1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Conceição Evaristo é oficialmente candidata à Academia Brasileira de Letras

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por Fúria da cidade, 19 Jun 2018.

  1. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Aos 71, Conceição Evaristo pode ser a primeira mulher negra a ocupar uma cadeira da ABL Imagem: Wikimedia Commons


    A escritora mineira Conceição Evaristo entregou nesta segunda-feira (18) uma carta de apresentação à Academia Brasileira de Letras, confirmando sua candidatura à cadeira número 7 da instituição.

    "Assinalo o meu desejo e minha disposição de diálogo e espero por essa oportunidade", diz no documento, entregue à sede da ABL, no Rio de Janeiro.

    A decisão de Conceição foi tomada depois que uma petição online reuniu mais de 20 mil assinaturas para que ela pleiteasse a vaga, que era do escritor Nelson Pereira dos Santos, morto em abril.

    Se for confirmada, ela será a primeira vez que uma mulher negra representa a Academia Brasileira de Letras em 120 anos.

    Autora de romances como "Insubmissas lágrimas de mulheres" (2011) e "Ponçá Vivêncio" (2003), ela nasceu na favela do Pindura Saia, em Belo Horizonte (MG), e chegou ao mestrado em literatura brasileira no Rio de Janeiro.

    Aos 71 anos, Conceição atualmente é professora universitária e já conquistou prêmios como o do Governo de Minas Gerais e o Jabuti, em 2015, com "Olhos D'Água" (2014).

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     

Compartilhar