1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Computador promete simular efeito de droga

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Shantideva, 22 Mar 2007.

  1. Shantideva

    Shantideva Adoro elfos ruivos!

    “Clique aqui para se drogar.” Essa frase, que ainda soa um tanto absurda, deve tornar-se cada vez mais comum na internet, ambiente no qual as pessoas buscam simulações para sensações da vida real. Depois de os desenvolvedores de games criarem personagens que têm seus sentidos alterados por drogas virtuais, um site resolveu oferecer essa sensação aos próprios internautas -- uma experiência que pode ser desaconselhável, dependendo da sensibilidade de cada usuário.

    Na página
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , os internautas encontram batidas musicais que prometem causar essas sensações -- é possível ouvir uma amostra grátis no site, além de baixar os arquivos pagos ou comprar CDs (cada mídia custa cerca de R$ 40). Segundo a página, a simulação dos efeitos da maconha, da cocaína e do ópio acontecem porque as batidas sincronizam as ondas cerebrais para os usuários sentirem-se eufóricos, sedados ou para terem alucinações.

    Arquivos digitais com nove doses custam cerca de R$ 14 -- cada arquivo tem cerca de 15 minutos e só pode ser ouvido uma vez. “Use a dose uma vez, jogue fora e compre mais quando você precisar”, diz o site, em um discurso que em muito se assemelha com o dos traficantes do mundo real. “Para aqueles que utilizam doses ocasionais, essa é uma alternativa bastante econômica”, continua a página, que aconselha o uso de bons fones de ouvido durante o consumo das “doses”.

    “É possível que esses sons façam o que prometem. Sabemos que há uma série de estímulos que alteram o mecanismo cerebral, como acontece com a hipnose. Mas ainda é cedo para sabermos as conseqüências desse tipo de experiência na internet, já que é algo muito novo”, afirmou Dartiu Xavier da Silveira, psiquiatra da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) especializado no tratamento de dependências.

    Ele não descarta, no entanto, a possibilidade de esses arquivos serem utilizados no tratamento de pessoas com outros tipos de vício. Pessoas dependentes de jogos via internet, por exemplo, poderiam utilizar essa alternativa como um “degrau” para a cura: elas deixariam de apostar dinheiro, passariam a usar o simulador e, então, conseguiriam eliminar a dependência. Mas ainda não é possível dizer se as “drogas virtuais” são uma boa opção para esses casos.


    Pelo fato de os efeitos serem desconhecidos, Silveira não é um entusiasta desse tipo de simulador que, segundo ele, pode viciar. “É uma alternativa menos lesiva que a droga química, mas definitivamente não é benéfica, porque manipula a consciência do usuário”, afirma, lembrando das mensagens subliminares. “É possível que esses programas comecem a passar mensagens para os internautas, sem que eles se dêem conta disso.”

    Erick Itakura, pesquisador do Núcleo de Pesquisa da Psicologia em Informática (NPPI) da Pontifícia Universidade Católica (PUC) de São Paulo, concorda com a possibilidade do vício. No entanto, ele lembra que nem todos estão propensos a isso -- da mesma forma, muitos internautas podem não ter as sensações prometidas quando ouvirem as batidas. “Com as substâncias químicas acontece o mesmo: os efeitos variam de pessoa para pessoa”, compara.

    Ele considera a experiência de conhecer as batidas válida e afirma que esse tipo de alternativa deve se tornar cada vez mais comum, por conta da característica de interatividade da internet. No entanto, o psicólogo reconhece que esse tipo de simulador pode levar o usuário a situações extremas.
    Como exemplo disso, ele cita um episódio em 1997, quando diversas crianças e adolescentes do Japão foram internados depois de assistir ao desenho “Pokemon”. O forte impacto visual do episódio causou em muitos telespectadores sintomas de uma epilepsia fotossensível, como vômito, desmaio e vertigem. “Estímulos desse tipo podem causar sensações desagradáveis e até assustar.”

    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. Lukaz Drakon

    Lukaz Drakon Souls. I Eets Them.

