1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Contos Inacabados - o que marcou

Tópico em 'De Fã Para Fã' iniciado por Melmaegwen, 2 Jan 2006.

  1. Melmaegwen

    Melmaegwen Elven Rurouni

    Eu li os Contos Inacabados no original, foi o primeiro livro do Mestre Tolkien que eu li no Original... é simplesmente estupendo ver o geito que ele combina, mescla, mexe com as palavras... A parte dos Contos que mais me marcou foi a parte em que, no conto de Aldarion e Erendis - A Esposa do Marinheiro (The Mariners Wife, é assim em port. tb?), Erendis ganha de presente dos elfos o casal de pássaros cinzentos, com bicos e patas douradas, que sempre cantavam juntos... Nunca separados. É muito triste quando ela os expulsa... E quando Aldarion cai aos pés de seu pai quando este revela seu desejo de entregar o cetro do rei a seu filho. E vocês, que parte dos Contos mais "marcou"?^^
     
  2. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Acho que esses tópicos opinativos tem mais a ver com o De Fã para Fã
     
  3. Melmaegwen

    Melmaegwen Elven Rurouni

    Ai desculpa...:oops:
     
  4. Eriadan

    Eriadan Bears. Beets. Battlestar Galactica. Usuário Premium

    Duas partes, trechos curtos, me marcaram bastante no CI. Uma foi, tb no conto de Aldarion e Erendis, a que fala da personalidade de Ancalimë. Algo como: "Era forte e firme; e em seu espírito estava sempre a memória daquele ato de seu pai de pegá-la no colo e largá-la imediatamente contra a sua vontade" Foi incrivelmente filosófico, demonstrou com uma passagem do passado de Ancalimë que ela era mulher de não se prender às coisas como seu coração as desejava, e que tinha vontade firme.

    Outra foi, em "Dos Anéis de Poder", eu acho, a que fala tipo o seguinte, após a reunião do Conselho Branco: "Gandalf, soltando baforadas com o cachimbo, soprou alguns anéis e estendeu a mão como se fosse agarrá-los. Quando fechou os dedos, no entanto, os anéis desapareceram de repente." Incrível a metáfora, não é? :joy:
     
  5. Larissa

    Larissa Usuário

    Uma frase de Turin, no "Conto dos filhos de Hurin":
    "Isso alegra o coração e eleva a alma, como beber vinho fresco!"
     
  6. Laninha

    Laninha Usuário

    Toda a parte que fala de Gandalf quando ele explica a Sociedade a respeito da morte de Smaug e que os anões haviam lutado também naquela batalha, ele diz que foi tudo graças a um encontro casual como dizem na Terra Media. A parte do Gandalf fumando no Conselho tb é muito boa.
     

Compartilhar