1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Como Gandalf fazia para acender o cajado?

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Vedania Galanodel, 25 Jan 2009.

  1. Eu gosto e acredito em misticismo, e foi exatamente por isso, q ontem na casa de um amigo, vendo o retorno do rei, na hora em que a luz do cajado do Gandalf afasta os espectros e Faramir consegue voltar para a cidade me peguei pensando, o que ele fez para acender o cajado, a resposta óbvia foi magia. Mas uma outra hípotese surgiu.
    "Em várias culturas da antigüidade e até em algumas hoje, acredita-se no poder místico dos cristais, algumas acreditam até mesmo q os cristais tem luz, e caso a pessoa saiba manejá-lo pode tornar essa luz vísivel e irrádi-la em várias direções."
    Pensando nisso pensei, será q o cajado de Gandalf, na ponta possuia um cristal, isso permitiria q ele acendesse-o, afinal magos usam a natureza para fazer "magia".
    Sei q parece uma idéia absurda para alguns, mas seria provável, afinal nunca encontrei nada nos livros q indicasse do q o cajado era feito.
    E aí, na opinião de vcs havia ou naum um cristal na ponta do cajado de Gandalf?
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  2. TorUgo

    TorUgo a.k.a. Tortoruguito...

    Eu gosto de imaginar que sim, apesar de não me lembrar de referências de tal. Imagino sempre um cajado de madeira com alguns ramos a rodear, na sua ponta, algum cristal ou algum tipo de matéria diferente, mas não sei! ;)

    ;D
     
  3. Indu

    Indu MANDALORIAN

    Penso eu que Gandalf usou de seu poder Maia, não era magia...acredito que a fé de Tolkien, seja transmitida em suas obras, o poder do Cajado de Gandalf, poderia ser uma referencia ao poder de Moisés, afinal ele tinha também um cajado, por onde deus fez milagres acontercer...
    Imagino que Tolkien transmitiu esse tipo de poder, de certa forma para suas obras, mais precisamente para os Istari, eles fazem muito bem o papel do que poderiam ser Profetas da biblia Cristã...
    A Luz que Gandalf emite, seria a mesma que ele emitiu para afastar o Balrog, e para mostar seu poder a todos que o consideravam "o Cizento".
     
  4. Ravanoc

    Ravanoc The ring has been lost.

    Quem sabe ele não pega um fósforo?
    Brincadeira.Não sei ao certo, mas eu arriscaria dizer que, pelo fato de ele ser um Maiar e estar em uma alta posição na classificação hierárquica de seres que habitavam a Terra-Média, à ele foi condedido algumas "habilidades".Provavelmente, como o Industrial disse, foi a fé.Tolkien tinha muita fé e muitos acontecimentos ou pessoas do passado remoto bíblico; e ele tentou esculpir, de uma forma completamente diferente, muitos personagens desse passado em suas obras.Lembrando que a intenção era apenas ter um modelo deles, pegando a base que firma o livro!
    Diria que é por causa da fé, de uma "habilidade" que vem de dentro dele.
     
    Última edição: 25 Jan 2009
  5. Lord Treville

    Lord Treville Ciências Sociais do Boteco

    Eu acho que a mesma técnica utilizada em Lórien para "aprisionar" luz nos frascos foi utilizada por Gandalf em um cristal. Acho que para ele não seria dificil dominá-las ou mesmo aprimorá-las para controlar a intensidade da luz ou algo assim. Ele era muito bem vindo em Lórien, e penso que ele e os elfos compartilhavam de muito conhecimento, embora apenas a Galadriel ele tivesse confiado seus segredos mais intimos.
     
  6. DaniloStinghen

    DaniloStinghen Senhor do Destino

    Acho interessante essa idéia de ser um cristal que Gandalf usava para acender suas luzes. Mas eu não tenho bem certeza de que o mago, depois de se tornar o Branco, tinha necessidade de atuar através da matéria de Arda para realizar esse tipo de magia (eu teria que reler a trilogia, o que pretendo fazer!), porque quando retornou da morte, acho que Gandalf era mais próximo de um Maia poderoso do que de um 'simples' Istar. Isso porque os Istari eram Maiar confinados a corpos terrenos, e sem acesso ao seu poder pleno que de outra forma teriam, se não usassem hröar. E os Ainur podiam mostrar seu poder sem usar "focos" mundanos, como o cristal para a luz, ou a madeira que ele usa para acender os fogos n'O Hobbit, e arremessar pedaços de lenha flamejante nos Wargs.
     
  7. Falcão Branco

    Falcão Branco Sacrifiquei um

    Não sei se vale, mas nos filmes enquanto Gandalf era Cinzento ele tinha um cristal na ponta do cajado, já quando ele vira O Branco já não existe mais cristal.
     
  8. DaniloStinghen

    DaniloStinghen Senhor do Destino

    Provavelmente é só coincidência, visto que não há descrição do cajado de Gandalf (nem do Cinzento, nem do Branco) no romance. E eu não acho que o PJ teria um conhecimento profundo o suficiente da obra do Professor para concluir isso também.
     
  9. Ben Kenobi

    Ben Kenobi Aprendendo com um

    Viagra [+ piada infâme]

    Acho que a luz do cajado é só um local de concentração do poder dele.
    Acho que é mais fácil canalizar a magia em um ponto específico do que emanar do corpo todo, é mais fácil de contralar também.
     
