que é porque a similaridade genética ainda é bem grande. Vemos mais problemas em casos de consanguinidade do que nos de hibridismo.

    Se eu não me engano o nome técnico dos híbridos de zebra é zebroide, sejam filhos de jumentos ou cavalos.
     
    Última edição: 28 Abr 2014
  6. Lucas Ferraz

    Lucas Ferraz Usuário

    Interessante. Achava que sempre dava xabu haha. Mulas e burros são casos mais comuns, esse não dee ser tão recorrente.
    Anyway, com felinos não é tão de boa. Vide os monstruosos ligers, que tem o gene que limita o crescimento desativado e geralmente tem problemas de saúde.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Hum, esse tipo de coisa acontece quando o gene de inibição em uma espécie vem da mãe e na outra vem do pai. Problema de pareamento.
     
  8. Lucas Ferraz

    Lucas Ferraz Usuário

    Ah entendi. Interessante!
     
  9. Seiko-chan

    Seiko-chan Retardada

    Sempre me perguntei por que os ligres cresciam tanto, visto que isso não acontece com o tigreão.
    Mas afinal, por que essas experiências? Estão verificando compatibilidade genética entre espécies, para em caso de extinção ter como gerar novos indivíduos?

    Me lembro de um caso, há uns dez anos, em que geneticistas conseguiram o DNA quase completo de um mamute e estavam tentando clona-lo para ser gerado por uma elefanta.
     
  10. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Sei lá, acho que é pura vaidade em alguns casos.

    Leões e tigres não compartilham o mesmo habitat na natureza, então acho que dificilmente teriam oportunidade de cruzar, ao contrário de cavalos e asnos, por exemplo.

    Há casos raríssimos de mulas férteis e com comprovação menos ainda. O último caso se não me engano é de Portugal, onde uma mula pariu um filho de um asno.
     
    Última edição: 29 Abr 2014
    • Gostei! Gostei! x 1
  11. Lucas Ferraz

    Lucas Ferraz Usuário

    É só para criar animais grandes e diferentes para exibir e fazer grana. A judiação disso tudo é que sofrem e são doentes.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  12. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    É interessante pensar em como quando a palavra "monere", do latim, que significava aviso ou milagre derivou para a palavra monstro gerando relações com outras palavras como "demonstração".

    O milagre passa a ser usado na acepção ampla para intervenções positivas ou negativas raras e poderosas sobrenaturais, divinas e também naturais, enquanto para o povo a palavra monstro adquire afastamento do que se tem por sucesso em que algo maligno deriva de funções prejudicadas de um organismo.

    Por exemplo, há casos em que há mistura biológica bem sucedida e comercialmente bem vista na venda de plantas cruzadas como o Broccollini ou a Romanesca usadas na culinária e em receitas. Por outro lado experimentos biológicos cruentos e mal-sucedidos seriam o outro lado da moeda e a palavra monstro seria no caso uma especificação da vontade de falar "milagre", mas mantendo o significado de que é uma surpresa negativa em mais de um nível de compreensão.

     
    • Gostei! Gostei! x 3
    • Ótimo Ótimo x 1

Compartilhar