1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Coisas de ficção científica que podem se tornar reais

Tópico em 'Ciência & Tecnologia' iniciado por Sabrino Crystals, 13 Nov 2014.

  1. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Eu confesso que fico sempre extremamente dividido entre colonização de novos planetas e a regeneração do nosso.

    Considero importante tentar criarmos tecnologias para buscar esse objetivo em outros corpos celestes, mas acho essencial buscar a regeneração de onde vivemos, pois se ficarmos fugindo de um lugar para poluir e sugar todos os recursos de outro, manteremos um velho comportamento nada apreciável da espécie humana.

    Por outro lado havendo a regeneração da Terra (despoluição, reflorestamento, uso consciente e sustentável dos recursos) daremos a real prova que somos merecedores para poder habitar outros mundos.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  2. Nienna...

    Nienna... Worrier/Warrior


    Se feito de maneira consciente e bem pensada, um processo de colonização em um outro planeta poderia ajudar no processo de regeneração da Terra, mas quando é que o ser humano ao colonizar alguma lugar se mostrou um bicho consciente, não é mesmo...

    A questão da colonização, devido a nossa baixa tecnologia de viagem espacial, acaba acarretando na questão da "terraformação" (transformação de outros planetas para que esses adquiram características similares à da Terra,leia-se capaz de sustentar as necessidades humanas) e aí pra esse processo de terraformação a galera vai cair num debate mega complicado tendo em pauta muito o "qual o direito que a humanidade tem de alterar todo um planeta e seu futuro"...

    Sei lá, tô devaneando um pouco aqui, mas gosto muito desses papos
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Eu penso que os dois projetos (regeneração e projetos de colonização) podem e necessitam caminhar muito bem juntos, até porque ambos são benéficos mutuamente. Um exemplo importante visando os dois objetivos é que sem precisar ter ido a outro planeta, hoje já é possível termos uma agricultura de alta rentabilidade que usa pouca terra e água e produzindo alimentos de boa qualidade. É o que chamam de
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .

    Como não temos nada muito próximo que esteja em perfeitas condições de plena habitação, acho super válido os projetos que estão em andamento de simulação de vivência de longa duração em lugares confinados localizados em lugares bem isolados, pro ser humano em grupos pequenos começar a ser bastante testado socialmente e emocionalmente antes de uma viagem e estadia em Marte que é algo que não pode ser feito de qualquer jeito. Quando essa etapa inicial for superada aí pode-se pensar com os pés no chão em colonização.

    Os projetos e teorias de terraformação acho bem interessantes. A principio se o lugar está totalmente desabitado, não tenha nada contra. O grande problema da humanidade no passado, sempre foi de um povo cobiçar e explorar uma terra, mas para isso matando e se necessário aniquilando totalmente uma minoria que já habitava normalmente esse lugar.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  4. Nienna...

    Nienna... Worrier/Warrior

    o que conta como "desabitado"? Porque os debates começam por aí. Se um planeta possui populações bacterianas (não provindas da terra) teríamos o direito de interferir no processo evolutivo delas??
     
  5. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Pra mim desabitado é de tudo mesmo inclusive isso.
    Mas pelo menos, existe por parte da nossa humanidade a preocupação de investigar e estudar através de sondas e robôs se realmente existe alguma forma de vida, por mais frágil e simples que seja.
     
  6. Tenebris

    Tenebris Sister and Trooper

    Não consigo ver um regeneração da Terra acontecendo antes da colonização!
    Até mesmo pela grande quantidade de pessoas que o planeta já tem e que terá nos próximos anos, nesse caso a colonização poderia sim ajudar, mas é importante frizar que os colonizadores deveriam, em algum momento, receber um curso ou algo nesse sentido visando justamente a preservação do novo planeta e um desenvolvimento sustentável, pois não serão dependentes da Terra para todo o sempre!

    A Terraformação, sempre será uma necessidade. Mas o fator "x", será a capacidade humana de adaptação.
    Quanto a outras espécies de vida, o ponto não é dominar e escravizar como sempre foi feito, é aprender a conviver e trabalhar em prol do desenvolvimento daquela espécie. Logicamente algumas espécies podem ser nocivas, por isso é importante que se estude bem antes o candidato a novo lar da humanidade.

