1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Critica....somos nós escravos qd pensamos estar livres??

Tópico em 'Música' iniciado por MeiouSetsuna, 5 Jul 2004.

  1. MeiouSetsuna

    MeiouSetsuna Usuário

    :roll:
    bom...pra começar, gosto é gosto ñ é msm..?..então ñ estou criticando o d nguem...
    td pra mim começou com a avril lavigne..mas com certeza isso vem desde sempre...
    mas vo falar ñ dela e das suas ondas d punk...por favor ne..¬¬
    tipo...parece q tudo a minha volta virou modinha....mas como me interessei nessa época por tais coisas posso me considerar mais uma vítima disso....mas é claro q o meu "gostar" por algo vai além da moda e suas extensões...
    por um bom tempo quis ser metaleira....saí dessa vida..hehehh...
    ñ q eu tenha deixado d curtir metal...pelo contrário...saí do iron e fui atrás d outras bandas....(daki a pouco quem ta lendo vai me chamar d poser-paty revoltada)
    bom, ñ sei se foi influência do meu namorado, o cara mais critico de Arda, mas ultimamente to achando mei palha...
    essas bandinhas manjadas d mulherzinhas no vocal(evito citar nomes mas devem ter idéia do q falo) se tornaram 'a' moda...tds góticas e com maquiagem em excesso...ñ vo falar q tds são um lixo e q ñ ouço nada... msm pq meu maior erro pode ser generalizar...todavia...como tava dizendo..eu ñ aguento mais ver supostas góticas cantando musicas depressivas q retratam a vida tediosa, porém sofrida, q td mundo tem, fazendo uma pessoa com seus problemas normais se sentir importante...
    muito bom ouvir alguém q supostamente entende nossa dor, a retrata com uma voz maravilhosa(!?) com guitarra pesada ao fundo...mas independente da música ser boa, da vocal ser bonita, e d td o resto...seria essa mais uma maneira d se aproveitar d nós, indivíduos curvados dolorosamente à moda(e nem venham falar q ñ a seguem pq ela é uma praga q está em td lugar!!) e uma maneira d atingir nossos lados sensíveis, chorosos, q se lamentam dia pós dia, desejando a mais rápida morte para por um fim a droga da vida e alcançarmos a paz???
    poxa sei q o texto ta grande e q haja paciência, mas se alguém realmente se sente preso à uma corrente inquebrável e maldita, q independente do estilo d música ou d banda q to falando (disse como ex. as mulheres gótiquinhas pq ñ suporto mais..) gostaria d se expressar, se livrar do abuso q fazem d nossos sentimentos e d nossos escudos contra a mídia, escreva aki...podem até me xingar, mandando eu parar d falar mal do q os outros gostam...mas ñ me deixem sobrando aki...pq sei q ñ sou a única indignada.... :(
     
  2. Ruby Moon £

    Ruby Moon £ Usuário

    Tá...

    Eu curto me vestir de preto. Eu canto lírico desde antes da Amy Lee descobrir que sabia cantar; mesmo apesar da minha idade eu canto faz muito tempo. Eu gosto de bandas com vocal feminino tanto quanto curto as de vocal masculino, respeitando-se os limites de estilo, é claro. Não é só porque é uma mina que canta que eu vou curtir, ué.

    Não é culpa minha que Nightwish virou moda. Eu curtia antes de virar moda, já criticava, continuo criticando eles mesmo gostando (a Nemo é tediosa!).

    Também não é culpa minha que agora tudo é chamado de gótico sem ter razão de ser. Fazer o quê, se na rua eu não sou a única a estar vestida de preto? Pelo menos eu não sou mais um extra-terrestre na rua.

    E daí que virou modinha? Se a 89 te incomoda, desliga o rádio ou ouve a Kiss FM. Se a Tarja é tão chata assim, não olha pra cara dela.

