• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Cientistas descobrem que clima tem influência sobre atividade sísmica

Morfindel Werwulf Rúnarmo

Geofísico entende de terremoto
Pela primeira vez, uma pesquisa prova que a relação existe neste sentido.
Não se pode afirmar que o aquecimento global vá causar terremotos.



Uma equipe de cientistas australianos, da qual também fazem parte um francês e um alemão, anunciou nesta quarta-feira ter descoberto que a intensificação das monções - um fenômeno meteorológico - na Índia acelerou em 20% o movimento da placa tectônica indiana ao longo dos últimos 10 milhões de anos.

Giampiero Iaffaldano, que coordenou o trabalho, explica que já se sabia há muito tempo que os movimentos tectônicos influenciam o clima ao formar novas montanhas e fossas marinhas, mas esta pesquisa demonstra pela primeira vez que a influência existe também no sentido inverso.

"O fechamento e a abertura dos vales oceânicos, assim como a formação das grandes cadeias de montanhas, como os Andes e o Tibete, constituem processos geológicos que afetam os padrões do clima",
disse o especialista à AFP.

"Do nosso lado, nós demonstramos pela primeira vez que esta influência existe também no sentido inverso, ou seja, que a evolução do clima pode afetar, por sua vez, o movimento das placas tectônicas",
acrescentou.

Entretanto, a conclusão óbvia não é a de que o aquecimento global necessariamente acarretará em uma maior frequência de terremotos potentes, como o que devastou a costa nordeste do Japão em março, já que estas evoluções são medidas em "milhões de anos".

Com a equipe de Iaffaldano, colaboraram Laurent Husson, da Universidade de Geociências de Rennes (França), e com Hans-Peter Bunge, da Universidade Ludwig-Maximilians de Munique (Alemanha). A pesquisa foi publicada recentemente pela revista científica "Earth and Planetary Science Letters".

Os pesquisadores agora pretendem investigar se o clima teve efeitos nas placas tectônicas de outras regiões, além da Índia.

"Por exemplo, podemos imaginar que tenha havido uma influência do clima na formação dos Andes ou das montanhas Rochosas",
estimou Iaffaldano.

Fonte
 

Neoghoster Akira

Brandebuque
Em questão de vulnerabilidade nós aqui do Brasil estamos expostos.

Numa entrevista na cnn um professor da universidade do Oregon classificou o nível de segurança numa escala de 0 a 10 de alguns países em relação a terremotos.

Na escala, o Japão levou nota 8 de preparação e os EUA levaram nota 5. O Haiti levaria nota 0 (lá eles não colocam nem vergalhão de aço para sustentar o prédio). O que coloca o Brasil numa posição muito desconfortável por estar com certeza com menos de 5 em preparo. Se acontecer por aqui não sobra nada e a única coisa um pouco melhor é o nosso uso do aço e um pouco mais de ajuda da defesa civil. Acho que ganharíamos uma nota 2 mais ou menos... =/ Mas para o governo federal está tudo cor de rosa porque eles subornam porta-vozes para dizer que aqui é tudo ótimo.

Honestamente, penso que a revisão do nosso sistema nuclear é só uma das coisas que teremos que fazer. O certo é trazer a questão para o nível estrutural mesmo.
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium
O que o será fatal no Brasil será o regime cada vez mais irregular de chuvas e cidades e bairros localizados em vales e encostas vão continuar sofrendo muito.

Quanto aos movimentos sismicos incrivel que ainda não aconteceu algo forte na famosa falha de Santo André na California-EUA, os profetas de plantão sempre falam que um dia o pior ainda vai acontecer por lá.
 

Morfindel Werwulf Rúnarmo

Geofísico entende de terremoto
Quanto aos movimentos sismicos incrivel que ainda não aconteceu algo forte na famosa falha de Santo André na California-EUA, os profetas de plantão sempre falam que um dia o pior ainda vai acontecer por lá.
É porque lá a falha é transformante (o deslocamento das placas é transversal), diferente do que normalmente acontece, que uma vai em direção à outra (Japão.)
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.495,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo