1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

"Estilos" literários

Tópico em 'Literatura Brasileira' iniciado por Liv, 28 Jan 2008.

  1. Liv

    Liv Visitante

    Qual o seu favorito?

    Romantismo? Realismo? (...) Isso, é claro, dentro da 'literatura' nacional! ;)
     
  2. Bagrong

    Bagrong RaG

    Seriam "Escolas", né, Carol?

    Eu gosto de autores espalhados em diferentes escolas. =P

    Sei bem o que eu não gosto: Arcadismo, Romantismo (terceira fase, em especial), Parnasianismo e Simbolismo.

    Gosto de Realismo/Naturalismo, de alguns autores modernistas e pré-modenistas (os que não fazem textos sem pé nem cabeça) e de uma parte do Barroco.
     
  3. Liv

    Liv Visitante

    É, "escolas" também serve! Enfim eu gosto do Arcadismo e Realismo! :)
     
  4. Bagrong

    Bagrong RaG

    Eu odeio muito o arcadismo. O movimento em si é muito pobre, IMO. "Ei, Marília, vamos ver uma plantinha?". E além de ter toda essa chatice de campo, plantinhas e outros assuntos desinteressantes, tem também o contexto mundial.

    Digo, enquanto o mundo todo vivia o iluminismo com figuras como Voltaire, Diderot, D'Alembert, Montesquieu e Rousseau, Brasil e Portugal resolveram ser árcades. ¬¬

    Ah, que ódio! Todos os alunos do mundo estudam os grandes pensadores com suas idéias que mudaram a sociedade profundamente enquanto nós, brasileiros, estudamos um bando de burgueses que só queria coçar embaxo de uma árvore.

    Maldita Marília. :gira:
     
  5. Anica

    Anica Usuário

    Eu odeio a idéia de escolas literárias, para falar a verdade. Acaba encaixando autores em um balaio só quando às vezes as obras apresentam nuances diferentes das apresentadas com "características do grupo". Mas no final das contas, acho que os meus favoritos são sempre jogados no balaio do Realismo e do Romantismo, então acho que essas devem ser as minhas favoritas :dente:
     
  6. Perséfone

    Perséfone Usuário

    Meus autores preferidos geralmente são os do Romantismo da 2ª fase, como Álvares de Azevedo (que era um chorão, mas eu amo eternamente!). Gosto também dos poemas do Augusto dos Anjos, do pré-modernismo. Então.. ahn, não sei. Acho que no fim das contas eu gosto de todas as escolas.
     
  7. Artanis Léralondë

    Artanis Léralondë Ano de vestibular dA

    Eu acho legal Romantismo :grinlove: e Arcadismo,Carpe Diem :traça:
     
  8. LatinoAmericano

    LatinoAmericano Aqui jaz Alcarecco

    Podre é, mas eu gosto é do barroco,acho que é meio um começo da literatura brasileira, e tem boas coisas, como por exemplo o "Boca do Inferno", que eu já citei aqui no fórum.

    Mas o que eu mais gosto é depois, o realismo e o romantismo com Joaquim Manuel de Macedo e Machado de Assis, principalmente.
     
  9. Luciano R. M.

    Luciano R. M. vira-latas

    Concordo plenamente com isso. Definir é limitar, afinal de contas. Mas indo na idéia do post, eu gosto dos modernistas. Até porque - eu sei que muita gente vai querer me matar pelo comentário - mas eu acho que a literatura realmen brasileira começou aí. Antes... Ok, tínhamos excelentes escritores brasileiros, mas eles ainda eram europeus demais.
     
  10. Realismo e Romantismo
     
  11. Quando comecei a estudar sobre as escolas literárias no 1° ano do ensino médio, achei o máximo essa divisão que enquadra os autores em relação à época e ao "objetivo" de suas obras, porém, após conhecer melhor esse infinito universo que é a literatura, passei a achar essa divisão completamente ridícula, até porque cada obra e autor têm particularidades que os impedem de ser lançados em um mesmo "balaio", como disse a Anica. :lol:

    Desconsiderando o parágrafo acima, posso dizer que minhas escolas favoritas são o Realismo/Naturalismo e o Modernismo. Motivo: Machado de Assis, Eça de Queiroz, Clarice Lispector, João Guimarães Rosa, ... precisa mais? :dente:

    Reconheço que o Romantismo tem autores ótimos, porém é a escola que menos me chama a atenção, principalmente a 2° fase e o Álvares de Azevedo. :blah:
     
  12. Perséfone

    Perséfone Usuário

    Muito pelo contrário... fica tranquilo, foi exatamente assim que me ensinaram no colégio. rs
     
  13. Luciano R. M.

    Luciano R. M. vira-latas

    Menos mal, hahaha.
     
  14. Mas aí eu já que já entra em uma outra looooonga e complicada discussão, de quando deixaram de ser europeus demais, pq pra isso teria que definir quando é que a literatura começou a ser realmente brasileira. É só pq o cara nasceu aqui que é literatura brasileira, mesmo se ele escrever sobre temas europeus? E se um europeu vier aqui e escrever sobre temas brasileiros?
    Enfim, só pra cutucar mesmo, já que a maioria dessas perguntas nem meus professores da faculdade sabem responder bem :dente:


    Eu sou meio desnaturada, não entendo tanto assim de escolas literárias =P
    Sou chatinha, pra falar a verdade. Amo Machado, e gosto de muitos autores brasileiros atuais, mas em compensação tem gente escrevendo hoje em dia que me dá raiva só de ler os primeiros parágrafos. Não tenho uma escola/estilo preferido, ou gosto ou não gosto.
     
  15. Artanis Léralondë

    Artanis Léralondë Ano de vestibular dA

    Eu confesso que me dava maior sono nas aulas de literatura, a prof. era super querida só que repetia a mesma coisa sempre :wall:
     
  16. O que eu acho engraçado sobre essa discussão importada do Antonio Candido (que é importada do Romantismo EUROPEU) é que ele nunca se pergunta quando a literatura européia deixa de usar modelos de outras "culturas", tipo as do Oriente Médio (tipo assimmmmmm, a Bíblia)... Além disso, a Europa não é uma coisa tão una assim, tal como o próprio Brasil não é... Não sei... essa discussão foi muito importante para a formação das faculdades de Letras, mas eu não sei qual é o valor atual dela... Também não sei se a questão não está deslocada (não seria a literatura nacional uma questão institucional? tipo é "assim" que queremos ser representados?)... Não é à toa que o cânone brasileiro se centre no modernismo paulista (Mario, Oswald, Manuel Bandeira, aquele povo todo - os primeiros, são conhecidos de A.C., lembrem-se) e no mineiro associado a ele (principalmente Drummond)...

    Enfim, continua, ad eternum...

    [/quote]
     
  17. Aliás, a minha escola literária favorita é o realismo viceral (-risos-)
     
  18. Anica

    Anica Usuário

    Literatura Brasileira, na minha opinião, é literatura escrita pro brasileiros. Ninguém vai dizer que Shakespeare é literatura latina só porque ele baseou algumas peças em obras latinas, certo? Seguindo esse raciocínio, isso exclui Anchieta e aqueles sermões pentelhos, exclui a carta do descobrimento e a literatura brasileira começaria ali com o tio Gregório no Barroco e vem até os dias de hoje.

    Agora, "escola literária" brasileira, de fato, eu situaria ali no Modernismo. O que não deixa de ser irônico, já que seria nossa única "escola literária", visto que o pessoal que escreveu após este momento é quase sempre jogado todo no mesmo balaio, da "tendência contemporânea".
     
  19. Luciano R. M.

    Luciano R. M. vira-latas

    É, o realismo visceral soa realmente bom.

    Alguém já descobriu o que é o realismo visceral?
     
  20. Realismo viceral....eu ainda não sei... mas soa a Caracu com uma porção de testículos de touro
    hauhauhauhauhauhauhauahuahuahuahauhauhuah
     

Compartilhar