1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Expulsem-me de tudo

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por Ricardo Rodrigues, 27 Fev 2012.

  1. Por mais que nos mentalizemos que estamos realmente felizes, nunca estamos. Nunca alcançamos aquela felicidade, aquela dimensão irrealista que abunda apenas nos nossos sonhos e que são nos retirados nos pesadelos seguintes. O sonho é a sequência de algo ou de alguém desejado por nós na realidade. A realidade que nos deixa com lágrimas no rosto, perdidos sem sabermos o que fazer, com um sorriso forçado para que não consigam entender a nossa mágoa, o que nos deixou assim. E apenas respondemos: "Está tudo bem."; Aquela pergunta que nos fazem, será que estamos realmente bem? Talvez sim, talvez não, talvez nem estejamos aqui. Sim, estamos fisicamente presentes, mas a nossa mente circula pelo universo fora e esquece-se dos compromissos que temos na vida.

    Volta a estar tudo bem. Os pensamentos que outrora nos atormentavam, são agora meras pétalas sem qualquer significado, sem qualquer inteligência nas suas células. São partidas sem piada, são sentimentos esquecidos e memórias perdurantes. São o que não deveriam ser, mas mais importante que tudo, são o que não queriam ser. E todos nós desejamos ser o que não podemos ser, como queremos sempre o que nunca podemos ter.

    Quando me imagino nos braços de alguém que me ame de volta, apenas penso no quão feliz eu poderia ser. Só de imaginar a minha paralisação devida ao meu olhar impossível e apaixonado, que se perde naquela face tão linda e doce. O meu toque que desejo usufruir na sua pele macia, aquela urgência de querer tocar nas suas partes mais íntimas, aquele perturbante burburinho no meu cérebro que me tenta parar, mas o meu coração sendo tão forte e ambicioso, não para e continua no prazer inquestionável. E esta imaginação é apenas isso, uma imaginação impossível ou, no mínimo, incrivelmente difícil de alcançar. Eu sei. Eu sei que, por vezes, o mais difícil é mais prazeroso, o mais magnífico, o mais verdadeiro. Culpem-me, julguem-me de estar farto de correr atrás do complicado e apenas querer algo mais simples e igualmente fantástico. Força. Atirem-me as vossas maiores pedras, percam-se no tempo enquanto me tentam matar com as vossas indecentes e imperdoáveis palavras. Força, tirem-me tudo. Tirem-me o que apenas me resta.

    Expulsem-me do amor, suguem-me da amizade. Alertem-me da vida.

    Ricardo Rodrigues
    26-02-2012

     
  2. ricardo campos

    ricardo campos Debochado!


    "O sonho é a sequência de algo ou de alguém desejado por nós na realidade..."


    "O sonho


    Sonhe com aquilo que você quer ser,
    porque você possui apenas uma vida
    e nela só se tem uma chance
    de fazer aquilo que quer..."

    Clarice Lispector
     

Compartilhar