1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Autor da Semana Carlo Gozzi

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por Spartaco, 16 Mar 2015.

  1. Spartaco

    Spartaco James West

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Conde Carlo Gozzi
    (13 de dezembro de 1720 - 4 de abril de 1806)

    Nascido em Veneza, veio de uma antiga família local. Seu irmão Gasparo Gozzi também foi um escritor conhecido. As dívidas de seu pai o forçaram a se manter por conta própria, e aos dezesseis anos ele se alistou no exército da Dalmácia. Após três anos, ele retornou a Veneza, onde ganhou reputação como escritor de peças satíricas.

    Em 1757 publicou o poema satírico La tartana degli influssi per l'anno 1756. Já em 1761 foi lançada a comédia O Amor das Três Laranjas (ou Analisi riflessiva della fiaba L'amore delle tre melarance), uma paródia sob forma de conto de fadas. A peça foi muito bem sucedida, e fomentou outras obras do autor com elementos sobrenaturais ou míticos, inclusive; ela foi transformada em ópera por Prokofiev.

    Em 1762 escreveu Turandot, uma das peças mais conhecidas e admiradas pelo público, transformada em ópera no século XX por Puccini.

    Sua ideologia política e social pode ser resumida no respeito absoluto pela autoridade estabelecida, para manter as divisões de classe com os privilégios inerentes à nobreza.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Principais obras:
    La tartana degli influssi invisibili per l'anno bisestile 1756 (1757)
    Fiabe teatrali:
    • L'amore delle tre melarance (1761)
    • Il corvo (1762)
    • Re cervo (1762)
    • Turandot (1762)
    • La donna serpente (1763)
    • Zobeide (1763)
    • I pitocchi fortunati (1764)
    • Il mostro turchino (1764)
    • L'augellino bel verde (1765)
    • Zeim, re de' geni (1765)
    Marfisa bizzarra (1766)
    Le droghe d'amore (1775/1776)
    Memorie inutili (1777, ma edite soltanto nel 1797)

    Fonte: Wikipedia
     
    Última edição: 16 Mar 2015
    • Ótimo Ótimo x 1

Compartilhar