1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Dez coisas mais irritantes que viajantes fazem em hotéis

Tópico em 'Planeta Bizarro? Estranhices? Bizonhices?' iniciado por Fúria da cidade, 18 Nov 2015.

  1. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Depois de uma longa e cansativa viagem, o que você mais quer na vida é chegar no hotel e colocar os pés para o ar. Isso provavelmente vai acontecer, a menos que você cruze com alguém que tenha um dos dez comportamentos mais irritantes em hotéis.

    Uma pesquisa do site Expedia, que entrevistou 1.019 adultos norte-americanos durante o mês de agosto, apontou quais são as condutas mais peculiares e folgadas exibidas pelos companheiros de hospedagem. Confira o Top 10 das reclamações.

    Divulgação
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    1 - Os pais do "Dennis, o Pimentinha"


    Enquanto as crianças correm e fazem a maior bagunça pelos corredores do hotel, os pais preferem checar seus smartphones ou se entreter em conversas com outros adultos. Pior do que cruzar com uma criança estilo "endiabrada"- como no famoso desenho - é encontrar pais que não repelem tal comportamento. Tanto que esta foi a reclamação mais citada entre os entrevistados, com 67% do votos.

    Reprodução/BGR.com
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    2 - Leve que nem um elefante

    Será que está acontecendo uma debandada de animais selvagens logo ali no corredor? Não, meu amigo. São apenas aquelas pessoas que conseguem fazer um barulho infernal no rápido trajeto entre o quarto e o elevador, esquecendo de respeitar a plaquinha de "Não perturbe" pendurada na porta dos colegas de hospedagem. Este tipo foi alvo de reclamações de 64% dos entrevistados.

    Getty Images
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    3 - Estilo "Garoto Enxaqueca"

    Relaxar enquanto toma o seu café da manhã? Não se você estiver perto do Sr. e a Sra. Detalhista, que abrem a boca para reclamar de qualquer situação que não seja de seu agrado sempre que cruzam com algum pobre funcionário do hotel. Haja paciência! De tão desagradável, o comportamento reclamão dos outros hóspedes incomoda 54% dos entrevistados.

    Thiago Duran/AgNews
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    4 - Hoje é festa lá no meu apê


    Aproveitar o silêncio do quarto para fechar os olhos e descansar? Não se o pessoal do quarto ao lado for animado que nem na música do cantor Latino, e estiver começando uma daquelas reuniões básicas, cheia de gargalhadas e conversas vários decibéis acima do tom ideal. Se você for como 52% das pessoas pesquisadas, melhor não esquecer o tampão de ouvido, porque a noite vai ser longa!

    Thinkstock
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    5. Par ou ímpar eterno

    Brigar já não é agradável. Imagina, então, acompanhar um casal alheio que discute por tudo, como se estivesse em um reality show? Saber que ela é ciumenta ou que ele gastou toda a verba da viagem em bebidas é uma atividade irritante para 26% das pessoas que responderam a pesquisa. Não, ninguém está interessado nos seus problemas.

    AgNews
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    6 - Piscina em ebulição

    Em seguida, com 22%, estão os que se irritam com as festas que acontecem na piscina do hotel. Pode até fazer uma, mas evite ser aquele que fica até altas horas gritando e pulando pelas áreas comuns do estabelecimento, provavelmente bêbado, sem se importar com a paz alheia.

    Manuela Scarpa/Foto Rio News
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    7. É o amooooor

    Assim como na música cantada por Zezé Di Camargo e Luciano, o hotel, muitas vezes, acaba se tornando um perfeito refúgio romântico para os casais apaixonados. E eles tendem a se soltar mais, uma vez que, finalmente, conseguem sair um pouco da rotina. No entanto, 21% dos entrevistados têm vontade de perguntar se "está todo mundo bem aí?" depois de ouvir os sons estranhos que saem do quarto dos pombinhos quando a coisa fica quente.

    Reprodução / Globo
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    8 - Me deixa em paz!

    A área da piscina foi ocupada por aquele pessoal bagunceiro? Bem, talvez você possa encontrar algum consolo na banheira coletiva de hidromassagem do hotel. A não ser uma família inteira tenha tido a mesma ideia há três horas, não deixando espaço nenhum para você relaxar. A situação é péssima para 20% dos entrevistados.

    Manuela Scarpa/Foto Rio News
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    9 - São apenas negócios

    Tem um monte de homens (seriam sócios do Roberto Justus?) discutindo negócios há um tempão na beira da piscina do hotel. Que legal! #sqn Esta é uma situação irritante para 12% dos entrevistados. Para eles, a piscina e o bar deveriam ser utilizados apenas para diversão. E só isso!

    Robson Ventura/ Folhapress
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    10 - Fala muito!

    Se você é como o técnico Tite e acha que a galera "fala muito" no elevador, pode se juntar aos 6% que não acham legal ficar trocando ideias com desconhecidos dentro da apertada cabine. Então, melhor ficar em silêncio naquele breve momento para não irritar o coleguinha.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • LOL LOL x 1
  2. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Quem reclamou do 7 devia estar sem transar. :P E com inveja.

    Mas o resto é verdade. Eu odeio barulho, ainda mais de noite, odeio gente que fala gritando pra quem está a 2 metros dela. Odeio gente espaçosa e ainda mais os que se acham mais importantes do mundo (como o relatado no #3).
     
    • Bobo Bobo x 1
  3. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    O numero 7 pode ser até mais engraçado do que irritante :lol:

    E tudo depende do isolamento acústico que os quartos tem. Em pensão de baixo custo com parede fina de gesso separando os quartos, é claro que a chance de irritação será bem maior, porque qualquer encostada que uma criança dá na parede reverbera no seu lado.
     
  4. adrieldantas

    adrieldantas Relax and have some winey

    E isso é do ponto de vista do hóspede. Imagina quem trabalha com isso?
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  5. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    E imagino pelo pouco que você nos relatou em outros tópicos.
     
  6. adrieldantas

    adrieldantas Relax and have some winey

    Essa semana mesmo chegou uma aqui gritando, isso porque ela tinha acordado cedo e o mergulho dela não tinha sido marcado.
    No vai e vem da coisa eu descobri que foi avisado para ela que nós só poderiamos marcar o mergulho depois que a ficha estivesse preenchida. Ela preencheu a ficha? Não. Preferiu tomar uma garrafa de vinho no restaurante e dormir.
    E agora?

    Hoje mesmo um casal de famosos pediu um taxi para ir passear de barco. 15 minutos depois o taxi chegou. O taxi espera mais 15 minutos e nada do casal aparecer. Nisso eu já tinha ligado pra avisar que o taxi tinha chegado. Nisso vem uma funcionária e diz: Olha, o casal tá ali no lobby conversando com o povo. Me arretei, levantei (o que me arreta mais ainda, levantar do meu conforto), fui lá e disse: O taxi do senhor está indo embora, quer que eu chame outro?
    Mas NA HORA eles pegaram os cagados e sairam correndo. NA HORA. Povo sem noção. Nisso quem leva a rabada do taxista sou eu.
    Por isso que ninguém quer prestar serviço pra essa pousada, porque só tem hóspede sem noção. Tudo bem que é Noronha, a terra dos hippies, mas tudo tem limite.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  7. Clara

    Clara Antifa Usuário Premium

    Quem? :pipoca:
    Dê dicas se não puder falar.
     
  8. adrieldantas

    adrieldantas Relax and have some winey

    Gays, ícone, arabe. hahah. É mais famoso no mundo GLS mesmo.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Como diria um grande amigo meu que até foi dono de pousada por quase uns cinco anos "é uma pena não existir um "Procon" exclusivo pra quem trabalha com hotelaria poder denunciar as barbeiragens que certos hóspedes fazem!".
     
  10. Galford Strife

    Galford Strife Jedi Master

    Também trabalho com isso, e essas coisas são fichinha perto de tudo o que acontece...
     

Compartilhar