1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Depressão na produção de Eva retorna ao diretor Hideaki Anno

Tópico em 'Anime & Mangá' iniciado por Neoghoster Akira, 3 Abr 2015.

  1. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Depressão na produção de Eva retorna ao diretor Hideaki Anno

    Evangelion creator Hideaki Anno opens up about his latest bout with depression, movie delays
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)



    Sempre soube que a primeira série de Evangelion continha na verdade uma parte de Hideaki dentro dela. E o mesmo ocorria com uma série da mesma época, Karekano, que querendo ou não o diretor conseguia a sensibilidade para converter o mangá em anime porque estava deprimido.

    Em um caso recente com o diretor de Dogville (Von Trier) temos uma idéia do que é um profissional da área artística trabalhar com intensidade apenas quando está sob grande pressão, com a vida preenchida de negatividade.

    No que esse episódio se apresente com um monte de revelações nas entrelinhas ultrapassam o atraso da próxima parte da nova franquia...


    A primeira série, dos anos 90, trabalhava com algum tipo de mensagem psicológica, trabalhando a energia negativa, enquanto esta outra parece não ter rendimento deixando o diretor com sensação de vazio (as dúvidas sobre ter investido numa produção com efeitos especiais atuais).

    Talvez esteja sentindo que trouxe de volta os dilemas de antes que estavam adormecidos. Porque na série anterior não havia disfarce com visual bonito, e o apetite por mostrar os personagens como artistas "gloriosos decadentes de TV que devem criar um séquito de fãs" estava menos evidente e é possível que o novo rumo de produção tenha aberto novas feridas.

    Eva acabou enveredando por um rumo ainda mais louco, com produtos que tem menos a ver com a personalidade dos personagens com linha de souvenirs com foco diferente da dos lançados nos anos 90. Rei Ayanami aparece sorrindo toda hora com roupas da moda, Gendou mergulhou na venda de barbeadores, e a "Cash cow" da Gainax nunca faturou tanto.

    Vamos ás quotes:

    “…after it was released, I was broken. I fell into what’s called a depressive state, the natural result of having spent six years grinding down my soul making Eva again.”

    He speaks of losing his sense of purpose, asking “What am I trying to make again? And why have I decided to make a fictitious, special-effects kind of film?” He also refers to having suffered from an unshakable feeling of fatigue and a “decaying psychological unease.”


    Acima está o contexto da perda de identidade do produto original e então presenciamos que quem o está ajudando é um retorno ao velho mestre da animação, Miyazaki, um crítico da indústria atual de animê:

    He was personally recruited by Hayao Miyazaki to voice the lead character in the Studio Ghibli co-founder’s directorial finale, The Wind Rises, which Anno says helped keep him tethered to the process of anime production.

    “I felt that if I didn’t take a project that wasn’t Eva into myself, I wouldn’t be able to keep going forward,”

    Finalizando com:

    “Thanks to my wife and friends, I was able to remain in this world”

    Do ponto de vista de um produtor deve fazer diferença, afinal poderia até soar um pouco ofensivo mudar tanto a forma como ele queria vender produtos no estúdio. Então espero que não tenha que realmente ser forçado a fazer o anime dessa forma, espero que ele recupere a saúde.
     
    • Ótimo Ótimo x 2
  2. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    Eu gostei de acompanhar a série Evengelion até certo ponto, quando os hiatos do mangá se tornaram tão longos que pelo menos uma geração não acompanhou toda a saga; e somados ao péssimo trabalho da Conrad, eu desisti. Poucos animes possuíam personagens tão perturbados naquela época, talvez Mai a Garota Sensitiva do Ryoichi Ikegami e mesmo assim só ficou no mangá.

    E concordo com ele, Evangelion acabou se transformando em pura mercadoria, tendo Rei e Asuka como garotas propagandas e totalmente descaracterizadas fora do manga.
     
    • Gostei! Gostei! x 1

Compartilhar