1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Fëanor: O que motivou a revolta do Noldo?

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Alcarinollo, 3 Set 2006.

  1. Alcarinollo

    Alcarinollo Usuário

    Sempre tive a pulga atrás da orelha em relação á rebeldia de Fëanor e sua celeuma com os Valar. Afinal de contas, ele era mau de coração (tal como Sauron e Melkor), era egoísta e queria ser mais que um Vala ou simplesmente foi um espírito muito poderoso que habitou a forma élfica em que se manifestava?Digo isto porque, se pensarmos bem,o nascimento de Fëanor exauriu sua mãe e lhe tirou a vontade de viver, isto em pleno Reino Abençoado, terra onde não havia morte ou doença! Além disto, sua habilidade e seu gênio cresciam na proporção em que sua intolerância também se agigantava. apesar de jamais dar ouvidos a Melkor (não por lealdade aos Valar, mas apenas por ver nele um perigo para suas criações), acabou se revelando o maior instrumento deste para atrapalhar os planos dos Valar, bem como para inflingir dor e sofrimento a seu povo. Finalmente, que tipo de índole tem o Alto Elfo que se volta em assassínio contra sua própria gente (pois é isto que ele faz e instila que façam com os Teleri, a fim de roubar-lhhes os barcos). A discussão está aberta, espero participações!!!!:loser:
     
  2. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Um grande orgulho era algo inerente a Fëanor, ele tinha algo dentro de si que era maior do que os Eldar, algo humano, algo que poucos ou ninguém compreendia, além de seu excepcional talento, tinha um gênio muito forte e era difícil lidar com ele e praticamente impossível dobrar sua vontade, talvez isso o fez abandonar o bom senso e se exilar na terra média com seus filhos e irmãos levando consigo um enorme contingente de noldor.
     
  3. Fëanarsil

    Fëanarsil O Espírito de Fogo Brilhante

    Concordo com Calimbail, e ainda completo, Fëanor tinha uma cobiça digna de anões, isso mostra-se fortemente na criação das Silmarils e no juramento que ele faz. Acredito que ele seja um personagem que tras consigo caracteristicas Elficas, Humanas e de anões. Mas mesmo assim admiro suas atitudes, sozinho desafiou todos os Noldor, talvez se todos fossem destemidos como ele e tivessem tanto valor a si próprio a terra média não teria caído na escuridão.
    porém poderia ter acontecido uma batalha entre raças elficas, visto que Fëanor era capaz disso.
     
  4. Laninha

    Laninha Usuário

    Talvez a dor de ter perdido o pai pelas mãos de Melkor também tenha ajudado na decisão precipitada de Fëanor, mesmo sendo orgulhoso ou até mesmo egoísta Fëanor amava o pai. E pode ser que esse amor tenha atrapalhado sua relação com seus outros irmãos, Fëanor gostaria de tudo para si talvez quisesse que fosse assim com o pai também, ciúmes.
     
  5. Fëanor

    Fëanor Fnord Usuário Premium

    Eu sou meio suspeito pra falar sobre Fëanor, mas posso colocar os motivos que levaram ele a se revoltar como sendo vários, a começar pela morte da mãe, que levou ele a ser criado de modo diferente do comum, ficando totalmente ligado ao pai; o roubo de suas obras primas por Melkor; e o assassinato de seu pai, que ele amava a mais que qualquer coisa, pelo mesmo Vala, que inclusive era quem ele mais odiava.

    Fëanor não era mau de coração. Comparar ele com Melkor ou Sauron nesse sentido é infundado. Fëanor apenas ficou louco, insano. Acabou deixando que as palavras de Melkor exercessem influência sobre ele, e foi acometido por acontecimentos nefastos, que causaram um forte impacto na personalidade dele. E quando a loucura atinge alguém com um potencial como o dele, o estrago acaba sendo grande. E em sua loucura ele acabou guiando-se pela vingança e pelo objetivo de retomar as únicas coisas que ele julgava necessário recuperar, depois do que ele perdeu.

    Também não julgo Fëanor como sendo alguém egoísta, ao menos não tanto quanto costumam colocar. Impossível existir qualquer indivíduo que não seja egoíta em algum nível, e Fëanor se enquadrava nos padrões normais de egoísmo, em minha opinião. Tanto que ele não negou outras obras suas, como os Palantíri, as runas, etc.
     
  6. Shantideva

    Shantideva Adoro elfos ruivos!

