1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Cenas toscas em jogos de RPG

Tópico em 'RPG' iniciado por Eru- o Ilúvatar, 25 Mar 2003.

Situação do Tópico:
Fechado para novas mensagens.
  1. Eru- o Ilúvatar

    Eru- o Ilúvatar Usuário

    Vou transcrever aqui uma cena vivenciada em uma partida de D&D na internet, por um conhecido meu, e cujo anonimato vou preservar pelo embaraço da cena. Ela mostra o cúmulo da tosquice a que pode chegar um jogo de RPG a princípio inoscente e é relatada pelas palavras do elemento em questão:

    Eu tava jogando pela primeira vez D&D 3e na net... eu não fazia a mínima idéia das regras... eu era um fighter. Primeiro, um NPC disse que eu era a criança de Baal e fez a gente matar uns goblins, mas ele tinha enganado a gente e os goblins eram paladinos... aí a gente foi preso por um exército de paladinos na mesma cela que um Mio-Orc Monge chamado Stupronal Stuprovsky (apelidado por mim de Stupronildo). Ele tinha sido preso por que tinha estuprado umas freiras... a gente escapou da prisão e foi parar num celeiro. O meio-orc tava comendo um cavalo e tava de vacilo com a gente... e eu resolvi atacar o cara. O mestre disse q eu n podia pq ele tinha AC 40.(eu n tinha a mínima noção do que era 40 AC). Aí eu disse que ia cortar o pau do cara e ele disse q o pau dele tinha AC 44... eu falei merda pro meio-orc e o mestre disse: "O Meio-orc te dá uma porrada na cabeça e vc acorda algumas horas depois com uma dor imensa no cu"


    Dessa outra eu fui testemunha, e falo em primeira pessoa:

    Um conhecido meu nunca soube fazer paladinos... E jogando como tal, foi enviado pelo sacerdote da sua ordem para negociar com os nobres a divisão das terras de uma cidade recém conquistada com eles (isso em Ravenloft). Deveria exigir para a ordem pelo menos 3 das 5 áreas conquistadas nos arredores da cidade tomada.

    Daí, o infeliz vai pro lugar marcado e começa a encher a cara :| ... e aí uma mulher no recinto começa a seduzir ele :? e aí ele no meio disso tudo concorda em dar as terras pros nobres em troca de paz com a Igreja... 8O

    E ele sai, e encontra os outros pcs (não tinhamos ido com ele) e ele nos conta da gracinha enquanto só conseguiamos pensar (que imbecil... :eek: ). Prosseguindo, ele resolve voltar lá pra tentar convencer os nobres a desfazer o negócio, é humilhado e, como bom paladino... :babar: abaixa a cabeça e sobre risos e vaias se retira do lugar. Depois, como um bom paladino, resolve tentar matar os nobres para reaver os documentos que assinara e falha... :roll:

    Então eles enviam ao lorde Drakov a documentação para formalizar a posse das terras. E o Paladino vai atrás de Drakov ( :eek: ) para dizer que eles estavam mentindo (perjúrio de paladino é foda... :disgusti: ). Quando ele tenta finalmente roubar o lorde, é preso, destituido pela ordem e submetido a julgamento. :lol:

    E pra concluir, como um bom paladino, no meio do julgamento, ele... :roll: ...se mata pra fazer outra ficha de algo melhor... :( 8O :lol: :x



    E vocês? Alguma situação engraçada de jogo?
     
  2. inominavell

    inominavell Usuário

    vai pro tópico LENDAS LENDÁRIAS.
     
Situação do Tópico:
Fechado para novas mensagens.

Compartilhar