1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Diferença de mentalidades

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por BeorZenni, 31 Out 2010.

?

Você acha que o Brasil pode se dividir em "Norte" e "Sul"?

  1. Sim, acho que pode vir a se dividir

    6 voto(s)
    28,6%
  2. Não, acho que nunca vai acontecer isso

    15 voto(s)
    71,4%
  1. BeorZenni

    BeorZenni Usuário

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    olha bem o mapa :think:

    com o resultado ds eleições de 2010 podemos ter uma boa noção de como o povo do norte pensa diferente do povo do sul, como o norte escolhe um caminho e o sul escolhe outro para um mesmo pais

    a pergunta da enquente é:
    Voces acham possivel que algum dia o Brasil se divida em Brasil do Norte e Brasil do Sul?
     
  2. Allënheisch

    Allënheisch Slavsia!

    Por mais que no Norte se pense diferente do Sul, não creio que um dia o Brasil possa ser divivdo, acho isso quase improvável. O que nos caracteriza como Estado-Nação antes de tudo, é a nossa afirmação como brasileiros que somos, nossa cultura, nossa história, etc.
    E quem disse que pensar diferente é ruim? Isso mostra o quão diversos (porém, não conflitantes) podemos ser sendo uma nação "una", e essa diferença de mentalidade deve existir, afinal, ninguém pensa igual á todo mundo, e se assim fosse, aí sim, eu teria um motivo para temer pelo país.
     
  3. Knolex

    Knolex Well-Known Member In Memoriam

    Nos EUA existe uma divisão parecida nos votos e mesmo assim não existe uma divisão do país.
     
  4. Fafa

    Fafa Visitante

    José Serra teve vantagem realmente expressiva em apenas 2 estados. Ambos ficam no Norte, são: Roraima (66,5 a 33,5) e Acre (69,6 a 30,3).
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. Snaga

    Snaga Usuário não-confiável!!!

    Eu ia falar isso. Apesar do Serra ter ganhado em todos os estados do centro-oeste e sul e alguns do sudestes, nestas regiões as disputas foram bem acirradas.

    Os únicos lugares onde ganhou com folga foram nesses dois estados do Norte.

    Apesar do mapa dividido visualmente, em resultados o pensamento é bem misto e proporcional.

    E que estado seria louco de pedir independência e perder cinco títulos mundiais?
     
  6. Lordpas

    Lordpas Le Pastie de la Bourgeoisie

    Essa história de divisão é uma ferramenta sistemática utilizada para "culpar" o NE pela eleição do PT.

    A questão é que o PT vai muito bem no NE e é competitivo nas outras regiões. Serra esperava alcançar uma diferença de 5 mi em SP e empatar em minas... ocorreu que o saldo entre os dois maiores colégios ficou próximo de zero. Dilma ganhou Minas, Serra ganhou São Paulo (com cerca de 1,8 mi de vantagem), no Rio ganhou Dilma, no ES empatou praticamente.

    Ou seja, na região SE ela não só ganhou como fez margem de votos superior para anular os votos tucanos do sul e centro-oeste. Mas notem que no Centro-Oeste Serra ganhou por uma margem inferior a 60 mil votos.

    A grande diferença está no Sul com vantagem a Serra superior a 1.2 mi de votos. Mas a questão é: se não levarmos em conta os votos do NE, Dilma continua ganhando do Serra.

    O nordeste apenas deu a Dilma uma margem maior.
     
  7. BeorZenni

    BeorZenni Usuário

    o mapa da votação desse domingo foi apenas um exemplo ilustrativo da divisão de opiniões
    claro que o pais nao se divide por opção de candidato à presidencia, se isso acontecer seria por meio de golpe de estado, até porque essa divisão hoje em dia é inconstitucional, portanto precisaria um golpe para isso ocorrer, assim como ocorreu na ditadura militar, mas com um objetivo diferente, o de dividir o pais

    agora me surge outra duvida, sera que isso causaria uma guerra civil dentro do Brasil? sera que passariamos a ser como a coreia do norte e a coreia do sul, não necessariamente tendo um sistema economico diferente como eles aonde o norte é socialista e o sul capitalista, mas que gerasse uma guerra civil?

    hahaha, é iria ser uma briga boa pra saber quem ficaria com os titulos mundiais de futebol ^^
     
  8. Fafa

    Fafa Visitante

    O mapa é enganoso. No RS, por exemplo, a vantagem de Serra foi de menos de 1%. Entretanto, o estado aparece azulzinho do mesmo jeito. O mesmo acontece em GO e ES.


    A divisão das Coreias não se deu por vontade popular, mas por imposição externa. Até porque os principais líderes da revolução coreana eram oriundos do Sul, onde ficava a sede do partido dos trabalhadores.
     
  9. Fafa

    Fafa Visitante

  10. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Eu sou da opinião sincera que se o Brasil tivesse se fragmentado no inicio da colonização como os países hispânicos sulamericanos teria sido melhor. Logicamente ainda não conheço todos os estados brasileiros, mas essa opinião minha é quase que definitiva.

    Já pensou se porção hispânica da América do Sul fosse um único país e a Argentina tendo que mandar dinheiro pros vizinhos "mendigos" Bolivia e Paraguai e o México socorrendo El Salvador e Honduras? Ambos estariam quebrados.
     
  11. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    Mas é necessário lembrar que o Brasil ainda está em pleno processo de consolidação política. Os EUA estão no quadro político atual há mais ou menos um século, com esses partidos, e apenas estes partidos, defendendo especificamente essas ideias.

    E já faz um tempinho que é democratas na Nova Inglaterra, na Costa Oeste, nos Grandes Lagos e no Havaí, republicanos no sul, no centrão e no Alasca.

    Por exemplo: o Rio Grande do Sul, durante toda a década de 90, era um forte bastião petista. A oposição petista-pedetista dominava o governo do Estado e Porto Alegre. Quando FHC venceu no primeiro turno, o voto a Lula foi maioria no RS.

    O Acre também é um caso curioso. O alicerce de fundação da atual estrutura política do estado é eminentemente petista, com gente como Tião e Jorge Viana e a própria Marina Silva, que derrotaram uma antiga elite que controlava as coisas por lá. Alguma coisa de muito negativo do governo federal aconteceu para estes estados isolados da Amazônia. E mesmo assim, eles elegeram o Tião governador.

    Porque a parte do Norte conectado à infraestrutura do País (isto é, para todos os efeitos práticos, o leste do Pará) parece não ter uma dinâmica distinta daquela nordestina e votou na Dilma em peso.

    E o Estado onde eu moro, Minas Gerais, como sempre votou no que iria vencer. À parte de não ter a presença da cultura amazônica, de resto Minas é um grande microcosmos do Brasil, incorporando regiões com características do Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste.
     
  12. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Bem, eu penso que as regiões possuem identidades.

    Para que haja ruptura física é preciso que a identidade regional entre em conflito com os valores defendidos pela identidade nacional.

    Minha avaliação é que a identidade nacional ainda não corre risco de ruptura física imediata, mas corre riscos locais que podem levar a isso. A começar pelo desrespeito a constituição.

    Alguns riscos que se corre (e o de todos os países) é dos novos fatores de desestabilização que vem afetando todos os países como a migração, o terrorismo, etc... Esses fatores alteram profundamente a identidade de uma região e a colocam em rota de colisão com a identidade nacional se não forem administrados com clareza.

    A imaturidade de uma sociedade também é um fator de desestabilização. Um povo imaturo pode colocar a perder qualquer regime, seja ele uma monarquia, democracia, um governo de direita ou de esquerda e cada vez mais o sucesso de um país é resultado também do sucesso de seus cidadãos.

    Com mais tecnologia o jogo político fica mais complexo e isso pressiona ainda mais as populações defasadas.

    Se o ataque terrorista em nossa embaixada tivesse sido tratado com a seriedade que merecia nós saberíamos que nosso governo está pensando na direção correta, mas descobrimos que ele nem sequer pensa nisso.

    Devemos considerar portanto que nosso país corre risco de sofrer revoltas nas regiões defasadas do país, pois essas populações ficam a deriva de um sistema que não se comunica. E pode acontecer exatamente aquilo que aconteceu na embaixada de Honduras em nossas cidades. Infelizmente, o Brasil é um país que devido ao crime e violência já se encontra em guerra velada nos moldes do terrorismo internacional. Uma ameça invisível e não declarada que é sempre subestimada e nunca chamada pelos termos corretos.

    De sorte que eu consideraria, segundo os índices educacionais e de qualidade de vida, as regiões Norte e Nordeste como as mais imaturas do país.

    As regiões Sul e Sudeste não sofrem tanto esse problema, mas a imaturidade política impede de cobrir os males próprios das regiões ainda mais atrasadas.
     
  13. dermeister

    dermeister Ent cara-de-pau

  14. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    No sudeste a disputa foi muito acirrada, pra se ter uma idéia, em BH a diferença entre os dois foi de pouco mais de 10 mil votos. Pra uma cidade de 2,5 milhões de habitantes, é algo bem interessante.

    Serra: 662.232 votos
    Dilma: 651.989 votos

    Diferença exata de 10.243 votos

    Serra venceu as eleições numa capital há quase 20 anos governada pelo PT e a Dilma venceu em Minas Gerais, estado tipicamente "tucano" onde o vencedor ao governo estadual foi o Anastasia do PSDB.
     
    Última edição: 2 Nov 2010
  15. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    MG não é "tipicamente tucana", no que se refere à votação para presidente, ao menos no contexto da Nova República. Costuma-se votar em quem ganha por aqui. Dentro do Estado sim, a disputa é entre PSDB e PMDB, e, por alguns motivos bem claros, o PSDB vem ganhando todas.

    O PT é forte em alguns dos grandes centros, mas fraquíssimo no interiorzão. E nosso Estado é fortemente interiorizado. A percentual da população que mora na zona metropolitana, de pouco mais de 25%, é um dos menores do Brasil, contra os 1/3 que moram na grande POA, a metade que mora na Grande São Paulo, os dois terços que moram na grande Rio. Ser conhecido dos eleitores das centenas de pequenos núcleos urbanos aqui, muitas vezes sem um bom acesso à informação, é primordial.

    E isso explica muito da derrota do Pimentel no Senado.
     
  16. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    Bem lembrado Extraterrestre, só esqueci de dizer que Minas em grande maioria é PSDB para o governo do estado haja em vista a vitória esmagadora do Anastasia.
     
  17. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    Também, votar em quem do PMDB? O Porcão? Hélio Costa? Leonardo Quintão, o pai, Sebastião? Wellington Salgado?

    Menos mal que o Estado seja dos tucanos.
     
  18. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    Nenhum desses que vc citou presta, e Anastasia no Governo não presta também. :lol:
     
  19. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    Acho menos intragável que os outros. Tem seu projetinho político liberal, de esmagamento do serviço público e de liberdade de imprensa questionável. Mas o PMDB só tem projeto pessoal.
     
  20. Snaga

    Snaga Usuário não-confiável!!!

    Pelo menos na minha cidade, de acordo com esses mapas, o Serra ganhou!
     

Compartilhar