    Próxima expansão do The Sims 2: "Drug Dealer"

    Falando sério, é uma coisa bem interessante. Pode ajudar as pessoas a perder o vício mais rápido (ou trocar por algo que não faz tanto mal). Quem ai se disponibiliza para fazer o teste e postar os resultados? :g:

    Ps. Pena que não tem LSD, a única que eu tenho curiosidade para saber como é.
     
  3. tambem queria saber como funciona o LSD, uma droga tao classica, por enquanto, so tabaco mesmo...
     
  4. Dimitra Wormwood

    Dimitra Wormwood Usuário

    que coisa incomum O.O
    nossa, somos 3. eu sempre tive curiosidade para com alucinaçoes...
    isso nao me parece muito saudável. será que funciona? ¬¬'
     
  5. Shazan

    Shazan siscapuliu

    Espero que tenha algum uso construtivo

    Não tenho curiosidade de saber nem como é ficar bêbado =)
     
  6. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Será mais um pros Mythbusters desmistificarem daqui alguns anos?

    Se não me engano o outro que eles testaram era das vibrações que faziam vc borrar as calças involuntariamente, né não?
     
  7. Miguêz

    Miguêz You talkin' to me?

  8. Olórin

    Olórin ai que uó

    Eu também tenho muita curiosidade pra saber como é o efeito do LSD.
    E a musiquinha que tem no site não fez efeito em mim... :think:
     
  9. V

    V Saloon Keeper

    Em mim fez efeito, mas eu tinha tomado um ácido antes.
     
  10. Thico

    Thico The Passenger

    Mó larica mano...
     
  11. Almië

    Almië cute as a button

    Estão banalizando o ato nerd.
    Sexo, rock&roll e agora drogas pelo computador?!

    Prefiro o modo old school!
     
  12. Tonho Hammond

    Tonho Hammond Molusco


    :clap:

    :lol:

    :clap:


    o nerd old school é o nerd de sessão da tarde, e esse nunca tinha sexo e no máximo usava um MSDOS.
     
  13. Rustu Pai

    Rustu Pai Usuário

    Eu tenho receio de usar isso ai. Mas não acredito que tenha consequências muito graves. Será possivel alguem se viciar ?Seria um fenômeno u.u
     
  14. Anna Cwen

    Anna Cwen Ourificada

    Tem gente que se vicia em jogar jogos de computador, então não vejo nada tão bizarro em se viciarem em algo assim. Com a ressalva de que, como vantagem em relação a drogas 'reais', essas não criam dependência química
     
  15. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Então, testei. Experimentei o French Roast, que é o "café preto". Sabe, tô hiperativo.
     
  16. Diego_alucard

    Diego_alucard Usuário

    prefiro continuar com minha maconha mesmo........
     
  17. Balbo

    Balbo Usuário

    Eu experimentei alguns, basicamente o que eu senti foi uma vontade de rir momentânea nos primeiros minutos da Cocaína, depois meus movimentos ficaram acelerados, e a boca seca durante umas 30 horas. Bem sem graça.

    Mas em algumas pessoas dá efeitos bem fortes.
     
  18. Menegroth

    Menegroth Bocó-de-Mola

    Só uma coisa... Mensagens subliminares não existem conforme declaração do próprio susposto criador... ele inventou o resultado porque os "chefes" estavam esperando resultado do $$ investido naquela propaganda... Não tem suporte em nenhuma área da Ciência....
    Nem psicologos a consideram algo realmente eficaz...


    Enfim...se é droga é ruim e pronto..
    Sou careta e sou feliz... consigo ver elefantes rosas voando e ficar doidão sem ajuda de algo externo...
     
  19. Tonho Hammond

    Tonho Hammond Molusco

    vou esperar sair a "expansão" misture com álcool.
     
  20. Achei interessante. Ouvi o Ecstasy. Embora a sensação esteja looooooonge da tida com a droga real (não que eu costume usar, etc), eu gostei do zunido contínuo depois de 60%, é bem relaxante.
     

Compartilhar