    É muito simples ter opinião musical. Mesmo tendo milhares de cartazes espalhados pela cidade sobre uma banda X e nenhum da banda Y, não vai ter ninguém na loja de CD dizendo "compra da banda X senão morre!". Você tem a liberdade de escolher qual disco ouvir; você pode ir até a Die Hard e fazer a festa com discos bons de bandas boas ou visitar algum sebo e levar bolachões com capas estranhas de prog.

    Por que você se importa tanto com a mídia? Deixa estar. Deixa as minas usarem maquiagem pesada. Eu uso maquiagem só em apresentações, fora delas eu sou uma garota vestida de preto, de cara limpa, com uma camiseta de banda bem larga e o cabelo na cara pra proteger os olhos do sol. Mas isso não vai me diminuir; eu não vou ser menos metaleira por não usar maquiagem que nem a Amy Lee. Pense assim: quem vai ficar com a cara detonada por usar tanta maquiagem e pó-de-arroz (como você acha que a Amy Lee tá sempre tão branquela? Ela é mais morena do que eu...) vão ser elas... as rugas virão antes nelas! :twisted:

    Uma dica: pare de ouvir 89 e não assista mais televisão. Parei com 89 há 4 anos e com televisão há 2, e me sinto muito melhor hoje. Não preciso do Jornal Nacional, eu tenho jornal de verdade pra me informar. Faça o mesmo. Viva a sua vida e deixa os outros viverem as deles da maneira que eles curtem mais. :wink:
     
  3. MeiouSetsuna

    MeiouSetsuna Usuário

    tipo....coloquei mais falando sobre as "mulherzinhas góticas" pq tenho um trauma da tarja msm....ñ é q eu me importe assim tb ñ....mas sei la acho super chato...
    acho q dexei d lado a idéia d ser metaleira pq arrumei mil coisas pra fazer....e algo q eu gostava mais q isso pra me fazer pensar e me devotar....
    mas tipo eu me imbolei d mais no texto mas tava querendo dizer q acho sacanagem da mídia "nos usar" com suas táticas....
    msm pq como eu disse, eu ñ deixo d gostar de metal.. atualmente to gostando d outras bandas d metal além do iron....e nem deixo d me vestir d preto....(ñ q eu faça isso o tempo td...msm pq pra ser sincera ñ gosto d repetir d roupa... :p..sempre q da eu uso )
    eu generalisei d mais mas ñ to criticando todo mundo....tipo qd ce falou q canta interessei por t ouvir.....
    eu ñ gosto da tarja mas gostaria d ouvir nightwish pq meu namorado gosta um pouco do som....(tipo faz tempo q enjoei da cara do povo da mtv, nunca passa algo q me interessa..por isso nunca ouvi.....ñ gosto é da tarja msm)
    desculpa ae se t ofendi ou qualquer coisa do tipo...
     
  4. Athos

    Athos Usuário

    Pode ser o que você quiser, a questão é existe algo que você vai consumir. Você tá cumprindo a sua função, seja como 'cachorrinho da mídia', seja como 'revoltado contra a mídia', seja como 'tanto faz', é só sua função ali. Ou seja, tanto faz :P

    * Athos ao som de Pink Floyd - Coming Back to Life *
     
  5. Duke Togo

    Duke Togo Usuário

    Sensacionais esses conflitos a la Malhação.
     
  6. MeiouSetsuna

    MeiouSetsuna Usuário

    de fato...como eu disse ela está em td lugar....e nos persegue....li uma vez(na verdade comecei a ler) um texto q falava q deus era a sociedade...ñ é uma só pessoa mas está em td lugar e somos obrigados a segui-la, querendo ou ñ, nós seguimos..e exerce tremendo poder sobre td o mundo....a mídia está diretamente ligada a sociedade...então faz sentido...mas d qualquer maneira é revoltante o fato d sermos controlados por uma força maior, seja ela divina ou ñ....
     
  7. Ruby Moon £

    Ruby Moon £ Usuário

    Revoltante? :roll:

    A sua reação é previsível. Tão previsível que, por mais que você se revolte, ninguém vai dar valor. É só olhar quantas pessoas você acha por aí com camisetas do Che Guevara e que acreditam em algo... mas que passam por mentirosas, comedoras de criancinhas e por aí vai.

    Eu não quero fazer uma revolução. Eu sei que eu não posso mudar o mundo sozinha. Mas é só viver bem e honestamente no meu canto que eu tô fazendo a minha parte pra ter uma existência menos humilhante.

    Sobre a mídia, eu tô pouco me lixando. Tá, ela nos controla. Tudo bem, eu concordo que as nossas vidas são regidas pela sociedade. Mas sem a mesma seríamos reles animais como qualquer outro. A evolução nos deu a capacidade de reprimir nossos instintos. Se revoltar é uma forma de instinto; reação contra uma agressão externa. Seria isso uma tentativa de voltarmos a sermos animais? Está certo a sociedade nos reprimir, ou é necessário? Se revoltar é fácil, consertar a estrutura é difícil. Isso ninguém faz, e quem tentou fazer foi morto.

    Por isso eu fico na minha. Vou viver a minha vida. :wink:

    E eu não tô te chamando de animal. Foi só um momento prog.

    Ah, ouça o disco Animals do Pink Floyd. :mrgreen:
     
  8. nerjal

    nerjal Usuário

    Primeiro, nós somos animais, só q com instintos bem mais complexos. E a sociedade, a cultura, local ou mundial está moldada nesses instintos ou tbem chamado de reação emocional. Se revoltar contra a suposta "opressão" social é um instinto....ficar na sua, tranquilo tbem é oras pois. Estamos sempre buscando nossa segurança e/ou bem-estar.

    Qto a mudar a sociedade, eu acho q o fator q mais dificulta isso é o medo...
     
  9. .Gabil-Nala.

    .Gabil-Nala. Bloody member

    Olha, parece que ainda existe adolescentes com um minimo de massa cefalica, ou nao, que nao acham bandas de metal melodico com vocal lirico a coisa mais linda ja criada na face da Terra.
    Esse som é bem tipico por fascinar a garotada ja que soa diferente ao seus ouvidos. Tambem com 14, 15, 16 anos, a maioria das pessoas, nao teve a oportunidade de conhecer muitas coisas e ter mais parametros e senso critico.

    É algo normal, todos ja foram e serão adolescentes, mas nao vou dizer que nao irrita ouvir moleque falando coisas sem propriedade. Afinal considerar esse tipo de som, de visual como algo "gótico" é no minimo bizarro.

    Eu posso me orgulhar um pouco porque aos meus 15 anos, mesmo com a caracteristica poser natural, eu procurava conhecer as raizes reais das coisas e nunca me envergonhava de dizer que nao conhecia algo e procurava conhece-lo, se fosse o caso, assim como nao achava que o que eu ouvia era necessariamente o melhor, a qualidade irrefutavel.

    Eu acho essas garotas-Tarja tao sem graça e isso nao se deve ao fato delas estarem copiando alguem, mas sim porque esse seu parametro de qualidade é tao ruim.

    Para mim as menininhas podem continuar com seus projetos de Avrils cover, avançando no campo sexual com sua pseudo-bissexualidade, podem se prostituir e cairem em total depravação, enfim podem implodir todos seus orgaos internos...mas caso seja possivel nao utilizem o termo gotico ou qualquer coisa que o valha sem saber do que dizem.

    Anyway, de nada vai adiantar esse post, ja que adolescentes continuarão sendo estupidos, mas pelo menos foi criado um topico com o minimo teor de interesse aqui no forum de musica que ja foi muito bom uma época e hoje esta mais bosta do que nunca.

    Bem que ja haviam dito que a ignorancia é uma dadiva porque quanto mais se conhece, quanto mais voce conversa com pessoas que valem a pena, mais voce se irrita com o outro lado formado por uma garotada estupida.

    Desliguei o modo politicamente correto ha ha ha :lol:
     
  10. MeiouSetsuna

    MeiouSetsuna Usuário

    Bom, instintos...somos todos regidos por isso...o que nos torna simplesmente uma forma evoluída dos animais irracionais...mas me pergunto se voltar a ser como esses animais são seria sair muito da verdadeira face e natureza humana...é claro que esta tem inúmeras variações...o que nos afasta de sermos simplesmente animais racionais sedentos por sangue...
    ñ q eu querira voltar a ser como eles(por favor..¬¬) msm pq existem entre essas variações, muitas coisas boas...
    se revoltar?....claro q ñ...como no meu ultimo post aí, eu disse q a sociedade-mídia é como um deus(isso se ñ for Ele msm) e se é deus, quais são as nossas chances?!msm após mortos nunca encontraremos a paz no espirito...nada haver com amídia talvez..mas com a sociedade que rotula o q é certo e oq é errado...rotulos propagados pela mídia....
    e d qualquer maneira eu tb ñ fico por aí falando isso me revoltando...to vivendo a minha a vida...só gosto d vive-la tendo consciencia da realidade e tentando aprofundá-la o maximo possível...assim acabo por descobrir mais coisas...e por chegar em conclusões mais bme boladas e lógicas... :)
    a humanidade é como qualquer outro animal a ser observado...
     
  11. Nob

    Nob Usuário

    Para vocês que estão discutindo, recomendo que dêem uma olhada
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    tópico, que trata do sistema e a sociedade em geral.

    E é interessante notar que isso também se aplicaria ao mundo da música. Mas, neste caso, podemos simplesmente escolher o que ouvir. O modo de vestir é outra coisa totalmente diferente. Para algumas pessoas, isso é relacionado ao que as pessoas pensaram dela se fingir gostar de certas bandas (porque muitos só ouvem algo para causar boa impressão, mas não se sentem bem ouvindo aquilo mesmo).

    E é isso o que se confunde com o próprio sistema. Ele exige que você faça o que as pessoas querem que você faça, vista o que as pessoas querem que você vista, goste (ou finja gostar) do que as pessoas querem que você goste, e assim por diante. Ou seja, vários têm que abrir mão de várias coisas que gosta pra causarem a boa impressão frente à sociedade.

    Só que há alguns que não se rendem a isso, e são excluídos. Aí eles formam pequenos grupos e se revoltam contra a sociedade. Outros se rendem no meio do caminho e viram mais um tijolo no muro. E começa tudo de novo.
     
  12. MeiouSetsuna

    MeiouSetsuna Usuário

    os qse revoltam tb fazem parte da sociedade...apesar d ñ se renderem a ela, eles são o grupo dos revoltados...a sociedade já veio forjada para td tipo d situação e d pessoa..é por isso q ela é divina...
     
  13. Nob

    Nob Usuário

    Não, ela não veio forjada pra nada. Ela se forma em vários anos e se altera ao passar do tempo.

    Os que não se rendem às tentações da sociedade fazem parte dela porque não é possível evitá-la totalmente, mas geralmente são excluídos. Por isso, muitos acabam se rendendo.
     
  14. MeiouSetsuna

    MeiouSetsuna Usuário

    msm assim..podem até ñ se render..mas msm antes d desistirem eles já são uma parte importante da sociedade, os supostos revolucionários, que vão sempre tentar 'muda-la'....o problema é q sempre essas pessoas são corrompidas no poder, se ñ d imediato, ou se ñ elas, os seus sucessores, o q nos faz viver um constante ciclo sem escapatória...
    os revoltados em si são membros disso pq eles são parte da sociedade, seja organizada ou ñ, qualquer grupo d pessoas pode ser chamado d sociedade
     
  15. Myamoto Musashi

    Myamoto Musashi Usuário

    É quase impossível fugir da sociedade.

    A não ser q a pessoa vá viver num mato e produzir seus próprios alimentos, roupas, tudo, ela vai ser sempre vítima da sociedade, pois mesmo indo comprar coisas "diferentes", a pessoa sempre vai estar cumprindo seu papel, pois seu papel é consumir.