  7. Alcarinollo

    Alcarinollo Usuário

    Apesar de concordar com vcs todos, acho que Fëanor, diferente por exemplo de um Adão bíblico, sabia exatamente o que fazia quando iniciou a revolta contra os Valar, e ainda, que sabia também que sua atitude egoísta de guardadr consigo as silmarils causara a morte do pai, que ele tanto amava. É um processo de transferência da culpa o que motiva Fëanor contra os Valar: para não encarar a própria culpa pela perda de um ente querido, o indivíduo transfere esta culpa para outra(s) pessoa(s), cercando seus argumentos de tamanho ódio e intolerância que fica impossível de reconhecer seu erro. Há, ainda o fato do massacre dos Teleri (não um ato impensado contra os Poderes, mas contra sua própria gente), a traição aos irmãos de sangue e ainda seu comportamento suicida ao partir na vanguarda de sua tropa até ser cercado pelos Balrogs de Morgoth. Sem querer ser o algoz de Fëanor, não posso deixar de pensar que, se em algum momento de sua Loucura(?) ele tivesse se voltado para o seu próprio povo, seus filhos ou irmãos, a história poderia ser outra, dados justamente a magestade e poder dos Noldor, que chegariam unidos e fortes à Terra Média.
     
  8. Shantideva

    Shantideva Adoro elfos ruivos!

    Na verdade o ódio e Fëanor contra os Valar não foi exatamente por isso, mas porque os Valar "obrigaram-no" à ir à Tirion no dia da festa, deixando o seu pai sozinho. Ele cria piamente que se por acaso estivesse lá, teria conseguido defender seu pai e evitar o roubo das Silmarilli.

    O problema é que o povo, pelo menos a sua grande maioria, não o amava e não o queria como Líder. É dito que Fingolfin era o mais amado pelo povo de Tirion, tanto que a hoste que o acompanha durante a "fuga" dos Noldor é bem maior que a de Fëanor. Então penso que Fëanor não se sentia "responsável" por um povo que não o amava. Ele não sentia nenhuma obrigação em relação à eles.
     
  9. Deriel

    Deriel Administrador

    É importante destacar que Feanor até poderia não ser o mais mado, mas era o Rei. Esse é um conceito estranho a nós, que de monarquia estamos distante, mas é muito próximo dos ingleses. Mesmo que o Rei seja mal-amado, problemático, ele ainda é o Rei e deve ser seguido, a não ser casos extremos.

    Por isso a revolta de Fëanor teve tanto impacto e tanata repercussão. O Rei dos Noldor se revoltou.
     
  10. Shantideva

    Shantideva Adoro elfos ruivos!

    Sempre tive a impressão que Fëanor conseguiu angariar tantos "simpatizantes" a sua revolta mais por causa do seu grande poder de persuasão do que por ser o Rei.
     
  11. Deriel

    Deriel Administrador

    Ele era o Rei, ele tinha que ser obedecido., Não obedecer ao Rei é alta traição a não ser, logicamente, em que o mesmo está claramente insano. Acredito que ele usou da persuasão dele, da imensa capacidade dele, para convencer que ele não estava errado, e sim que a causa dele, do Rei, era a correta e que portanto deveria ser seguido.

    Acredito que temos condições de dizer que, não sendo ele o primogênito, o Rei, ele não teria sido tão ouvido. A persuasão fortaleceu a posição dele de Rei, não vice-versa
     
  12. Alcarinollo

    Alcarinollo Usuário

    Concordo contigo, Dariel, mas ... rei dos Noldor ele era, mas havia um rei maior que ele, e neste caso estou me referindo ao Rei Ingwë, rei dos Vanyar e considerado o Rei Supremo dos Elfos (ou estou enganado?). A ele, antes de maIS NADA, FËANOR DEVIA OBEDIÊNCIA, mas ele não o consultou, nem seu povo ou seus irmãos. Será que Ingwë poderia se sobrepor à vontade de Fëanor e impedir o exílio dos Noldor? Afinal, que laços de irmandade e solidadriedade eram esses que ligavam os elfos?
     
  13. ShidoSan

    ShidoSan Traí o mov. vegetariano véio

    Os Noldor não eram muito ligados aos Vanyar, eram mais amigos dos Teleri, tendo construido Alquallonde para eles, e mesmo assim, Fëanor foi o ser mais orgulhoso que existiu em Arda, por mai que Manwë Súlimo em pessoa, aparecesse com toda sua majestade e autoridade de Rei Supremo de Arda e o mandasse ficar em Aman, ele partiria, levando consigo seus seguidores. Se você levar para o lado de que Fëanor devia obediência a Ingwë, chegará a conclusão de que todos os habitantes de Arda deviam obediência a Manwë, e como a revolta de Fëanor foi dirigida principalmente à ele, pouco importariam as leis dos Reis dos Eldar, ou de qualquer outro rei, até mesmo se Ilúvatar o tivesse ordenado, duvido que Fëanor ficaria, pois Ilúvatar não o forçaria, para manter o livre arbítrio, e Fëanor não o ouviria, pois ele não ouvia ninguém, a não ser Nerdanel sua esposa, e no estado de loucura em que ele estava, ou ia com ele ou rachava, quem não fosse era inimigo, ajudaria um assassino e ladrão a escapar impune, quem não ajudasse morria se ficasse no meio do caminho, como aconteceu com os Teleri de Alquallonde. Nesse estado de loucura, ele não ouviria a ninguém, e é o natural a acontecer, tendo em vista sua história, que o Fëanor aqui da Valinor mostrou. Foi criado sem mãe, extremamente poderoso, e etc. Além disso, a conseqüencia natural dos erros dos poderosos é proporcional a seus poderes, pois acaba afetando a mais gente e de modo mais intenso.
    Espero ter me expressado bem e que vocês entendam o que quiz dizer...
     