  10. Lord Treville

    Lord Treville Ciências Sociais do Boteco

    De fato não é dito se há algum cristal, ou outra coisa no cajado. É dito apenas que a ponta do cajado emanou uma luz. Gandalf é poderoso, e fazer seu cajado brilhar provavelmente não seria nenhum esforço.
     
  11. Agora q vc falou eu me lembrei, no filme, havia um cristal na ponta do cajado e depois naum tinha mais.

    Eu vi num site, e depois fiz a experiência em casa. Coloquei o cristal contra a luz do sol, ele projeta na parede as cores do arco iris, isso ajudou a reforçar a minha idéia. Gandalf poderia criar a luz por si só e refleti-la no crista.
     
  12. Ravanoc

    Ravanoc The ring has been lost.

    Parece uma física do século passado estudando física da reflexão, óptica da luz e outras coisas.
    Embora haja a questão da reflexão da luz em um prisma, eu acho que não daria muito certo.Pra começar, em Khazad-dûm não havia luz.Ou havia?Lá, o cajado emitia luz.Sendo que era uma montanha, onde a luz não era comum, sendo algo raro à se encontrar..
     
  13. DaniloStinghen

    DaniloStinghen Senhor do Destino

    Havendo ou não havendo luz em Moria, a luz de Gandalf não era só uma reflexão da luz ambiente. Era mágica, não apenas justificável por um fenômeno físico
     
  14. Minos

    Minos Usuário


    Bom quando a luz de divide como no caso de emitir uma luz brança no cristal ou prisma ela de divide realmente em sete cores, mas não tem como uni -las de novo tem? mas pense só como seria estranho. Bom acho que essa luz tanto a que alimeta o cristal de Gandalf em Moria e a luz Emitida do cajado em Minas Tirith seria uma projecção de seu poder, ou no caso de sua força interior como um Ki força vital como nos Animes, não uma força fisica, mas de luz espiritual sei lá poder.
     
  15. Ravanoc

    Ravanoc The ring has been lost.

    Sim.Sob esse aspecto, conclui-se que havia um pouco de magia no ambiente.E justifico-me usando a posição Maia que ele possuia.Como vinha de uma outra linhagem, seria comum ele possuir certas habilidades que saissem do meio físico.
    ps: vocês estão certos, rapazes. =]
     
  16. Finwë Fëfalas

    Finwë Fëfalas Nas Echoriath...

    Não seria talvez porque ele trouxera a luz de Aman junto com ele? Pois era um maiar. E era apenas uma luz branca aquilo, mais nada.

    Como dito, quando ele era Cinzento tinha um cristal no topo de seu cajado, depois que virou O Branco não tinha nenhum. É coisa sobrenatural.

    Os cristais encontrados no subsolo, geralmente perto dos 3 ou 4 mil km do magma são brilhantes, lá a temperatura chega ate 150º e tem um teor de umidade 100%.
    Geralmente encontrados em jazidas de prata e zinco, o que faz com que estes cristais brilhem é por serem compostos de Selenita, um tipo de gesso translúcido, cristalino que com o contato de alguma luz (por exemplo a do Sol, lanternas, etc...) faz com que brilhe o cristal bastante.
    Os cristais são formados pelos líquidos hidrotermais que emanaram das câmaras de magma abaixo da onde se localiza a caverna.
    Pode também terem ou serem formados de "mica" um mineral que é muito brilhante e que é desagregado no granito junto com o feldspato e o basalto. Um grande acumulo de mica forma um cristal com lâminas brilhante.

    Só que apenas cristais não fazem sentido ser no cajado de Gandalf, pois o brilho e luz que este emanou é muito maior do que apenas um simples encontro com o Sol e o cristal.
    Tem "magia" no meio. :)
     
  17. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Algo a se lembrar é que os corpos de seres iluminados deixavam uma suave irradiação em volta (como na passagem dos elfos presenciada por Bilbo, Frodo). Talvez Gandalf usasse um pouco de sua bioluminescência =P...
     
  18. DaniloStinghen

    DaniloStinghen Senhor do Destino

    Todo esse falatório de decomposição da luz branca e de luz refletida é absurdo. Não era um fenômeno físico observado devido a um cristal que poderia estar no topo do cajado do mago. Era /magia/. Podia ser a Luz de Aman, ou apenas uma fraca atuação do poder de Gandalf. Mas não era um fenômeno científico. De jeito nenhum, Tolkien tinha em mente essas coisas. É quase tão absurdo tentar explicar a magia de Gandalf cientificamente quanto o é discutir a imortalidade élfica sob o ponto de vista da ciência.
     
  19. Belladona Tûk

    Belladona Tûk Do what thou wilt shall be the whole of the law

    Como não diz se há alguma coisa na ponta do cajado de Gandalf, pode-se crer que tudo era apenas o cajado, madeira, e a luz vinha de sua força, talvez de sua face, que mostrava ao inimigo com quem estava lhe dando, além do mais, Gandalf não era o guardião da Chama de Anor?!! Pode ser também o poder do Anel...

    Concordo com o DaniloStinghen, não há porquê ficar procurando respostas na ciência para os fenonimos de Arda, mesmo assim, achei interessante o topico! =)
     
    Última edição: 27 Jan 2009
  20. Tbm acredito que a luz que emanava do cajado de gandalf provinha de sua força e seu poder!! era magico, naum creio que tivesse aver com fisica..
     

Compartilhar