1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Debaixo das Rodas (Hermann Hesse)

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Meia Palavra, 5 Abr 2011.

  1. Meia Palavra

    Meia Palavra Usuário

    Hermann Hesse realmente tinha uma fascinação por bildungsromans (romance de formação ou aprendizado) . Depois de ler Demian e Sidarta, percorrer as páginas de Debaixo das Rodas foi um exercício de palmilhar um caminho semelhante aos que já havia percorrido nos dois livros que li anteriormente. Porém, a leitura valeu a pena para notar como a arte narrativa e as próprias especificidades do bildungsroman estavam latentes e brutas, esperando para serem lapidadas.

    Posso estar falando algo bastante óbvio e, para quem acompanha o fórum, também bastante repetitivo, mas explorar o autor lendo sua obra completa, seguindo seus rastros (não necessariamente em ordem cronológica) e analisando as evoluções, as permanências, as obsessões particulares, as questões resolvidas e as que continuam a martelar sua cabeça e instilar-se na sua escrita é um exercício delicioso. E com Hesse não é diferente.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

     

Compartilhar