• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Notícias "Caverna do Dragão": Por que nunca tivemos um filme baseado no desenho?

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium

"Caverna do Dragão" Imagem: Reprodução

"Caverna do Dragão", um dos desenhos mais idolatrados ainda hoje pelos brasileiros, voltou a ser notícia nas últimas semanas após supostas imagens de uma versão em live-action vazarem na internet. O UOL descobriu que a iniciativa é apenas uma jogada de marketing, mas a dúvida ainda permanece: por que diabos nunca vimos uma produção com atores reais de "Caverna do Dragão" no cinema?

O desenho é baseado no jogo de RPG "Dungeons & Dragons" (D&D para os íntimos), criado em 1974 e desenvolvido por Gary Gygax e Dave Arneson, que ainda hoje é uma febre nos Estados Unidos. O impacto do game na cultura pop é gigantesca, influenciando livros, filmes, séries e videogames -- sem contar as participações especiais como forma de diversão em "The Big Bang Theory", "ET - O Extraterrestre" e "Stranger Things", para citar apenas alguns.

Porém, para desânimo dos aficionados, as versões para o cinema da saga foram desastres e nenhuma chegou aos pés da animação clássica dos anos 80 que no Brasil ganhou inúmeras reprises nas décadas seguintes. Descubra a seguir por que ainda não vimos o Mestre dos Magos de carne e osso nas telonas.

Sucesso mais aqui do que lá


A animação, considerada cult tanto aqui quanto no exterior, é muito mais popular no Brasil do que no resto do mundo. Nos Estados Unidos, por exemplo, "Caverna do Dragão" (cujo nome original é "Dungeons & Dragons" mesmo) tem uma representação muito menor do que os tabuleiros. No Brasil, o caso se inverte porque o desenho chegou ao país pela Rede Globo, em 1986, e o jogo oficial foi lançado pela Grow apenas em 1993.

Por isso, quando boatos de que um filme em live-action baseado no universo será lançado, a expectativa de Hollywood não é ver os personagens amados do desenho, mas sim uma adaptação de qualidade que faça jus à grandiosidade da fantasia da marca "Dungeons & Dragons" como um todo.

Os que saíram são (muito) ruins

Um filme inspirado no jogo de tabuleiro foi lançado apenas em 2000. "Dungeons & Dragons - A Aventura Começa Agora" recebeu apenas 10% de aprovação no Rotten Tomatoes (o maior agregador de críticas da internet). Os fãs da saga ficaram furiosos com a trama rasa que pouco tinha a ver com o jogo e efeitos visuais terríveis. Mesmo alguns atores do alto escalão, como Jeremy Irons, salvaram essa tragédia. Quer uma prova? Veja o trailer abaixo.


Mesmo não sendo aprovado pela crítica nem pelos fãs, o filme conseguiu (acredite se quiser) uma sequência: "Dungeons & Dragons 2: O Poder Maior" (2005), que foi lançado diretamente para a televisão e resgatou os mesmos defeitos do antecessor, apesar de entregar um roteiro mais próximo ao jogo original. E não paramos por aí. "Dungeons & Dragons 3: O Livro Da Escuridão (2012) conseguiu ver a luz do dia quando foi lançado diretamente em DVD, e muitos nem sabem que ele existe.

É difícil precisar por que demorou 25 anos para que um filme da franquia ganhasse vida. Podem estar envolvidos neste contexto dificuldades de licença da marca (a Hasbro é difícil de negociar e gosta de dar palpites nas produções alheias), polêmicas com grupos religiosos que viram "D&D" como responsável por introduzir práticas de ocultismo e magia negra aos jovens. Além disso, a franquia conseguiu se manter nos anos 80 e 90 com os próprios jogos, os livros que expandiram o universo, bonecos, games eletrônicos e discos.
Futuro próspero?

Mas nem tudo está perdido. A Paramount Pictures está trabalhando em um novo longa da marca e a promessa é que os fãs poderão ir ao cinema ver o filme a partir de julho de 2021. Michael Gilio bolou um roteiro que já foi aceito e o estúdio procura um figurão de Hollywood para protagonizar a trama.
Entre as opções estão Will Smith, Josh Brolin, Chris Pratt, Vin Diesel, Matthew McConaughey, Jamie Foxx, Joel Edgerton, Dave Bautista, Jeremy Renner e Johnny Depp. Nada mal.

Considerando os nomes acima, é impossível deixar de especular que o filme tenha um orçamento gordo, o que será mais do que necessário para garantir os efeitos visuais merecidos, o cuidado com os ambientes e os figurinos, além de garantir produtores que saibam o que estão fazendo. Vale ressaltar que a nova produção ainda não revelou muitos detalhes do roteiro, mas dificilmente será baseada em "Caverna do Dragão".

