1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Fair Play

Tópico em 'Esportes' iniciado por Ecthelion, 4 Jun 2005.

  1. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Galera, o objetivo desse tópico é falar sobre algum tipo de situação onde envolva dúvida quanto a honestidade de alguma jogada...

    Tipo. Vou começar com o do Radamés, do Flu...


    Procuradoria quer punir ala Radamés

    Procurador quer que atleta seja punido por lance do último Fla-Flu. Zveiter classifica denúncia como "palhaçada".

    Do Pelé.Net

    RIO DE JANEIRO - Na tarde desta sexta-feira, o procurador do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), Murilo Kieling, denunciou o lateral-drieito Radamés, do Fluminense, por ato desleal.

    Kieling se baseou nas imagens do Fla-Flu do último domingo, quando um início de confusão se formou no momento em que o atleta do Tricolor, de apenas 18 anos, se antecipou ao meia Renato, do Flamengo, em uma disputa de bola ao chão. O lance originou um ataque perigoso do Fluminense e revoltou os jogadores do Flamengo.

    Para o procurador, o jogador teve uma atitude lamentável ao não devolver a bola e mereceria ser punido pelo tribunal.

    "Achei uma atitude reprovável e o STJD vai julgar. Na disputa do Fla-Flu, em um determinado momento do jogo, o árbitro paralisou a partida para um atendimento. Existe uma cultura para que no bola ao chão o jogador faça uma entrega gratuita da bola. Isso é regra convencionada na pelada de rua. O atleta do Fluminense, malicioamente, se antecipou e fez lançamento ao jogador do Fluminense, que iniciou um ataque. Quase teve briga e por isso estamos denunciando o atleta", disse Murilo, em entrevista à Rádio Tupi.

    Entretanto, o procurador se esquece que no momento em que o jogo foi paralisado a bola estava em domínio do Tricolor, que partia em um contra-ataque. Desta forma, a bola teria que continuar em posse do Flu, e não ser devolvida ao Flamengo. Foi isso o que Radamés explicou esta manhã, nas Laranjeiras.

    "A bola estava com a gente e não tinha lógica eu entregar para o Flamengo. Por isso não entendi a atitude do Renato, quando partiu para cima de mim, pois ele me disse que iria disputar a bola ao chão, ao invés de devolver para o Fluminense. Não fui antiético, apenas quis prevenir minha equipe", disse o lateral, que vem sendo utilizado no meio campo.

    Mas o atleta pode ficar tranqüilo quanto a possibilidade de uma punição. Apesar de não ter gravado entrevista, o presidente do STJD, Luiz Zveiter, classificou a denúncia da procuradoria como "palhaçada" e "sem cabimento".

    ..........................................................................................................
    O que vcs acham? Ele fez o certo? Deve ser punido?
    Comentem e deem justificativas...
    Sem flood please.


    Ah, sim. Eu usei o pesquisar e nada sobre o assunto, apesar de eu jurar já ter visto um tópico sobre isso...Estranho né?
     
  2. ?

    ? Banned

    Eu acho que devia ficar por isso mesmo. Se ele deixasse a bola com o jogador do Flamengo, a bola ia voltar lá pro campo de defesa do Fluminense, que teria que recomeçar tudo de novo. É muito fácil se esconder por trás de um susposto Fair Play pra anular uma jogada perigosa.

    E outra: não existe nenhuma regra que obrigue o jogador a ceder a posse da bola nesses casos.

    E o cara citou as peladas de rua. Quando eu jogo e esse tipo de coisa acontece, a bola volta pro pé do jogador que tava dominando-a quando o jogo foi parado e cada um volta pra posição que ocupava naquele momento. Todo mundo que eu conheço joga assim, e nunca deu confusão. Logicamente que isso é inviável num jogo 11x11, foi só pra mostrar que o argumento do cara é completamente furado.
     
  3. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Acho q Fair Play é uma regra de conduta e não uma lei do campo.

    Eu até hoje admiro o Kanu q fez pior. O Arsenal, time onde ele jogava devolveu uma bola pro adversário mas ao fazer isso a bola passou perto do Kanu q estava no campo do outro time.

    Ele então fingiu deixar a bola passar e depois saiu correndo pegou a bola ficando cara a cara com o goleiro.

    Ele passou a bola pra um companheiro q só empurrou pro gol vazio e o Arsenal venceu por 1 a 0.

    Imoral? Sim... Ilegal? não!

    Aliás acho tudo isso uma palhaçada dos politicamente corretos. Pessoas q querem punir jogadores q fazem embaixada ou humilham o adversário. Competição é isso aí tb... pode humilhar, deve humilhar.

    Nego fica preocupado cmo isso ao invés de se preocupar em punir corretamente o bando de butineiro carniceiro q tem por aí.
     
  4. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Eu sou a favor do Fair Play... e de quebrar a perna de quem age anti-desportivamente como o Kanu.

    Mas esse caso do Radamés é complicado já que a bola estava no ataque do Flu quando o juiz pausou o ataque pra tirar um jogador do Fla. O correto era que continuasse o jogo, no campo de ataque do Flu, após o jogador do Fla sair...

    Eu achei que nao foi legal o que o Radamés fez assim como nao foi legal o fato do Renato nao querer devolver a bola, que era do Flu.
     
  5. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    Em relação ao fair play, do mesmo jeito que o cara pode (ou não) devolver a bola pra quem estava com ela, quem está com a bola no momento em que alguem cai no gramado. É um pouco desrespeitoso com o adversário sim, mas isso conta somente com a boa vontade do jogador.

    Se o cara não devolve a bola, ele é um sacana bastardo, mas um sacana bastardo que não desrespeitou nenhuma lei, só se aproveitou dos outros.
     
  6. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Um sacana bastardo que pode ter a sua perna quebrada por um zagueiro sacana bastardo e MAIOR do que ele... :mrgreen:
     
  7. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    Isso também. :lol:
     
  8. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    sou flamenguista (dá pra saber?) mas axei isso tudo uma babakice.....
    A posse tava com o Flu e permaneceu com o Flu....ponto....
    O q faltou foi diálogo entre os 2 jogadores q tavam na disputa do bola ao xão.....algo como o Radames dizer q ia sair com a bola e q naum iria esperar q o Renato xutasse pro campo defensivo dele.....
    Foi uma atitude de inexperiencia.....Mas daí a keimar o filme do moleke dessa forma, é absurdo.....Axo q esses comentaristas q tão decendo o kct nele tem BEM menos ética do q eles dizem q o Radames tem.....


    Citaram o caso de um jogo do Arsenal aki......Foi esse jogo q foi anulado?
    Se naum me engano teve um lance desses num jogo ArsenalXManUtd onde o jogo foi anulado porcausa disso.....


    Se naum me engano tb, no jogo da final da Copa de 98 (axo) o Edmundo num keria de forma alguma q um companheiro devolvesse a bola num desses casos pq o Brasil tava perdendo.....


    É polemico isso......mas eu sou convicto q são essas polemicas (erros de árbitro, mão-na-bola ou bola-na-mão, falta ou simulação, fair-play naum regulamentado, etc) q fazem o futebol ser tão passional e ter TANTOS fãs.....Afinal, 1 único jogo vira assunto pro ano inteiro, diferente de otros esportes onde num tem o q discutir (se venceu foi pq mereceu e ponto final. Final de conversa)......
     
  9. Ele fez errado. Futebol é esporte, é disputa e o jogo ainda era um clássico, então bota a rivalidade aí no meio. Mas cavalheirismo e respeito são muito mais importantes.

    Agora, puni-lo seria exagero. Aconteceu, pena. Deixa passar também, não vai causar uma tempestade por besteira.

    Certo, mas é o bom senso ?!? Se existisse uma regra nem precisaria de 'fair play'.

    Mas pelada de rua é uma coisa. Na pelada de rua, se eu entrar na tesoura por trás num cara, eu corro o risco de tomar um murro na cara, mas não serei expulso. Não dá pra comparar. Em pelada de rua rola o bom senso, mesmo porque, quando eu jogo, é sempre com a mesma turma, então é tudo camarada de tempos. Depois rola descontração, cerveja e piada e todo mundo se respeita. Agora, no jogo oficial então, deve haver ainda mais respeito, pois são companheiros de profissão.

    Como disse, punir seria besteira. Mas sinceramente, se eu sou zagueiro do outro time, o Kanu ia tomar uma entrada que ele nunca mais ia conseguir andar.

    Eu não acho cara. Todo mundo cita o caso do Edílson, quando jogava no Corinthians, na final contra o Palmeiras. O que ele fez foi a coisa mais filha da puta de todas, ele humilhou um colega de profissão em público, na frente de milhões de pessoas. O Paulo Nunes vôou em cima dele pra porrada. Nunca gostei o Paulo Nunes, mas essa atitude dele foi linda. Respeito e cavalheirismo cara. Todo mundo ali é companheiro de profissão. Pra mim isso é como um zagueiro cavalo. Se o cara dá uma entrada feia, mas na intenção de parar a jogada, é normal, é do jogo. Se o cara vai na maldade pra machucar, gancho nele mesmo.

    E devo citar essa, eu nunca vou me esquecer de uma declaração do Djalminha (ex-Palmeiras) para a revista Placar em 1996 (eu acho). Num jogo Palmeiras x Bragantino, o Djalminha tinha um zagueiro bem brucutú marcando ele em cima e as vezes exagerando. Porém ele (Djalminha) foi lá e disse algo do tipo: "Você é ruim, joga nessa merda de time e ganha salário de fome, enquanto eu sou craque, jogo num time grande e te humilho".

    Cara, se eu sou o zagueiro do Bragantino, eu esperava o Djalminha depois do jogo lá fora pra porrada. E ia bater no cara tanto, mas tanto que ele ia ter que implorar pra eu parar de bater. E todo mundo que não tem sangue de barata faria o mesmo, tenho certeza.

    É isso aí.

    Eu ia citar esse jogo!! 8O
    Inclusive, já tinha até escrito algo sobre isso, mas vou comentar citando seu pos aqui. Foi o seguinte:

    Era um lance de Fair Play, a posse de bola era da França e alguém se machucou e pôs a bola pra fora. Aí o Rivaldo devolveu a bola pra França e o Edmundo quase bateu nele. E o Galvão Bueno apoiou o Edmundo!!

    Sejamos realistas, Final da Copa do Mundo, 30 minutos de Segundo tempo e o Brasil perdendo de 2x0. Você devolveria a bola?? O Rivaldo devolveu. Claro, eu lembro do lance e lembro que xinguem até a mãe dele e o Galvão Bueno fez uma baita carnaval em cima disso, concordando ferrenhamente com o Edmundo. E todos nós também!! Porra, o jogo tava no fim, o Brasil tinha que empatar (pelo menos) pra levarmos pra prorrogação. Não era um caso como esse FlaxFlu, um jogo no início de um campeonato de turno e returno; Era a final ! E da Copa do Mundo !!!

    Mas por mais passional que seja nossa atitude, o Rivaldo fez o certo. Ele estava certo e todos nós errados. Ele só estaria errado se fosse contra a Argentina, pois aí os caras fingem contusão na sacanagem mesmo.
     
  10. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    No caso do drible, eu penso assim.....
    Se um jogador tem a possibilidade de passar pelo zagueiro sem driblar humilhantemente ou passar humilhando, eu apóio q ele passe pelo zagueiro humilhando (q nem o Robinho em 2002 onde dava perfeitamente prele puxar pro lado eskerdo na velocidade na frente do Rogério mas ele preferiu dar suas famosas 8 pedaladas)......
    O caso do Edilson é diferente.....ele num tava kerendo criar nada pro time.....
    Tipo o Kerlon q apareceu hj......as embaixadas dele num são apenas pra ficar humilhando, é uma forma de driblar q é dificil do zagueiro tirar a bola dele.....


    Lembrei de uma coisa q foi um dos fatores d eu começar a naum gostar tanto do Falcão.....
    foi num jogo a poco tempo em q ele defendeu descaradamente a naum prática do Fair Play em situações como essa do Brasil.....
    Me decepcionou um jogador q foi tão clássico e de estilo como ele dizer essas coisas.....
     
  11. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Mas é bem por aí.. era nesse ponto que ia tocar.. mandou bem
    Dependendo do adversário, placar e importância da partida até onde fica o fair play?

    Apesar de sempre defendemos isso, tem horas que não dá pra bancar o bonzinho o tempo todo.. por isso que o futebol é polêmico por ser o que é, o esporte mais fodão do mundo.
     
  12. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Furia, o gol do Kanu não foi anulado não. Prevaleceu o 1 a 0.

    Lord Sky, pra mim o Edilson fez oq podia. Se vc perdeu tá disposta a isso. Ganhe dentro de campo e cale a boca dele, ao invés de dar porrada.

    Olhem Mané Garrincha. Ele humilhava todos os defensores do time adversário. Garrinhca tinha tanto desrespeito pelos zagueiros q chamavam todos de João não é? E ele é venerado por isso.

    Futebol é oq é pela imagem, pelo espetáculo.... e pra mim isso faz parte do espetáculo.

    Se eu fosse jogador, meu sonho seria fazer um gol de bunda no flamengo, pra humilhar mais ainda. Daqueles do tipo, driblar o goleiro, parar a bola em cima da linha e dar uma bundada nela.

    Aliás, quem lembra do Edmundo dançando a Dança da Bundinha em cima do Gonçalves na final do carioca de 97?
     
  13. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Fingo. Eu discordo justamente pela parte da humilhação.

    Na regra diz que vc nao pode humilhar o adversario, podendo tomar ate cartao vermelho por causa disso. O mesmo cartao que o seu adversario vai tomar caso quebre a sua perna.
     
  14. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    mas a humilhação do Garrincha era objetiva.....tinha uma finalidade para o jogo......
    O do Edilson era pura chacota.....Q nem se vc fosse um ator mais conhecido e ficasse rindo e apontando pra todo os otros com desdem.....


    Falando em cartão vermelho.....Eu lembro q teve uma jogadora brasileira (Formiga, Pretinha, uma das 2) q fez esse gol de bunda há alguns anos......Foi expulsa.....
     
  15. Eu concordo totalmente com você!! Na minha opinião, se o jogador dá um drible ousado, uma pedalada, chápeu ou o que seja, na intenção de prosseguir em direção ao gol, eu acho bonito e quero é mais mesmo. Agora, o Edílson foi um caso diferente. A inteñção dele era apenas rebaixar e humilhar o adversário e seus torcedores.

    Mas ainda sim Fúria, o que o Rivaldo fez estava correto. Agora, se eu faria igual, é outra história...

    Como disse acima, existe diferença entre uma jogada ofensiva e de classe, com objetivo de gol e outra apenas pra desmoralizar o adversário.

    Por outro lado, veja só: Garrincha é considerado (com total justiça, vale dizer) um dos cinco maiores jogadores de todos os tempos, devido a sua técnica perfeita. Mas isso não tira o fato que ele era um imbecil e arrogante. O jogador Garrincha sempre terá um carinho especial de todo brasileiro e isso é merecido, mas o homem Manuel Francisco dos Santos era um babaca que morreu pobre, falido, decrépito e alcólatra. E isso também foi merecido.

    E o mesmo vale pra Diego Maradona, um dos maiores craques de todos os tempos e um cuzão absoluto, que inclusive deu risada dos brasileiros quando nos sacaneou naquela história da água batizada. Merecidamente um dos grandes de todos os tempos e merecidamente um rolha de poço acabado cheirador que vive de favor em Cuba.

    Nada pessoal cara, sério mesmo. Mas se eu sou zagueiro do Flamengo, tu ia tomar um chute na bunda por isso.

    Mas era diferente. Os dois eram companheiros de seleção e tudo mais. Eu lembro do Gonçalves ter dito isso. E ali ele encarou mais como brincadeira do que como humilhação mesmo.
     
  16. Faram¡r

    Faram¡r Dr. Benway

    É isso.

    Lógico que eu terei mais respeito por um jogador que adota o Fair Play, não chegaria a admirar alguem que tivesse a atitude do Kanu.

    Acho que as pessoas deveriam se preocupar mais com a violencia e o antijogo, isso sim fere o futebol. Faltas violentas, faltas que param a jogada, tudo feito de uma forma que essa coisa grotesca passa a fazer parte da estratégia do futebol. Isso é ruim, transforma a dinâmica do jogo, deveria ser punido mais severamente.

    Quando ao fair play, ou educação, cada um usa se quizer, contanto que não va contra as leis do jogo (e da sociedade).
     
  17. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    Eu não vejo nada errado no que o jogador do Flu fez.... A bola era dele e ele seguiu com a jogada....

    Agora, seria completamente errado se o jogador do Flamengo tentasse armar uma jogada a partir da bola ao chão, como fez o Kanu e como queria fazer o Edmundo. Se parou o jogo pra tirar um jogador do campo ou coisa do tipo, a bola tem que voltar pro time q tava com a posse antes, ponto. Se o cara do outro time vai aceitar começar tudo de novo ou se vai pra cima é indiferente.

    Fazer o que o Kanu fez, pra mim, é o mesmo que trapacear no jogo. É como falar que o cara que usou doping pra ganhar uma corrida mereceu e idiota é o outro que não usou. Eu sei que é clichê, mas tem horas que o espírito esportivo vale mais....
     
