1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Notícias CBF acaba com clássicos na última rodada do Campeonato Brasileiro

Tópico em 'Esportes' iniciado por Fúria da cidade, 25 Fev 2013.

  1. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) definiu nesta segunda-feira que acabará com os clássicos na última rodada do Campeonato Brasileiro. A medida foi tomada após reunião do presidente da entidade, José Maria Marin, com os presidentes dos clubes da primeira divisão do torneio. A tabela do torneio ainda não foi definida.

    A mudança foi pedida por alguns clubes. Equipes de cidades com mais de dois clubes se viam prejudicadas, pois a polícias de São Paulo e do Rio de Janeiro não permitem dois jogos no mesmo horário. Com isso, alguns clássicos acabavam sendo disputados em outras praças.

    Em 2011, por exemplo, Fluminense e Botafogo tiveram que jogar em Volta Redonda, pois Flamengo e Vasco jogaram no Rio de Janeiro. No mesmo ano, na última rodada do Brasileiro, o clássico entre Santos e São Paulo foi jogado em Mogi Mirim, já que o Palmeiras e Corinthians mandaram a partida em São Paulo.

    Segundo o presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, a mudança foi definida em votação. “A maioria escolheu e houve a alteração”, disse o dirigente em entrevista ao UOL Esporte.


    Os clássicos na reta final do Brasileiro foram instituídos pela CBF para tentar fazer com que mesmo os times que não disputassem nada na última rodada jogassem com os titulares. Antes da medida, o torneio teve acusações polêmicas de “entregadas” de algumas equipes para prejudicar seus rivais regionais.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    ----------------------------------------

    Só quero ver se quem votou pelo fim dos clássicos vai voltar a reclamar de esquema de entrega.
     
  2. Exatamente. Poxa, eu achava uma das ideias mais geniais que a CBF teve até hoje.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Justamente quando cai um time de um dos estados que tem 4 grandes.
    Eu me perguntava como que a CBF iria rebolar pra não criar polemica. Afinal, só haveria 1 classico na ultima rodada entre os paulistas. Algum iria ser "favorecido".
    Será que isso teve algum peso?
     
  4. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Uma pena. Era uma boa ideia.
     
  5. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Será uma pena.
     
  6. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Esse ano estaria previsto Corinthians x Santos e São Paulo x Palmeiras (caso esse não tivesse caido). Na ausência dele, jogaríamos com a Portuguesa que é o quarto maior time da capital e todo confronto dela com um grande da capital é um mini-clássico.

    Só gostaria de saber quais foram exatamente os dirigentes que reclamaram.
     
  7. Spartaco

    Spartaco James West

    Saiu no site da ESPN:

    Dinheiro, TV e segurança pesam em decisão para fim de clássicos na última rodada do Brasileiro

    Definido nesta segunda-feira, em reunião na sede da CBF, o fim dos clássicos estaduais na última rodada do Campeonato Brasileiro conseguiu de uma só vez atender os interesses dos clubes, da TV e também da segurança pública.

    A mudança na medida, que passou a ser adotada em 2011 como forma de evitar possíveis acusações de entrega de jogos para prejudicar rivais regionais, foi abordada na pauta do encontro com o presidente da CBF, José Maria Marin, e discutida entre os 19 representantes de times presentes. Com 11 votos a favor, acabou aprovada e passará a vigorar a partir do calendário desta temporada. A Portuguesa foi a única equipe ausente.

    Os dirigentes foram informados durante as conversas do pedido do Ministério Público para que, especialmente no Rio de Janeiro e em São Paulo, os clássicos não fossem mais disputados na rodada final.

    “Não posso ficar indiferente a esse assunto. Alguns locais não teriam o policiamento ideal com mais de um jogo ao mesmo tempo”, argumenta o presidente do Goiás, João Bosco Luz, ao ESPN.com.br. “Se em Goiânia não temos hoje Vila Nova e Atlético-GO na Série A, em São Paulo contamos com Corinthians, São Paulo, Santos, Portuguesa e Ponte Preta”, completa.


    O desperdício de receita com a realização dos confrontos regionais num momento em que alguns clubes já não sustentam mais pretensões na competição é outro fator que pesou na votação favorável à mudança.

    “Do ponto de vista financeiro, não dá para negar que essa alteração pode ser interessante para as equipes. Alguns jogos importantes ficaram comprometidos em outros anos”, analisa o presidente do Coritiba, Vilson Ribeiro de Andrade.

    A decisão foi saudada pelo diretor de futebol do Vasco, René Simões.

    “Não tenho medo de que voltem as polêmicas. Não dá para temê-las. Elas podem acontecer em qualquer partida. Se um dia voltarem, espero sinceramente que os responsáveis sejam punidos. Não podia é um Flamengo e Vasco acontecer sem o mínimo interesse do público. É até uma afronta à história do clássico. Sem contar o prejuízo econômico que isso acarreta”, defende.

    Outra situação que exerceu influência no anúncio feito na segunda-feira foi o desejo da Rede Globo, detentora dos direitos de transmissão do Brasileirão, de ver os clássicos disputados no meio da tabela.

    “Existia um interesse da TV para que essas partidas fossem realizadas em outro momento do torneio”, confirma Guilherme Mendes, diretor de comunicação do Cruzeiro.

    A tabela desta temporada ainda não foi anunciada.
     
  8. Eriadan

    Eriadan Usuário Usuário Premium

    Justo agora que ia ser finalmente BaVi em vez de Vitória x Ceará ou Bahia x Atlético/GO. :sad:
     
  9. Paraíba Hi-Tech

    Paraíba Hi-Tech Cabra Arretado

    Previsão de manchete no final do ano:

    "Decisão equivocada da CBF põe resultado do Brasileirão sob suspeita"
     
  10. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Pelo mesmo reporter que hoje elogia.
     
  11. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    É burrice, na boa. Ok, entendo os motivos citados no post do Spartaco. Mas no final do ano, a opinião será outra.
     
  12. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Se ele disse isso, disse uma enorme besteira, já que em 2011 quando rolou Vasco x Flamengo na última rodada um brigava pelo título e outro por vaga na Libertadores.

    Mesmo que apenas um deles tivesse brigando por um objetivo, o clássico por si só na última rodada já valia a pena já que o rival daquele que tá na luta por um objetivo fará de tudo pra que ele não consiga.
     
  13. Exatamente. Tanto que o Derby em 2011 foi épico, mesmo com o Palmeiras sem nada para almejar.
     
  14. Felagund

    Felagund Well-Known Member

    Só foi épico pq vencemos o Brasileiro lá, contra o Palmeiras. Pq o jogo em sí foi uma grande porcaria.
     
    • LOL LOL x 1
  15. Ranza

    Ranza Macaco

    Detestei isso.
    Cara o Classico é o que segurava a emoção ate o final para muitos times.
     

Compartilhar