  14. Shantideva

    Shantideva Adoro elfos ruivos!

    Acho que para os Noldor, o título de Ingwë, Rei de todos os elfos, era o equivalente hoje ao da Rainha da Inglaterra, só um título, nada mais. Mas disso eu não tenho certeza. Em todo caso, Fëanor não pediria conselhos a Ingwë, não era da natureza dele esse tipo de coisa.
     
  15. Décimo

    Décimo The Swanson Code

    Concordo, acho que era mais ou menos assim. O título de Ingwë era mais simbólico do que outra coisa, e ele só tinha autoridade directa sobre os do seu próprio clã, os Vanyar. A lealdade dos Noldor era para com o seu rei, que neste caso, após a morte de Finwë, era Fëanor.

    No entanto, ao contrário do que foi comentado por algumas pessoas, principalmente pelo Deriel, não acho que os Noldor tenham seguido cegamente Fëanor, contra tudo e todos, unicamente por este ser o seu Rei - o que os motivou realmente, na minha opinião, foi a vontade de Fëanor, a força do seu discurso, e o seu poder de persuação. Vou transcrever um excerto da obra para compreenderem melhor a minha opinião:

    Concluindo, o que queria explicar é que acho que foram mais as palavras dele do que a sua posição entre os Noldor que os levaram a segui-lo. Acho que mesmo que ele não fosse o Rei por direito, tendo os poderes e capacidades que tinha, e expondo as suas angústias e desejos daquela maneira, teria conseguido levar muitos dos Noldor consigo. Para mim, foi o teor da conversa e a maneira de como foi falada que os incitou.
     
  16. Calimbadil Thálion

    Calimbadil Thálion We eat the wounded ones

    Se possível seja amado, mas se não puder ser amado, seja temido.
    "O príncipe" de Maquiavel.

    Até agora Fëanor já incorporou Adão, Caim, o Diabo e Luís XIV.
     
  17. Alcarinollo

    Alcarinollo Usuário

    Depois de tudo considerado, dando desconto para a personalidade extremamente singular de Fëanor, ainda continuo achando que ele supervalorizou seu desentendimento com os Poderes, cobiçou sua magestade e usou (e desgraçou!) tanto o seu povo quanto a sua prória casa pensando apenas e tão somente em seu orgulho. A cena de sua morte, para mim, diz tudo: Partindo sozinho para enfrentar toda Angband, cercado de Balrogs e mesmo assim sem esperar ajuda. Para ele foi a parte mais fácil: foi para Mandos logo no comecinho da querela e deixou aos outros, inclusive os homens, que ele jamais conhecera, sofrerem nas mãos de Melkor e Morgoth!
    Para mim, finalmente, Fëanor é o anti-elfo, pois nega tudo aquilo que tanto nos maravilha nesse seres inventados: A sabedoria, o amor à terra, a lealdade ao seu povo, o altruísmo e a tolerância em relação aos filhos mais novos.
    Agora podem me apedrejar...
     
  18. Décimo

    Décimo The Swanson Code

    Bom, devo dizer que eu próprio sempre fui um pouco anti-Fëanor, mas no entanto, não é correcto atribuir as culpas de todo aquele sofrimento a ele, única e exclusivamente. Antes de mais nada, o principal responsável por tudo aquilo foi Morgoth. Ele é que roubou as Silmarills, matou o primeiro elfo, e partiu para Beleriand abrindo guerra contra os povos que já lá habitavam. Em suma: ele é que trouxe o mal para a Terra Média.

    E devo dizer que, após reflexão, não discordo totalmente de Fëanor: as Silamarills deviam ser recuperadas. Claro, o modo de como o fez foi precipitado, irracional, enfim, errado. No entanto, outro senão em relação ao que você disse, Alcarinollo: afirma que ele usou e abusou dos restantes Noldor e é o responsável pela sua desgraça, mas é preciso ver as coisas de outra forma; eles foram, não porque ele os obrigou, mas porque no fundo desejavam as mesmas coisas que ele, como verem-se livres da influências dos Valar e partirem à descoberta de novas e distantes terras onde edificar os seus próprios reinos. Eles foram de livre e espontânea vontade, pelo que não se pode responsabilizar Fëanor pelo mal que adveio desse facto. Ele exerceu uma forte influência e foi decisivo na opção por eles tomada, mas se no fundo não quisessem o mesmo nunca iriam com ele (tanto que alguns, mais sensatos, como Finarfin, ficaram).

    Bom, e no fim você nomeia algumas das características que definem um "ser ideal", do qual os elfos são tidos como o grande exemplo; mas a gente sabe que eles não eram todos assim, não é? Eram bem mais "humanos" do que parecem. :g:
     
    Última edição: 13 Set 2006

Compartilhar