1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

[Discussão] Heroi ou anti-herói?

Tópico em 'Quadrinhos' iniciado por Breno C., 12 Dez 2008.

  1. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Herói: O herói é uma figura arquetípica que reúne em si os atributos necessários para superar de forma excepcional um determinado problema de dimensão épica. Do grego ‘hrvV, pelo latim heros, o termo herói designa originalmente o protagonista de uma obra narrativa ou dramática.

    Anti-herói:O anti-herói é um personagem principal que não corresponde ás características ou aos valores dos heróis tradicionais.

    Eu prefiro histórias com anti-heróis, acho que fica mais real você colocar um cara sem escrúpulos como o Constantine para ser o salvador do mundo, do que colocar um MEGAULTRAFODOLESCO Superhomem, que nem humano é.
    Então, queria saber a opinião do pessoal sobre essa questão.
     
  2. Izze.

    Izze. What? o.O

    Importação de tópicos?

    Bem, como eu já disse no OMG, prefiro os anti-heróis.

    Gosto mais das histórias onde eles aparecem, acho mais divertido, menos meloso (seres bons demais são enjoativos). =B
     
  3. Knight of Cups

    Knight of Cups Usuário

    Anti-heróis é claro...
    Ninguém gosta dos heróis perfeitinhos que se sentem culpados só por terem dormido um pouco mais de manhã... :puke:
    Enjoativos e chatinhos pentelhando a vida dos vilões... :blah:
     
  4. Breno C.

    Breno C. Usuário

    A verdade é que originalmente esse tópico seria do meia, mas meus dedos são mais rápidos que a minha mente, por isso acabou indo primeiro para o OMG...
    Mas valeu por dar sua opinião novamente...
     
  5. Reverendo

    Reverendo Usuário

    Anti-herói naturalmente. Mais tridimencional, mais realista, menos confiável.
    Mas o Constantine... Taí uma personagem quase impossível de classificar.
    Notei uma tendência dos grandes heróis do passado, serem na verdade anti-heróis. Até mesmo terem seus momentos da mais deslavada vilania, como Ulisses assassinando friamente o filho (ainda criancinha) de Heitor ou Josué fazendo uma limpeza étnica "braba" na terra prometida.
     
  6. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    Mas nem todo herói é perfeitinho. Se o herói tem defeitos, isso o torna um anti-herói? Se for pensar assim a maioria dos heróis vira anti-herói, incluindo o famoso e clássico Hércules, q matou a esposa e os filhos.

    Acho q o conceito de herói tá mto superficial na discussão.
     
  7. Fernando Giacon

    Fernando Giacon [[[ ÚLTIMO CAPÍTULO ]]]

    Sou mil vezes mais um anti-héroi, daqueles que é tão desnivelado que parecem vilões malvadões, de preferência claro. Sei lá, herói soa tão falsinho, tão fantasioso, não parece ser algo de nossa realidade, isso é mais pra contos de fadas (que me irritam com aquela pureza infeliz).
     
  8. imported_?

    imported_? Usuário

    Não dá para generalizar. Isso depende basicamente do livro ou do filme. Existem histórias em que o vilão é demais e o herói sem graça e vice-versa. O que ocorre hoje em dia é que a maioria das pessoas prefere o anti-herói, por isso as produções atuais estão fazendo os vilões carismáticos e muito mais interessantes do que os heróis exatamente pensando nessa preferência atual.

    Então eu prefiro analisar o que estou lendo ou assistindo para decidir que se gosto mais do herói ou do anti-herói.
     
  9. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Po, essa discussão era para se ater só aos heróis de quadrinhos e mangás, mas acho legal ela se perder por filmes e livros, até mesmo porque os heróis de livros e filmes tem características um pouco diferentes das HQ.
    Tirando as one-shots, nos quadrinhos os personagens têm mais tempo de mostrar seus lados e faces, diferente dos filme, mas eles não tem a pluralidade que existe nos heróis de livros.
     
  10. imported_Cabal

    imported_Cabal O Poeta Aprendiz

    Nas Hq´s eu acho que curto um pouco de cada, depende da história, sou fascinado e fã incondicional do Homem-Animal, e ele não é bem um herói do tipo certinho, tem diversos problemas, mas não é anti-herói, creio que eles fascinam mesmo, por parecerem mais reais, sarcásticos e etc..., acho que vai do contexto mesmo, gosto de ambos.
     
  11. aces4r

    aces4r Usuário

    Os anti-heróis são mais humanos.
     
  12. Rodovalho

    Rodovalho Usuário

    É só comparar os heróis feitos por Jackie Chan e Jet Li. Jackie Chan leva muita porrada, tem medo e foge sempre que pode. É até uma forma de sadismo gostar de vê-lo apanhando. E Jet Li geralmente faz filmes em que ele é invencível, que a possibilidade dele perder é nula.

    Ainda assim, existe aquele herói que apanha mas sabemos de cara que ele no final vai usar todas as forças do bem e do amor para vencer com sucesso o mal.

    Existem os heróis vilões. Como o herói de Taxi Driver. Ele deve vencer a si mesmo. Existem os vilões heróis, como o assassino de Onde os velhos não tem vez. Ok, forcei. Ele é um perfeito vilão quase perfeito. A imperfeição dele é que...
    ele não perde no final


    Talvez o herói tradicional faça as coisas erradas e tenha fraquezas e ainda é considerado o mocinho porque assim pinta o autor. Porque Josué não estava errado em suas guerras fúteis. Nem Hércules e Ulisses no infanticídio.
     
  13. Palazo

    Palazo Mafioso Literário

    Sei que a discussão se resume a anti-herói e Herói, mas assim como disse o JLM o conceito de ambos é superficial e se confunde em momentos de qualquer história.

    Como conheço pouco HQs queria saber se esse conceito é bem dividido, ou se assemelha aos filmes e demais histórias em que os dois se misturam e a discussão meio que perde o rumo.
     
  14. Kruppa

    Kruppa Usuário

    [align=justify]Creio que o anti-héroi vive um momento hype graças a popularização do Mark Millar e talz, isso é fato, como anti-herói voltou a dar dinheiro, da pra ver alguns por ai.

    Eu realmente prefiro anti-herói por ser fã das HQ's do velho Frank Castle, porém, o conceito de Herói não diz que o mesmo é perfeito, o herói tenta, eu disse tenta se encaixar dentro dos conceitos puritanos de honra e honestidade que a sociedade prega, mas nem sempre conseguem, isso é o bacana do Herói, o Capitão América já passou por isso, o Batman também, e ambos são "Heróis certinhos".

    O grande problema de uma discussão dessa é tomar alguns heróis clássicos da DC como o Superhomem por exemplo.[/align]
     
  15. Pescaldo

    Pescaldo Penso, logo hesito.

    Os heróis e anti-heróis dos quadrinhos acabam sendo muito superficiais e facilmente definidos quando comparados aos da Literatura. Na trilogia clássica (que definiu o conceito de herói) você só tem heróis: Aquiles, Ajax, Heitor, Enéias...

    A maioria dos heróis dos quadrinhos são essa coisinha de politicamente correto, o que passa uma visão meio distorcida do que é um herói e o transforma em algo inumano. O anti-herói é bem mais humano, sim, não porque ele é malvadão ou se aproxima do vilão, mas porque ele tem características mais humanitárias como medo, preguiça, falta de força extraordinária e coisas do tipo.

    Os personagens do Jackie Chan, em sua maioria, são anti-heróis. Enquanto que o Jet Lee geralmente faz heróis. Macunaíma é um anti-herói, Chapolin é outro. Na verdade, Chapolin, em termos cartunescos, é o melhor exemplo de anti-herói que vocês encontrarão.

    Eu não vejo nem os heróis mais sombrios da DC/Marvel (apesar de conhecer pouco) como anti-heróis. Pra mim todos são heróis com personalidades e histórias diferentes e, como citaram acima, Frank Castle é um dos mais heróicos a meu ver e que talvez se aproxime mais do conceito de anti-herói pela falta de habilidade especial ou coisa que o valha, assim como o Batman.
     

Compartilhar