Enquanto o filme não chega, o que resta é saborear os episódios de Hank e sua turma da clássica animação.

https://entretenimento.uol.com.br/n...nunca-tivemos-um-filme-baseado-no-desenho.htm

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O sucesso do desenho no Brasil, numa época em que quase todos os canais de TV aberta exibiam desenhos na parte da manhã, é algo que foi épico. Um filme que fosse baseado totalmente nele teria tudo pra fazer sucesso.
 

Giuseppe

Eternamente Humano
Vale ressaltar que a nova produção ainda não revelou muitos detalhes do roteiro, mas dificilmente será baseada em "Caverna do Dragão".
???

Não sou lá muito fã de transformar desenhos em live-action. Costuma ficar tosco. Um longa metragem do desenho com um bom roteiro seria muito melhor (e mais barato de se produzir).
 

Béla van Tesma

Blood-sucker
Por que não fazem uma série de televisão baseada em Baldur's Gate ou outro cenário aberto, com produção no mesmo nível da de GoT? :think:
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium
???
Não sou lá muito fã de transformar desenhos em live-action. Costuma ficar tosco. Um longa metragem do desenho com um bom roteiro seria muito melhor (e mais barato de se produzir).

Gostando ou não, o fato é que entramos definitivamente numa onda maior e mais frequente de desenhos se tornarem filmes, com erros e distorções em alguns mas que também existem acertos em outros.

No caso específico de Caverna do Dragão, tirando a Uni, não vejo nada complicado caracterizar os personagens e com um bom roteiro dá pra fazer um bom filme, mas há de ressaltar que o que mais fez sucesso no exterior foi o jogo de tabuleiro e não tanto o desenho que só teve 27 episódios produzidos, ficando o tão famoso 28°, esperado e último com roteiro pronto faltando ser finalizado, mas que teve uma versão adaptada em quadrinhos por um brasileiro, ou seja, teoricamente seria mais fácil que um brasileiro, partindo do princípio que pague todo o licenciamento de direito autoral dos personagens e da marca Dungeons & Dragons, faça essa produção com orçamento próprio do que isso vir lá de fora.
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium
Por enquanto, é certo que é produção brasileira, mas pra comercial de TV. :mrgreen:

Tem até Trailerzinho e poster


"Live-action" de Caverna do Dragão é anúncio do Renault Kwid



A Renault está por trás da live-action de Caverna do Dragão. Imagens dos garotos perdidos vazaram na web e geraram especulações sobre um possível filme do desenho que marcou época nos anos 1980 e 1990.

A fabricante aposta nas lembranças do público sobre Hank, Eric, Diana, Sheila, Presto e Bob para promover o lançamento do Kwid Outsider. As gravações foram feitas na Argentina, mas até agora a marca faz mistério e só liberou um breve teaser.





Segundo apurou UOL Carros, a Renault quer aproveitar o carisma de "Caverna do Dragão" junto ao público alvo do Kwid, na faixa de 30 e 40 anos. Esta não é a primeira vez que a Renault convoca um personagem da cultura pop para vender seu subcompacto: a campanha de lançamento do Kwid foi protagonizada pelo Incrível Hulk.
 

Fúria da cidade

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ
Usuário Premium
Ator "vira" Mestre dos Magos em duas horas: os bastidores de "Caverna do Dragão"



Elenco do comercial de "Caverna do Dragão" Imagem: Reprodução/Instagram/gioventurini
comercial de "Caverna do Dragão", que tinha frustrado fãs que pensavam ser um filme, foi o vídeo mais visto no YouTube na última sexta-feira (24). Para ser fiel ao desenho que foi sucesso nos anos 80, o elenco enfrentou desafios maiores do que o Vingador.

O primeiro perrengue foi com a região escolhida para a gravação. O elenco passou oito dias em Salta, na Argentina, onde não chovia desde novembro. O clima árido e o solo arenoso seriam perfeitos para recriar o mundo de "Caverna do Dragão", mas uma forte chuva pegou a equipe de surpresa.

"De repente, caiu uma tempestade e todo mundo teve que correr para o ônibus. Choveu demais, aconteceu um milagre! Precisamos ficar mais um tempo para terminar de gravar", lembra Fhelipe Gomes, o Presto, ao UOL.

Caçulas fizeram "maratona" de episódios


Giovanni Venturini (Mestre dos Magos) e elenco nos bastidores de "Caverna do Dragão" Imagem: Reprodução/Instagram
O ator de 17 anos lembrava vagamente do desenho quando fez o teste. Para se aprofundar no papel, reviu os 27 episódios na internet: "Vi a reprise da reprise da reprise. Não sabia que era tão sucesso para as gerações anteriores. Fui saber depois que eu pesquisei, para saber mais sobre o Presto. Fiz uma maratona de vídeos no YouTube. Várias pessoas postavam episódios de 'Caverna do Dragão' em 2019, antes do comercial!".

