1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Distribuição de renda no Brasil

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Ranza, 22 Jul 2013.

  1. Ranza

    Ranza Macaco

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Por Mara Nogueira.



    Galera, recebi isso de um amigo via facebook, sempre discutimos politica nos arredores do bairro Cidade Nova.
    Os dados são do IBGE e são bem caóticos.
     
    Última edição: 23 Jul 2013
    • Gostei! Gostei! x 1
  2. Calib

    Calib Visitante

    Sou rico e não sabia. É isso, Arnaldo?
     
  3. Ranza

    Ranza Macaco

    É bem por ai.
    Mas o problema que o ser rico está relacionado a um estado de pobreza bem avançado.
    Como uma pessoa pode viver com 255 por mês?
     
  4. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Dados do Censo 2010:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Mas renda é um troço complicado, raramente a pessoa é sincera na hora de responder, e sempre mente pra baixo. Isso quando responde...
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. Ranza

    Ranza Macaco

    mas se voce olhar o PIB per capita
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    e por
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    do ano seguinte, e contar com a má distribuição de renda, você pode perceber que a margem de erro nem é tão grande.

    Pensa que um jogador de futebol da série a recebe em média 100mil mes, já são 5 recebendo nada.
     
    Última edição: 23 Jul 2013
  6. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Arquivos Anexados:

    Última edição: 23 Jul 2013
  7. Ranza

    Ranza Macaco

    Mesmo assim, se você ganha mais de 1500 reais (tente viver em um capital com isso), você faz parte de +- 18% da população, apenas 18%.

    Mais da metade da população vive numa faixa entre 255 a 1020 reais.
     
  8. Pearl

    Pearl Usuário

    Nesse ponto, pelo menos para as rendas mais altas, o dado da receita federal deve ser mais confiável.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    São números e percentuais nada animadores. Ainda vai levar muitas décadas pra isso tudo melhorar sendo o mais otimista possível.
     
  10. Pim

    Pim God, I love how sexy I am!

    Bel, explica essa tabela aí pra gente, prfv! Eu sei que você é de confiança, mas eu queria entender o que tá explicitado. :lily
     
  11. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Sabe o gráfico do primeiro post? O que eu fiz foi tentar reproduzi-lo, mas acabou que os dados divergem.
    Por exemplo, na minha conta, das pessoas amostradas que possuem renda, 30,25% ganham mais de 510 a 1020 reais mensais. Se considerar o total da amostra, 20,33% está nessa faixa.
    E, entre as pessoas amostradas que possuem renda, 71,57% ganham até 1020 reais.
    A primeira coluna é o valor bruto, o resto é porcentagem.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  12. dermeister

    dermeister Ent cara-de-pau

    O buraco está bem mais embaixo e a própria fonte citada não tem sentido algum. A tabela 1.8.17 dos resultados preliminares, cujo
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    está na legenda da imagem, não trata de rendimento mas de moradia: "Tabela 1.8.17 - Domicílios particulares permanentes, moradores em domicílios particulares permanentes e média de moradores em domicílios particulares permanentes, segundo a situação do domicílio e as classes de rendimento nominal mensal domiciliar per capita - Brasil - 2010"




    Edit: <fanboy> Like totalmente aleatório num post da Bel só pelo avatar da Rose :) </fanboy>
     
    Última edição: 23 Jul 2013
    • Gostei! Gostei! x 2
  13. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Véi, IBGE divulga umas coisas muito estranhas :eek:
     
  14. Pim

    Pim God, I love how sexy I am!

    Entendi a explicação, mas olhei pra tabela de novo e desintendi tudo, haha.
     
    • LOL LOL x 3
  15. Ranza

    Ranza Macaco

    Para entender o IBGE tem que pensar como estatístico, pois estava eu outro dia comentando certos dados do IBGE sobre saneamento básico com um colega formado na área, e quanto mais ele me explicava, menos sentido fazia, e pra ele parecia tão claro como céu de brigadeiro.
     
  16. Bel

    Bel Moderador Usuário Premium

    Oi, eu sou formada em Estatística pela Unicamp e trabalho no IBGE desde março do ano passado :g:
     
    • LOL LOL x 5
  17. Grimnir

    Grimnir Usuário

    Não entendi...

    Acho que o resumo da ópera é: Olhe para a 4ª coluna, onde os valores estão em %. Para cada intervalo de renda (na 1ª coluna), Nessa 4ª coluna você pode verificar a parcela da população (que ganha alguma renda) cuja renda está dentro de um determinado intervalo (1ª coluna). Então: 7,08% dos brasileiros ganham até 127,50 reais, 5,6% dos brasileiros ganham entre 127,50 e 255 reais e por aí vai.
     
  18. dermeister

    dermeister Ent cara-de-pau

    Veja o rodapé do gráfico da iamgem do primeiro post, onde há uma referência
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    . Meu plano era recriar o gráfico a partir dos dados originais para, depois, recriá-lo novamente a partir dos dados atualizados. O problema é a própria fonte citada não tem relação com a conclusão exposta.

    EDIT: Ah, saquei. É o caso de usar os dados de número de moradores em domicílios por classe de renda. Vamos ver se funciona agora.
     
    Última edição: 25 Jul 2013
  19. Ranza

    Ranza Macaco

    E até você acha complicado?
    Ai ferrou tudo então.


    Se você considerar que a ONU considera uma linha de pobreza de 2 dólares por dia, e colocar o dólar na cotação do dia (2,3 segundo o google), o que daria 138 reais por mês, teríamos pelo menos 7% da população abaixo da linha da pobreza. Mas eu acho bizarro pensar assim, pois uma pessoa que tem renda de 255 reais por mês no Brasil é muito, muito pobre.
     
    Última edição: 26 Jul 2013
    • LOL LOL x 1
  20. Grimnir

    Grimnir Usuário

    É isso aí que eu ia falar. Eu fiz umas contas só pra testar as percentagens para algumas faixas de renda e os números ficaram certinhos. Na tabela que a Bel postou, se bem entendi, a segunda coluna indica a quantidade de indivíduos cujos salários estão naquela faixa de renda. A segunda coluna
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    fala sobre domicílios sim, mas na terceira coluna você tem o total de indivíduos (a última coluna é a razão entre a terceira e a segunda coluna).

    Nada disso muda o fato de que realmente há muita desigualdade de renda no Brasil. O Índice de Gini mostra bem isso (embora não só isso):

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Achei um outro gráfico interessante sobre a "densidade" do PIB. Trocando em miúdos, as áreas de cor mais escura no mapa são aquela onde há maior renda. Assim sendo, se um país tem muitas áreas claras e escuras, então ele terá maior desigualdade de renda:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Enfim, é outra forma de ver o mesmo problema. Como eu gosto de visualização de dados, achei legal compartilhar.
     
    • Gostei! Gostei! x 1

Compartilhar