  18. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Fair Play

    04.05.2009 - Por Celso Miranda
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)



    Há uma absoluta miopia sobre o que é fair play, ou jogo justo hoje no futebol brasileiro. Digamos, pra início de conversa que, fair play é concessão, não é regra. Um jogador pode, ou não se quiser, ou não concedê-lo.
    O Santos e Germano fez isso ontem. E se deu mal. A jogada em questão se deu no primeiro tempo. Um lançamento para Jorge Henrique foi interrompido na lateral do ataque corintiano quando estava sob controle de Jorge Henrique. Os jogadores do Corinthians reclamaram, Mano protestou. Segundo a regra, Sávio tinha Razão, a bola estava murcha, e tinha que ser imediatamente trocada. E a jogada deveria retornar em bola ao chão. Ponto final. Até aí, tudo certo, mas, agora há uma lei não escrita que a posse de bola deve ser devolvida. Ué, isso é uma opção. O Santos, momentaneamente desistiu da ascensão, da pressão sobre o Corinthians, e entregou a bola que caiu nos pés de André Santos, no meio-campo. Sem marcação, o lateral saiu em tabela com Dentinho e empatou o jogo.
    No final do primeiro tempo, depois de um lance semelhante, em que a bola, novamente murcha teve que ser trocada, Ronaldo saiu reclamando que o time do Santos não queria devolveu a bola. "Isso não é fair play", disse.
    Mas, só para polemizar: aos 25 do segundo tempo, Dentinho e Elias começaram a fazer graça e passar o pé em cima da bola diante de jogadores do Santos que não haviam sido violentos ou desleais, como Brum ou Madson. E o pior foi ver André Santos, aos 25 minutos, dizendo com desprezo para o bravo e brigador Madson: "Você é vice! Você é vice!" Perguntemos ao Ronaldo: aonde está ao fair play, agora?


    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)



    ............................


    Achei o texto interessante e gostaria de saber o que vocês acham do assunto.
     
  19. Roger

    Roger HEXACAMPEÃO BRASILEIRO!!!!!!!

    Nada contra o corintians em si, porem jogadores que sofrem pressão da torcida, e que se acham alguma coisa por ganhar um titulo estadual a ponto de fazer isso pra mim não devem ser nem mencionados! Uma hora dessa aparece um com cabeça quente e quebra a perna deles, o que na minha opinião seria bem feito.
    A questão da bola ao chão é como a de bola ao alto no basquete, é pra que dois jogadores disputem a posse da mesma. No futebol tem uma convenção de a bola ser devolvida pra quem estava com ela, com o outro jogador a chutando ao campo defensivo. Mas na regra se diz que a bola esta em disputa, entao que a pega nao faz nada de errado.
     
  20. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Por isso eu acho que Fair Play beira a hipocrisia. Nego tola o dedo no rabo do outro no escanteio mas devolve a bola qdo o time manda pra lateral.

    Eu sou a favor de uma mudança de cultura do futebol, q vai muito além do fair play. Faltas em campo podem acontecer, mais ou menos violentas e no caso das mais devem ser punidas mais severamente. Agora, casos de agressão deliberada devem ter punição exemplar.

    Por exemplo, casos como Pepe no Real ou Diego Silva no Palmeiras. Pra mim é 6 meses de suspensão e pronto. Nada de multa ou cesta básica. E ainda com direito do clube a suspender o salário nesse período.

    Agora, casos como o do Germano do Santo pra mim é banir do futebol. É totalmente inaceitável. Eu daria fácil uns 1 mes pro Chicão e bania o Germano. Um soco daquele é caso de cadeia, como já foi no campeonato gaucho. Quem viu esporte espetacular viu q um jogador pegou 2 anos e meio de pena em regime semi-aberto por dar um socão no outro, meio naquele estilo.

    Os jogadores de futebol são despreparados para estar na posição que estão. São pessoas que de uma hora para outra sairam de uma situação de pobreza ao estrelato. Tem a impressão de estarem acima do bem e do mal. Podem fazer o q quiser em campo pois o seu talento acoberta isso. Se o time o banir por causa de uma suspensão não tem problema, vai ter outro time disposto a pagar alto salário pelo seu talento rebelde. E por aí vai. É aí que não há moralização.

    Assim, punindo de verdade, vc começa a moralizar o futebol e criar uma cultura de respeito. Se o jogador tem a obrigação de devolver a bola no caso de colocá-la pra fora para atendimento, que coloquem isso na regra então.

    Hoje temos um Tribunal de Faz de Conta, mais preocupado com a mídia do que com o jogo. Que quer punir o Christian por uma comemoração e provavelmente vai dar punição semelhante ao Germano que merecia cadeia. E se pegar 4 meses de suspensão não tem problema, depois de 1 é só pedir outro julgamento q a pena é reduzida.
     

Compartilhar