1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Copa 2010 Copa do mundo com 32 ou 24 seleções?

Tópico em 'Esportes' iniciado por Elessar Hyarmen, 22 Abr 2010.

  1. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    Confesso que sempre gostei da copa do mundo com 24 seleções. Pois dava chances de um terceiro colocado numa fase de classificação ser campeão do mundo. Eu sempre achei mais emocionante. (grifo meu rsrsrsrsrsrs)

    Mas concordo que uma copa com 32 seleções dá mais oportunidade para outras seleções participarem e pelas possibilidades de maiores rendimentos finanecieros justamente pelo fato de ter mais pessoas e produtos envolvidos.


    E você? Sente um pouquinho de saudades das copas nos moldes de 24 seleções?
     
  2. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    O nível técnico do torneio nas copas com 24 seleções era bem melhor. Isso pude constatar pelas Copas que conseguir acompanhar bem como as de 82, 86, 90 e 94

    Com 32 aumentou só em quantidade, mas qualidade que é bom....

    Sou da opinião que uma copa com 32 só seria boa se houvesse nas eliminatórias uma cota de vagas fixas por continente associada a algumas vagas móveis distribuidas de acordo com o desempenho de cada continente nas copas anteriores e uma vaga ao campeão da Copa das confederações valorizando assim os campeonatos continentais.

    Assim teríamos 32 seleções com mais qualidade.
     
  3. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Por um lado menos times dá chance de clássicos na primeira fase.
    Por outro eu detesto esses campeonatos que não tem numeros redondos e precisam ficar escolhendo o 3º melhor segundo colocado que fez mais de 2 gols e não teve ninguem expulso, etc. Fica com ar de acoxambração.
     
  4. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    32 Seleções.

    Dá maior chances para diversificar um pouco os países que chegam na Copa do Mundo. Sem contar que 24 acaba tirando ótimas seleções da Europa da Copa.
     
  5. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    To com um FURIA nessa. O problema não é apenas ser 32 seleções, mas como as vagas estão distribuidas entre os países. Com isso, é muito mais dificil de termos bons confrontos já na 1a fase.
     
  6. Sou a favor de 32 vagas, mas melhor distribuídas. 4,5 vagas pra Ásia é palhaçada demais.
     
  7. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    No caso da Europa não

    A FIFA quando decidiu colocar 8 seleções a mais ela concedeu a maior parte dessas vagas pra Ásia, África e Concacaf pra deixar a Copa menos restrita. A Europa foi o continente que menos ganhou com isso.

    É só ver que a Suécia é uma ótima seleção e ficou de fora da Copa de uma copa de 32 seleções.

    É preciso redistribuir melhor as vagas. Isso é fato.
     
  8. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    Na minha visão, eu acho que é o contrário. Com 24 seleções a copa fica mais disputada e não necessáriamente ótimas seleções ficam de fora.
     
  9. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Pensei que tivessem aumentado mais na Europa, pelo nível de lá ser maior que esses citados acima.

    Pode ter sim uma redistribuição, mas eu sou contra deixar pouquíssimas vagas para os demais Continentes. Eu acho que é uma Copa do Mundo e todos devem ter chance de participar. Esses continentes podem não ser fortes hoje em dia, mas com uma Copa do Mundo, pode animá-los para ir participando cada vez mais e melhorando seu futebol.

    Claro, isso sendo uma visão otimista, já que em alguns países o futebol irá continuar o mesmo, por não ser o principal esporte ou até pouco interesse da população.
     

Compartilhar