    Assim, até os grupos q se revoltam e tentam lutar contra isso são previsíveis, pq a sociedade precisa criar uma oposição para todos pensarem q ela não é totalmente igual e q há pessoas diferentes.

    O homem é o cancer do mundo. Somos animais ainda, e a maioria burros, pois destruimos o mundo q se destruirmos, nós morrermos tb.

    E a única coisa boa q os homens criaram foi a música e a literatura,e são poucas pessoas q sabem realmente apreciar elas.

    A não ser q o mundo como conhecemos hj seja radicalmente mudado, não podemos esperar q o homem nem a Terra aguentem muito.
     
  16. Nob

    Nob Usuário

    Na verdade, hoje em dia é observado que virou moda ir contra tudo. Provavelmente, isso causará grandes mudanças no futuro.

    Não, a humanidade é inteligente. E é justamente isso o que acaba com o mundo.

    Por causa de alguns inteligentes, que usaram essa inteligência para fazer algo que prejudicaria outras pessoas.

    E outras formas de arte.

    Isso acontecerá em breve.

    Isso também.
     
  17. MeiouSetsuna

    MeiouSetsuna Usuário

    realmente..a humanidade é inteligente, racional, digamos, mas é essa suposta inteligência q ta acabando com o mundo...então podemos chamar d burrice..por mais q o homem tente recuperar...é praticamente um caso perdido...
    mas agora eu to com uma duvida..será q o homem vai melhorar e msm q ñ nesse mundo, será q ele vai viver bem com o ambiente um dia?? :o?:
     
  18. Maedrhos

    Maedrhos Usuário

    Bom galera eu naum li os ultimos posts mas vou minha opinião sobreo titulo e a primmeira mensagem:
    realmente a midia hoje a tudo domina e obscuresse como diria mestre yoda.
    mas se vc for ficar pensando nisso vc naum faz nada. Eu uso roupa preta tenho cabelo grande e me achava totalmente livre e sem esteriotipos, mas verdade naum é essa pq usar roupa preta e ter cabelo cumprido é um esteriótipo mas naum deixei de ser assim por causa disso eu gosto e pronto, Do what you wilt. faça o que vc quiser, mas saiba o que esta fazendo por exemplo existem pessoas que realmente gostam de limkin park e coisas podres como essas mas a grande maioria gosta so pq esta no disk, mas naum interessa o que o outros pensam vc tem que ser vc mesmo, eu gosto de heavy metal e nem por isso deixei de curttir nirvana.
    conclusaum: todos nós estamos influenciados e "controlados" pela sociedade de alguma forma, mas nos termos que ter consiencia disso e fazermos e gostarmos do que é mlhor para nós.

    DO WHAT YOU WILT
     
  19. Maedrhos

    Maedrhos Usuário

    quanto a inteligencia ou razão, eu concordo com scifer de matrix 1
    quando ele fala que a ignorancia é uma benção, pois pessoa que pensam demais como nós geralmente saum mais tristes pois conseguem ver a realidade.
    por exemplo o morador do morro que curte o seu sambinha tem familia e um emprego digno e ta pouco se lixando pra midia ou se esta sendo influenciado ou naum ele é feliz daquele jeito, sem se importar com filosofia ou politica.
    deviamos aprender pelo menos um pouco com esse tipo de pessoa que consegue ver a felicidade em coisas minimas, naum que eu me arrependo de nad que fiz penso ou sou
     
  20. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    O problema é: contaram para a gente desde pequenos que a televisão, o jornal, o rádio, os meios de comunicação geral servem para informar. Mas eles fazem de tudo para manipularem nossa opinião, o que ninguém vê. E a quantidade de informação que você tem, os gostos que você pode ter são controlados pelo seu nível social. A pessoa compra um piratão de funk, ah, bom, ela vai se divertir. Mas alguém já viu CD de música clássica no camelô? Precisamos de uma mídia que informe, e não que imponha, mesmo que esta transformação demore cinco séculos. Está relacionada diretamente à diminuição da desigualdade social.
     

Compartilhar