1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

E se o "Mal" só estivesse na cabeça de quem pensa em categorias?

Tópico em 'E Se...?' iniciado por Caladon, 21 Abr 2008.

  1. Caladon

    Caladon Yondo Cala

    Por que não?
    E se a maldade que implusionou, por exemplo Sauron a confeccionar o um Anel não fosse somente uma identidade dos conflitos com a diferença fontal que há em nós?
     
  2. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    Acredite, tal conflito (se existiu alguma vez, foi somente após a Guerra da Ira... e por pouco tempo) nunca perpassou pela mente torpe de Sauron. Todo o seu poder foi direcionado para alcançar um objetivo: o domínio absoluto sobre a mente e o corpo de todos na T-m. Ou a destruição dos mesmo, caso resistissem ao jugo do Senhor do Escuro.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  3. moriel

    moriel Banned

    Isso são os elfos que dizem :P
    Lá vai o meu ditado do momento: "O diabo não é tão feio como aqueles que o pintam".
    Sei lá, as vezes o cara que desenhou o capeta é pior que o próprio capeta, mas nós só vemoz o desenho. As vezes, Sauron era bonzinho, e Aragorn e cia, os verdadeiros vilões, mas eles ganharam e escreveram a história do jeito deles :lol:
     
  4. ALF

    ALF The Proudest Monkey!!

    Tá aí... eu nunca li um livro, relato ou coisa do gênero escrito pelo lado dos que foram derrotados. Acredito que os valores seriam invertidos, menos os derrotados seriam os que lutaram por uma causa justa e nobre ao modo deles. No entanto, essa seria uma história onde o "bem" é vencido pelo "mau"... seria legal ler uma coisa assim.
     
  5. moriel

    moriel Banned

    O pior é que tem, aqui no forum, é uma fanfic do Silma, e eu tou traduzindo :P
    Livro Negro de Arda :P
    Afinal, Melkor era bonzinho e tudo o mais ^^
     
  6. ALF

    ALF The Proudest Monkey!!

    Opa...:D vou procurar para ler então.
     
  7. Caladon

    Caladon Yondo Cala

    Pois é... mas a questão pode ser mais profunda ainda. Não se trata só de ver "lados", termos como vencidos e vencedores, bem e mal, certos e errados, ainda são categorias. Mas e essencialmente, há algo que postule a pura e simples autodestruição? Há conservação com caos? O caos não seria então uma forma de manter as "coisas" em movimento? Produzir ciclos, como a respiração que precisa da falta de ar e assim por diante?
     
  8. Calenardhon

    Calenardhon Cavalariço de Rohan

    acho difícil pensar isso porque afinal diversão para os orcs era uma boa matança sem motivo, ou ver um prisioneiro sendo torturado até a loucura
    meio difícil criaturas assim lutarem por causas nobres...
     
  9. Fringway

    Fringway Andarilho do Norte (187)

    Poxa, bacana esse fanfic, vou procurar ele.
    Será que o pessoal não animaria de juntar pra fazer uma história do SdA vista pelo outro lado? Seria trabalhoso, mas muito interessante:wink:
     
  10. camila*

    camila* Usuário

    Ainda acredito não existir bem ou mal. Mas lógico, o que fazemos que afeta, de uma maneira ruim a vida de outra pessoa, obviamente é considerado algo 'mal'.

    Acho que o conceito de mal que temos são as atitudes reprováveis. Ser egoísta e pensar na desgraça alheia é mal. E Sauron é isso aí. Quis subjulgar pessoas para ser líder absoluto. Ele é mal. i.i
     
  11. Caladon

    Caladon Yondo Cala

    Tudo o que se fecha
    se deteriora,
    toda força que limita
    acaba por se auto aniquilar
    As ações egoístas são auto-fágicas
    devoram-se a si mesma
    mas ainda me assusta ver que
    nem sempre tais pessoas sabem disso
    Alguns falam do meio que influencia o indivíduo
    ou de uma tendência inata
    Não sei...
    Mas e o contrário,
    o que é e total abertura?
    O que há de grande em ser doação?

    Uma vez li uma lenda chinesa que me fez lembram muito Tolkien, ela dizia mais ou menos assim com as devidas modificações.

    Havia um treinador de dragões
    um velho que há muito descobriu o segredo da vida, da sua e com isso dos dragões.
    O principe de seu vilarejo veio lhe trazer seu melhor dragão para ser treinado para a luta. Ele aceitou o trabalho e começou o treinamento.
    Uma semana depois veio o principe e perguntou do dragão: - Ele está pronto para a luta?
    Não - repondeu o velho - quando ele vê outro dragão fica todo agitado e impulsivo, ainda não está bom!
    Na outra semana a mesma coisa.
    Não, ele ainda não está bom, ainda há nele algo como um demônio que quer sair e atacar qualquer um.
    Na outra semana
    Bem... ele está quase bom, já é um dragão de luta profissional, quando vê outro dragão, ele nem se mexe, parece de pedra e com um olhar profundo que faz qualquer adversário fugir.


    A lenda acaba aqui. Parece que não tem fim, pois é, esses orientais são cheios dessas coisas.

    Mas não custa se perguntar:
    Como seria então, o dragão se ele estivesse pronto para a luta?
     

Compartilhar