1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

China condena pai que criou site para vítimas de leite contaminado

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 10 Nov 2010.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Um ativista chinês que liderava uma campanha pedindo indenização para pessoas afetadas pelo consumo de leite em pó contaminado foi condenado a dois anos e meio de prisão, na China, por incitar a desordem social.

    O filho de Zhao Lianhai foi uma das 300 mil crianças que ficaram doentes em 2008 após ingerir o leite contaminado com a substância química melamina. Pelo menos seis bebês morreram. Ele resolveu então criar um website com informações para as famílias de outras vítimas.

    A promotoria alegou que Zhao deu entrevistas à mídia estrangeira e participou de protestos para chamar atenção para o escândalo, além de ter organizado um evento para os pais cujos filhos ficaram doentes por causa da substância tóxica encontrada no leite fabricado pela Sanlu, na época a maior empresa de laticínios do país.

    O advogado de defesa Li Fangping disse que a sentença foi dura demais, já que normalmente os condenados por incitar desordem social passam apenas alguns meses na prisão.

    Zhao, que já trabalhou para a vigilância sanitária do país, anunciou que vai recorrer da decisão e ameaçou fazer greve de fome.

    "VERGONHA"


    A substância melamina é geralmente usada na fabricação de plástico, fertilizantes e concreto. Quando adicionada a alimentos, ela faz o conteúdo proteico da comida parecer maior, mas pode causar pedras nos rins e levar à falência renal.

    Em 2008, a melamina foi encontrada em produtos de 22 empresas de laticínios, o equivalente a um quinto dos fornecedores na China.

    Mais de 20 pessoas foram condenadas por envolvimento no escândalo e duas foram executadas.

    O incidente levou a um recall de laticínios chineses no mundo todo e causou constrangimento para as autoridades na China, que prometeram lidar com o problema e restaurar a confiança do consumidor.

    Mas Zhao Lianhai achava que mais deveria ser feito para chamar atenção para o problema.
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Que absurdo. E o pior que não se trata de uma simples contaminação, o que já seria grave por si só. Isso é fraude e fraude econômica. Normalmente a melamina é adicionada para mascarar a adição de água ao leite e fazer com que a análise de proteína fique dentro dos padrões normais. Uma fraude econômica tipicamente capitalista :rofl:.

    E o pobre pai ainda é obrigado a assistir tudo calado. E nós devemos dar graças a Deus que ele não tenha sido condenado a morte. Espero que o pessoal que paga pau para esse tipo de ditadura e se impõe uma auto-censura de consciência violenta comece a analisar esse tipo de coisa.
     
  3. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    O triste nessa história é que o inimigo nem é o partido e sim os fraudadores. Bater na vítima é sempre muito fácil. O governo chinês devia perceber que as redes sociais de saúde e para pessoas doentes são muito úteis na internet.
     

Compartilhar