    Acredito que colonização esteja mais ligada à sobrevivência e menos à posse e expansão.
    Esse é um assunto gostoso de debater, mas sabemos que colonizar abrange muito mais que tecnologia e desenvolvimento sustentável, o principal ponto de partida é o governo da Terra e das colônias, que nesse caso só funcionaria de forma unificada, o modelo atual mal consegue atender as necessidades desse planeta, imagina o desastre que seria uma colônia mal administrada?

    Infelizmente, no meu ver, tudo muito utópico e ainda longe da realidade.
     
  7. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    No curto prazo, o melhor seria focar em colonizar Marte. Não acredito que a humanidade sobreviva mais que dois séculos, mantendo esse ritmo de crescimento populacional e de expectativa de vida. Nesse segundo caso, a economia pode entrar em colapso financeiro em países mal administrados (como nas "Bananas sudamericanas")e gerar outra crise global.

    Acredito que, uma vez que se torne viável uma viagem até o planeta vermelho, haverá um boom por demanda tecnológica de materiais e cursos de "terraformação" e "Geocapacitação" em larga escala. Uma nova corrida será dada, mas para o espaço.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  8. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Quanto a crescimento populacional eu não sou tão pessimista assim quanto vocês.

    Quem já teve a oportunidade de ver publicações antigas com estimativas feitas nos anos 60 , 70 e até inicio dos anos 80 do século passado, baseado nas taxas de crescimento daquelas décadas, muitos projetavam que nesta década atual que vivemos hoje, o nosso planeta já chegaria fácil a marca de 10 bilhões ou mais de pessoas e o Brasil muito provavelmente estaria com 250 milhões ou mais de habitantes.

    No entanto não foi o que aconteceu, pois sem ter ocorrido nenhuma grande guerra ou epidemia de proporções globais, a população mundial, mesmo tendo alguns países como Índia e Nigéria que tem crescimento elevado, na média geral tem apresentado desaceleração de crescimento e se o século XX foi o da grande explosão demográfica, o XXI tende a ser da estabilização e o início de declínio, pois já e fato consolidado que os países com as mais baixas taxas de crescimento (abaixo de 1%) terão sua população muito envelhecida e enfrentarão declínio populacional em algum momento mais a frente, inclusive o Brasil que pode até começar a enfrentar isso antes de chegar a marca de 250 milhões.

    O fato é que a cada década que passa, todos os especialistas adiam cada vez mais o ano que o mundo atingirá 1o bilhões.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  9. Tenebris

    Tenebris Sister and Trooper

    Não sei dizer se o declínio populacional é algo bom ou ruim!
    Suponho que tenha os dois lados...
     
  10. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    É verdade e por isso apontei o envelhecimento populacional como a mais provável causa de um desequilíbrio financeiro em grande escala, caso o número de pessoas ativas ficar menor que o de inativas. A conta não vai fechar com menos jovens no mercado e mais aposentados que estão vivendo cada vez mais. Aqui mesmo no Brasil já estamos sofrendo os efeitos de muitas pessoas aposentadas no setor público e custos elevados de planos de saúde... cada vez mais restritivos.
    egundo esse
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , não vai demorar muito para chegar nos 10 bilhões.
     
  11. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Só o tempo dirá mesmo..
    O futuro declínio populacional que virá pela frente é consequência do avanço tecnológico e o modo de cadavida que vivemos em função dele e desde o início da revolução industrial quando muitos deixaram o campo em busca das grandes cidades, as profissões foram ganhando um nível de complexidade e especialização cada vez maior, as mulheres ocupando maior espaço no mercado de trabalho, as pessoas tendo um maior tempo de estudos e maior nível de escolaridade em relação a seus pais e avôs, a elevação do custo de vida, são muitos fatores que somados foram pesando cada vez mais na decisão dos casais terem filhos.

    Modelamentos e projeções matemáticas são interessantes, mas como o comportamento humano é extremamente dinâmico, se não houver constante atualização dos dados e das variáveis, vai ocorrer o que sempre tem acontecido, que é vernos os analistas recalcularem e adiarem cada vez mais suas projeções. No passado já acharam que 10 bilhões seria algo atingindo já nesta década, depois adiaram por volta de 2030 e atualmente
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .
     
    • Gostei! Gostei! x 1

Compartilhar