• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

EUA prendem mais de 30 brasileiros que estudavam aviação no país

Morfindel Werwulf Rúnarmo

Geofísico entende de terremoto
Mais de 30 estudantes de aviação brasileiros e o dono da escola de voo TJ Aviation Flight Academy foram presos nos últimos meses na cidadezinha de Stow, a cerca de 45 km de Boston (Massachusetts), acusados por autoridades americanas de viver ilegalmente nos EUA.

A preocupação do governo americano com alunos de aviação estrangeiros aumentou exponencialmente depois do 11 de Setembro --os terroristas envolvidos nos ataques em 2001 aprenderam a pilotar enquanto eram imigrantes no país.

Atualmente, não americanos precisam pedir autorização especial para fazer aulas de aviação. De acordo com uma afiliada da rede de TV ABC, os estudantes presos receberam autorização do governo federal para aprender a voar apesar das dúvidas sobre seu status legal.

A discrepância chamou a atenção do TSA, a agência americana de aviação.

O dono da escola, o brasileiro Thiago de Jesus, nega ser ilegal no país.
"Fiquei surpreso quando descobri [sobre as prisões]",
disse à TV americana Don McPherson, sócio da escola.
"Sempre cooperamos e continuaremos a cooperar com as autoridades federais."
Os presos em Stow não possuem laços conhecidos com terrorismo.

"Você já ouviu falar em terroristas brasileiros?",
indagou Ricardo Pereira, outro brasileiro que trabalha na escola de aviação.
"Não estou dizendo que não podem existir um ou dois, mas não é uma coisa brasileira."
A reportagem da Folha contatou a escola, mas não teve resposta.

LICENÇA ILEGAL


A TSA está investigando se alguém ilegal chegou a receber licença para pilotar. Funcionários da agência afirmaram que vão rever o processo de verificação para autorizações de treinamento de voo.

"Fazemos uma checagem completa de antecedentes em cada pedido e cruzamos com listas sobre terroristas, criminosos e informações disponíveis sobre status legal",
disse a TSA, responsável por verificar estrangeiros que querem treinar aviação.

Fonte
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.495,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo