1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Eu odeio (versão literária)

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por Anica, 5 Mar 2011.

  1. Anica

    Anica Usuário

    Antes de tudo: sim, eu sei que odiar é um sentimento forte e yadda yadda yadda, a ideia aqui é usar a palavra naquele sentido de algo que nos irrita profundamente, etc. e tal. Então me poupem das aloprações sobre o termo odiar.

    Enfim, o mundo da literatura e da leitura é uma beleza, cheia de momentos inesquecíveis. Mas volta e outra tem algo que acontece relacionado a isso que você simplesmente detesta quando acontece, seja com livros, seja com o modo como as pessoas se relacionam com tal.

    Então é isso, o tópico é para colocar a raivinha pra fora. :timido:

    Começando: odeio quando empresto livro para alguém e a pessoa que o emprestou empresta (?!!) para outra pessoa ><
     
  2. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    [align=justify]Odeio também Anica, e a pessoa nunca pergunta nem menciona nem cogita a hipótese de mencionar se você dá algum tipo de permissão para que ele reempreste. E porque o segundo empréstimo é sempre para alguém que não cuida, hein? heheh

    Minha: odeio quando empresta o livro grosso e usam a orelha para marcar a página. Quando é curtinho até que dá para relevar, mas quando está deformando o livro, putz, tu não tá vendo que está estragando!?[/align]
     
  3. Tataran

    Tataran Usuário

    Eu odeio é quando empresto e não devolvem.
     
  4. Rachel

    Rachel Usuário

    Eu odeio muito isso. Tenho a coleção em inglês de Harry Potter e o primeiro livro desapareceu de minha coleção, sei que emprestei mas não me lembro para quem. Sei que parte da culpa é minha, mas para não repetir o erro, decidi não emprestar mais.

    Odeio quando fazem pouco caso da leitura, riem e tentam me convencer que isto é coisa para se fazer quando está velho. Chatos!!! :poop::ameaça::eek::puke:
     
  5. Tataran

    Tataran Usuário

    Eu odeio 90% dos fluxos de consciência que encontro em livros.

    :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla: :blabla:
     
  6. Vinnie

    Vinnie Usuário

    Odeio quando leio uma tradução mal feita, em que consigo ver o texto original por trás.. uma lambança!!!!
     
  7. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    eu odeio a maioria dos best-sellers, por causa do formato superficial, vazio e passageiro.

    tiro apenas o dan brown, q dá pra aprender alguma coisa com o estilo sempre repetitivo e a forma d pesquisa q ele faz.
     
  8. kika_FIL

    kika_FIL Usuário

    odeio, odeio MESMO as traduções da Landmark...
     
  9. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    A tradução deles da Divina Comédia é a melhor que tem '-'

    Mas também conheço só essa.
     
  10. imported_Rafa

    imported_Rafa Usuário

    ODEIO emprestar os livros.
    Emprestei pro meu melhor amigo, brigamos e agora nem sei como vou pegar, mas vou dar um jeito.
    Emprestei pruma colega e vi com outros 3 colegas o livro e até hoje (6 meses!) não recebi.
    Emprestei 2 pra mãe (é mãe né gente?) e nem sinal de fumaça dos livros pela casa. M.E.D.O.
     
  11. Anica

    Anica Usuário

    eu já ouvi falar que a melhor é a da editora 34, mas como não li no original eu não tenho qualquer critério justo para avaliar. de qualquer modo me surpreende a landmark fazer um trabalho bom, considerando que tem no histórico traduções do inglês cheias de erros, para não falar de dois casos de plágio comprovados pela denise bottmann no blog dela.

    aliás, mais uma coisa para meus ódios literários: odeio plágio de tradução!
     
  12. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    Do Inferno a melhor tradução é a do Jorge Wanderley (republicada recentemente pelos Clássicos Abril)... Ele infelizmente morreu e não pôde concluir o trabalho...

    Agora da obra completa, a melhor é a do Vasco de Graça Moura, publicada aqui no Brasil pela Landmark, com um prefácio do tradutor excelente -- um dos melhores que já li...

    O que faz com que essas duas traduções sejam as melhores está no respeito à variação linguística, à sonoridade bem como aos efeitos linguísticos empregados pelo Dante ao longo do texto...

    Vou dar um exemplo clássico:

    Canto XXVIII, onde Dante encontra com Maomé e outros causadores de discórdia (sobre este assunto, ver La escatologia musulmana en la Divina Comedia para uma análise pormenorizada da relação Dante-islamismo):

    Già veggia, per mezzul perdere o lulla,
    com'io vidi un, cosí non si pertugia,
    rotto dal mento infin dove si trulla.

    Tra le gambe pendevan le minugia;
    la corata pareva e 'l tristo sacco
    che merda fa di quel che si trangugia.


    A tradução da 34:

    Nem um tonel, se aduela rebenta,
    fende-se como alguém que vi, rasgado
    desde a garganta até lá onde se venta,

    co'as entranhas à visa e, pendurado
    entre as pernas, levando o ascoso saco
    no qual fezes se torna o que é tragado.


    Jorge Wanderley comenta:

    24: MM, em sua tradução (em decassílabos brancos, lembremos), diz: "ripped open from his chin to where we fart", literalmente , como impõe o texto dantesco. Também DLS (em terza rima): "Down to the fart-hole split as by cleaver", traduzindo com mais crueza até que o original e introduzindo, por necessidade de rima, um "cleaver" (machadinha ou cutelo de açougueiro), que Dante não usou mas provavelmente não vetaria. XP traduz: "Das fauces ao lugar que é menos mundo" (mundo valendo como adjetivo, valendo por "limpo", "puro"); CM diz: "qual vi de alguém nas vísceras golpeadas", em um de seus momentos mais eufemísticos, e VGM escreve "oco do mento até onde se ruja", usando o presente do subjuntivo do vergo rugir, em construção sobre eufemística, bastante caprichosa.

    Vv. 26 e 27: (...) No v.27, MM, mais uma vez literal, usa "shit"; DLS usa "dung", esterco; XP distancia-se o quanto pode, traduzindo por: "Onde o alimento da feição varia"; CM prefere: "e a bolsa que o alimento recebia"; e VGM, "que merda faz daquilo que se engula", aqui no sentido literal.


    Onde:
    MM: Mark Musa
    DLS: Dorothy L. Sayers
    XP: Xavier Pinheiro
    CM: Cristiano Martins
    VGM: Vasco de Graça Moura

    Apenas complementando, Jorge traduz como:

    Tonel que o fundo ou os lados abra ao ar
    não vi mais oco que alguém que eu vi roto
    do queixo até onde é de se peidar

    Entre as pernas pendiam tripas e cotos,
    vísceras fora e mais o triste saco
    que à comida faz merda e lhe dá couto.


    Mas no final das contas isso acaba que se encaxa no tópico da Divina Comédia e não nesse .-.
     
  13. Anica

    Anica Usuário

    não estava pedindo exemplos/provas de quão boas são as traduções, até porque acho que o assunto discutido por quem não é tradutor não serve para mim como parâmetro sobre o quão boa é uma tradução ou não (diferente de ter o gabriel ou a denise bottmann comentando sobre o assunto, por exemplo).

    no mais, como disse, só estranhei o elogio à landmark levando em conta o histórico da editora com traduções. mas sim, seria legal se vc copiasse e colasse o conteúdo desse seu post lá no tópico da divina comédia. ;D
     
  14. Clara

    Clara Antifa Usuário Premium

    Odeio quando estou lendo no metrô cheio e:

    alguém fica me empurrando, como se eu pudesse ir "mais pra frente" se não estivesse lendo;

    alguém está lendo atrás de mim e fica me cutucanto com o canto do livro, como se eu pudesse ir "mais pra frente" pra que o(a) xarope pudesse ler mais tranquilamente.
     
  15. -Jorge-

    -Jorge- mississippi queen

    Odeio quando os hooligans (supostamente estudantes de nível superior) invadem a minha biblioteca, isto é, no final do semestre, isto é, época de provas.

    Ocupando todos os lugares, andando de maneira que parecem estar usando tamancos de madeira, deixando o celular tocar, atendendo o celular, conversando alto com atitude de "tônemaí", teclando no computador como se quisessem destruí-lo, emprestando todos os livros e destruindo eles com rabiscos e dobraduras, tratando os livros como se fossem lixo descartável (como tudo o mais deve ser pra eles), enfim, agindo como se estivessem em um shopping, ou estádio de futebol, transformando o lugar em um inferno (literalmente fica quente e fedendo).

    Melhor época para ir para a biblioteca é nas férias, quando os selvagens se retiram e nem ocorre a eles passar perto dela...
     
  16. Bilbo Bolseiro

    Bilbo Bolseiro Bread and butter

    Eu odeio quando algum amigo chega e diz: "Cara, você PRECISA ler esse livro!". Daí eu pergunto o porquê, e ele responde: "Porque tá todo mundo lendo, tá na moda! Você não vai querer ser o único a não ter lido, né?".
     
  17. _Paulinha

    _Paulinha Usuário

    Eu tb odeio um certo diálogo..., mas é diferente desse seu Daniel...rss

    "Paula, vc gosta de ler?" "Gosto." "Vc lê Iracema, Dom Casmurro, essas coisas?" "Já li, Dom Casmurro gostei bastante, Iracema não gostei muito." "_Ué, mas do que vc gosta então? Paulo Coelho?" "Na verdade, há muitos outros livros além daqueles que tínhamos que ler na escola e o Paulo Coelho..." "Ah, sim, vc deve estar falando dos vampiros, né?" :susto:
     
  18. Mavericco

    Mavericco I am fire and air. Usuário Premium

    (Carteiro chega)

    PAI: -- .....
    MÃE: -- Outro livro!?!??! Meu Deus! O quê que esse menino vai fazer com tantos livros?!?!?

    (Livro é aberto)

    MÃE: -- De quem que é o livro, hein? Joyce? Quem é essa? Nunca ouvi falar... Você compra cada livro, viu...

    Sim. Eu odeio isso.
     
  19. _Paulinha

    _Paulinha Usuário

    :rofl:
     
  20. Bilbo Bolseiro

    Bilbo Bolseiro Bread and butter

    Pois é, essas pessoas que não são conhecedoras acham que as únicas opções que existem são as que estão na moda, as que são feitos filmes e que falam disso na tv, né, um absurdo mesmo, hehe
     

Compartilhar