1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Delivery Service Of Corpse (Kurosagi Shitai Takuhaibin, 2006)

Tópico em 'Anime & Mangá' iniciado por Primula, 2 Abr 2008.

  1. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    Interessante mangá, mostrando coisas meio bizarras como Universidade Budista (?), alunos com dons esquisitos (radiestesia de corpos? falar com extraterrestres? itako?)

    Mas bizarrices à parte, é divertido. Principalmente no quesito de pensar na morte de forma tão "leve" e natural. (natural nem tanto)

    O que não me agradou muito foi a arte.... tem ainda resquícios de ser um autor amador (fanfic). Também sou muito chata quando o autor não desenha...

    Ver Resumo na página da conrad:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

     
  2. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    Comecei a gostar mais da Ao no volume 2. Ela parece comigo em vários aspectos.

    PS: grata para o moderador que acrescentou o título em japonês.
     
  3. Tilion

    Tilion Administrador

    O volume 2 ficou muito bom com uma história única, com um conceito perturbador em diversos aspectos - e o fato de praticamente todos os personagens lidarem com as situações mórbidas com a maior fleuma possível não é o menor desses aspectos.
     
  4. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    Saiu o volume 3.

    Achei meio fraquinho, comparado com o volume 2. Mas dá para sentir o clima de que morte não é interpretado no oriente como é aqui. O interessante é ver os códigos de vendedores nas portas, e perturbador o quanto de informação podem estar nas pichações e não sabemos.

    (parênteses: no Brasil, a criminalidade faz algumas marcações nas casas para sber quando a casa está vazia, se na casa mora só aposentados, etc..)
     

Compartilhar