1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Como ler 462 livros em 1 ano

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por JLM, 13 Jan 2009.

  1. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    A colunista do Los Angeles Times, Sarah Weinman, leu em 2008 "só" 462 livros. Segundo ela, é um recorde pessoal alcançado devido o seu ritmo de leitura ser mto rápido.

    Leia a entrevista completa (em inglês)
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .

    Eu q, com míseros 50 livros lidos em 2008, já pensava q era o suprasumo dos leitores, me senti uma perna de barata. anã.
     
  2. LucasCF

    LucasCF Usuário

    "well, I started reading at the age of 2 1/2; I don't think I was speed-reading back then, but I became aware I could read fast when I burned through eight "Sweet Valley High" books in one evening when I was about 9."

    Eu quase caí da cadeira.

    ainda estou lendo. Só que fico fazendo outras coisas ao mesmo tempo que leio ¬¬
     
  3. imported_Capitu

    imported_Capitu Usuário

  4. Anica

    Anica Usuário

    É coisa pra caramba, heim? Se bem que se eu fosse paga para fazer resenha não fazia mais nada da vida e ficava só lendo. Não digo que chegaria a marca dela dos 462, mas que aumentaria bastante a minha, ah, eu aumentaria :timido:
     
  5. Daniel Cowman

    Daniel Cowman Usuário

    Aumentaria sua leitura mas também acho que não viveríamos mais imagina?

    Mas adoraria ler pelo menos 1/3 do que este cara lê em um ano! Meu deus! heeheh
     
  6. Anica

    Anica Usuário

    Ah, eu não me importo de em alguns momentos desligar e ficar só lendo. Ontem tirei o dia para isso, li um livro inteiro. E ainda deu tempo de dar uma bizu no Meia, comer, tomar banho, assistir filminho, etc. :dente:
     
  7. LucasCF

    LucasCF Usuário

    Eu leio muito devagar. =/
    e tenho aquele vício de ficar voltando o parágrafo :/
    A mulher no dia 9 de janeiro desse ano estava no décimo primeiro livro. :/ eu ainda estou no segundo, dia 14. Mas também desses dias, não li todo dia.
    a mulher disse que lê ultrarápido. heuheuheuheue



    Eu nunca imaginei que dava para começar a ler com 2 anos e meio e ler oito livros de uma série aí, em uma noite, com nove anos. :D
    aliás, que série é essa? alguém sabe?
    Sweet Valley High.
     
  8. Daniel Cowman

    Daniel Cowman Usuário

    Anica é a versão Brazuca desta colunista!
     
  9. LucasCF

    LucasCF Usuário

    uma versão mais moderada, é claro.
     
  10. Paulo

    Paulo Cabeça de Teia

    As desvantagens superam as vantagens. Ela não lê, no sentido usual da palavra, é mais como uma leitura dinâmica:

    Isso não é economia de tempo, mas puro desperdício. Ela diz que retém a idéia central do livro e alguns personagens, mas isso fica muito aquém de uma leitura razoável.

    Saramago, por exemplo, é um escritor com um ritmo bastante ligeiro. No entanto, é contraproducente lê-lo de forma apressada. Seus livros são bons justamente porque frases simples e diálogos ligeiros tem significados diversos.

    Penso que a diferença entre um livro fantástico e um livro medíocre é a quantidade de camadas de significados e leituras alternativas que a obra possui. "O Código Da Vinci" é sempre "O Código Da Vinci", "Intermitências da morte" não permite duas leituras iguais.

    Outra coisa a ser levada em conta é o tipo de livro. Romances, em geral, oferecem um tipo de leitura tranquila. Ainda que permitam várias interpretações, os sentidos são claros. Outros tipo de livros, como poesia e livros acadêmicos, são mais complicados. É possível fazer uma boa leitura de Harry Potter em uma tarde, mas isso não parece razoável se o livro for "A Evolução do Capitalismo", do Dobb.
     
  11. Breno C.

    Breno C. Usuário

    Me dá cinco salários mínimos, uma cozinheira e um casa cheia de lugar para ler, que eu faço melhor do que ela, leio até 500.

    Sério agora...
    Minha pergunta é: O quando ela lembra de cada livro? Porque do que adianta ficar lendo que nem um doido e não absorver nada da leitura? E por essas e outras que eu nunca trabalharia fazendo resenha de alguma coisa ou simplesmente "criticando". Chega uma hora que ela vai ler por pura e simples obrigação e isso tira a graça da leitura (pelo menos para mim).
     
  12. *Ceinwyn*

    *Ceinwyn* Ogra rosa

    Concordo com o Paulo, sem nem ler a entrevista, mas com o que vcs destacaram.

    Quantidade nunca foi igual a qualidade, e se é pra ler em leitura dinâmica todos os livros que se lê, o negócio não é pelo prazer de ler, ou pela vontade de ser tocado/algo-que-o-valha ao ler. É simplesmente saber que soube do conteúdo de muitos livros ao longo do ano, só isso.

    Eu prefiro o meu ritmo mais lento mesmo. Para ler um livro com uma qualidade razoável de leitura, tenho que demorar um pouquinho, senão acabo fazendo uma leitura mais dinâmica do que qualquer outra coisa. E faço outras coisas, além de ler - o que também faz com que a leitura completa de um livro demore mais um pouco.
     
  13. Anica

    Anica Usuário

    e se for só para saber o conteúdo, qualquer resumo na internet já basta, né? eu infelizmente acabo lendo mais rápido quando gosto do livro (meio que "devoro", digamos assim). mas não acho que seja o ritmo, é mais que eu realmente fico lendo a todo momento (tipo, andando na rua lendo o livro e correndo o risco de bater com a cara no poste e tal).
     
  14. LucasCF

    LucasCF Usuário

    Eu já trombei com uma pessoa lendo um livro que estava muito interessante, na rua. :D
     
  15. imported_?

    imported_? Usuário

    Eu pelo menos tento tirar alguma lição ou inspiração do livro que acabei de ler, por isso, sempre tento ler sem pressa. Se eu ler um livro por dia, nõa vou conseguir aplicar nada à minha vida. Ler livros como se fossem cardápio de restaurante, não é comigo.
     
  16. lipecosta

    lipecosta Usuário

    A velocidade da leitura eh relativa e naum eh pq uma pessoa le muito e rapido q le sem entender, ou de forma equivocada. Nesse caso - tive preguica de ler a entrevista- de acordo com a parte q o Paulo citou, ela nao esta lendo tudo, logo nao esta sentindo prazer.
    Quanto a velocidade vale a pena lembrar q Fernando Pessoa lia dois livros por dia e Dostoievski, em media, 10 por semana.Alguem atira a pedra pra falar q eles liam errado, ou sem sentir prazer? Acho dificil...:rofl:
     
  17. Daniel Cowman

    Daniel Cowman Usuário

    É um hábito...com o tempo se faz melhor e em menor tempo... isso com toda certeza.... Assim como: "como os chefs cortam cebolinha tão rápido?" hehehe

    Nem todos os livros que eu li eu lembro de tudo... as vezes acabo lembrando poucas coisas... E claro que varia muito de livro para livro como disse amigo mais acima. Dan Brown é mais rápido de ler do que uma Ana Karenina... (aliás eu não consegui terminar ainda hehehe).


    Mas com certeza queria ter um quarto de sua leitura!
     
  18. alrob

    alrob Usuário

    É fácil: Não fazer muita coisa e ter olho mágico. 462 livros é muita história pra um ano só, eu gosto de ler devagar apreciando cada página (Ritual p/ Leitura? LOL) e tudo mais... Ano passado li só 20 livros =~~ e tenho + uns 20 pra esse ano (se não forem mais).
     
  19. Bilbo Bolseiro

    Bilbo Bolseiro Bread and butter

    Eu já achava a quantidade que o vencedor do censo do ano passado leu demais, 75 livros, imagina então isso aí, rs
    Sei que cada pessoa tem seu ritmo, mas pra mim acho que o ideal são no máximo uns 2 livros por mês, e portanto uma média de uns 24 por ano. Mais do que isso eu não conseguiria aproveitar bem a leitura dos livros, creio eu.
     

Compartilhar