A mãe de Fhelipe Gomes e o pai de Thiago Doncev, intérprete de Bobby, ajudaram os filhos a explicar o que foi o sucesso da animação no "Xou da Xuxa". "Eu era doente pelo desenho, assistia todos os dias. Meu filho acompanhou pela 'TV Globinho', mas quando falaram do teste ele não lembrava", conta Fábio Doncev.

Tacape de sete quilos


Thiago Doncev interpretou Bobby no comercial de "Caverna do Dragão" Imagem: Reprodução/Instagram
A produção do comercial encontrou em um surfista mirim o Bobby perfeito. Thiago Doncev, de 11 anos, tinha o físico necessário para segurar o tacape de sete quilos que acompanha a caracterização do personagem. O atleta voltou ao Brasil com outros planos, mas o pai fez um alerta.

"Ele falou: 'Pai, quero ser ator, não quero mais ser surfista'. Falei que foi o surfe que o levou até o comercial. Ele: 'Dá para fazer os dois?'. Dei exemplos do Kelly Slater, 11 vezes campeão mundial e que antes fez 'S.O.S. Malibu'. Kadu Moliterno é surfista e ator. Nuno Leal Maia e o pessoal da série 'Juacas' também", recorda Fábio Doncev.

Uni quase foi cavalo

Uni, o unicórnio que acompanha Bobby na animação, foi inserido na pós-produção com efeitos 3D, mas seria um equino de verdade. A equipe chegou a levar para o set de filmagem uma espécie de "cavalo anão", diferente de um pônei. Pouco antes de iniciar a gravação, porém, os profissionais voltaram atrás e não acharam certo usar o animal.


Uni no comercial de "Caverna do Dragão" Imagem: Reprodução/YouTube

Ator "virou" Mestre dos Magos em 2 horas

"Sou muito mais novo do que o Mestre dos Magos", refletiu Giovanni Venturini quando se preparava para o papel no comercial. O ator de 27 anos, portador de nanismo, ficou chocado ao se ver caracterizado como o sábio de "Caverna do Dragão". O processo de "envelhecimento" levou duas horas.


Giovanni Venturini interpretou Mestre dos Magos no comercial de "Caverna do Dragão" Imagem: Reprodução/Instagram
"Foi um processo meio claustrofóbico, mas interessante. Eu tive que ir à Argentina para fazer o molde e fiquei uma hora com um produto no rosto, sem abrir os olhos nem falar. Foi um exercício de concentração, de respiração para ficar tranquilo. Para montar no dia da filmagem, demorei uma hora entre roupa, maquiagem e máscara", explica.

Com máscara facial e quatro camadas de roupa, o ator precisou da ajuda da produção para beber água e suportar o calor escaldante do deserto argentino.

"A equipe era muito prestativa, sempre tinha alguém com canudinho, porque eu não conseguia abrir muito a boca. Beber água era só com canudinho. Ficavam com um leque me abanando, porque estávamos filmando em um lugar árido, muito quente. A máscara era muito quente e eu estava suando bastante por dentro por causa da roupa", revela.

Dublagem

Dublador de Vingador em "Caverna do Dragão", Orlando Drummond, 99 anos, topou repetir as falas e dar as risadas maléficas do vilão para o comercial. Mestre dos Magos também foi dublado. Como os donos das vozes da década de 1980 morreram (Ionei Silva e Miguel Rosenberg), a equipe escalou Walter Cruz, que aproximou sua voz à dos ex-colegas.

Vingador "argentino"


Vingador do comercial de "Caverna do Dragão" é argentino Imagem: Reprodução/YouTube
Os intérpretes de Diana e Hank, franceses, não foram os únicos atores estrangeiros do comercial. O Vingador foi interpretado por um ator argentino, de aproximadamente 55 anos e "uns dois metros de altura", segundo quem esteve presente na gravação. Mas ele era tão introspectivo que nem se apresentou ao time brasileiro.

"O cara não sorri. Ele é o Vingador mesmo! Eu falava em espanhol e ele não respondia. Era só 'sí', 'no'. O pessoal do elenco tinha medo dele. Ele lembra o Hulk Hogan [lutador de luta livre norte-americano], mas este era simpático", compara um integrante da equipe.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ainda que tenha sido apenas um comercial, não deixa de ser curioso como foi a produção.
 

Jhulha

Fugindo da caverna
Minha nossa, antes desse comercial eu imaginava que somente os japoneses faziam algumas adaptações descentes de animação, depois dessa propaganda pode esquecer qualquer adaptação em live action com bom enredo.
 

Valinor 2020

Total arrecadado
R$1.920,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo