1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)
  1. Saradoc

    Saradoc Usuário

    Tive pensando alguns dias atrás quando relia pela terceira vez o Senhor dos Anéis e estive pensando em uma coisa. Caradhras tinha um espírito própio ou era o Balrog que controlava a montanha ? Em muitas passagens há indicios disso. Primeiro Gandalf fala que quando os anões começaram a cavar próximo de Caradhras, despertaram a Ruína de Dúrin, o balrog. Depois em Lórien, Celeborn comenta que sempre soube que existia um mal sob Caradhras, mas agora sabia que era real. Legolas também comenta que os elfos começaram a partír de Lórien quando o mal da montanha foi revelado pelos anões.
    Finalmente juntando uma coisa com a oirta comecei a imaginar se o espírito que conrolava a montanha não era o própio balrog.
    O que reforçou minha teoria foi quando Gandalf disse que a montanha não era controlada por Sauron, pois nas profundezas ainda existiam criaturas dos tempos antigos. Não acredito que se a montanha tivesse um espírito própio, ela seria considerada um ser das profundezas...
     
  2. Oakshield

    Oakshield Usuário

    jah ouvi dizer que a montanha tinha um espirito proprio por isso impediu a passagem da comitiva...

    qto as outras passagens as quais se refere, elas se referem a presença de um balrog sob a montanha... "o mal sob montanha" que celeborn fala, se refere ao balrog q lah vive.. o mesmo para as palavras de legolas....

    jah as palavras de Gandalf se refere ao territorio em si.. a montanha nao era territorio controlado por sauron mas sim um territorio controlado por criaturas dos tempos antigos...

    nao acho que a montanha seja controlado pelo Balrog nao... ateh pq Balrog eh um espirito de fogo... e Caradhas eh gélida... se ainda fosse um vulcao.. :disgusti:
     
  3. Saradoc

    Saradoc Usuário

    Acgo que seu argumento foi muito simplório. Gandalf falou aquilo de uma forma misteriosa, como se quisesse dizer algo além daquilo. Acho que o espírito do Balrog era quem memso controlava a montanha. Outra: o balrog não é um ser de fogo como dissestem ele esteve sob forma de fogo em Moria antes de enfrentar Gandalf, pois ele é como um buraco negro que absorve tudo a sua volta. Vale lembrar que depois ele assume a forma de lodo, quando cai em poço profundo em moria.

    Ele é apenas uma criatura de sombra, não sendo de fogo como é mostrado nos filmes.
     
  4. O Nalrog não assume a forma de lodo, ele ganha o ASPECTO de lodo porque quando caiu na água seu fogo se extinguiu, mas depois q eles subiram na montanha o Fogo q envolvia o Balrog voltou a queimar.

    Eu acho que foi a própria montanha q expulsou a comitiva, eram tempos sombrios e não se pode confiar em todo mundo. (Principalmente um grupo formado por um maia, um elfo, um anão, dois homens, e quatro pequenos....hehehehe)
     
  5. Por outro lado, no mundo Tolkien, muitas coisas inanimadas parecem ter vida e setimentos: a montanha, as árvores, os rios, o vento, etc. É normal q quando se sobe uma montanha vai ficando cada vez mais frio e por isso neva mais, naquela época existiam sábios, mas não tinham físicos, químicos ou matemáticos, é muito normal que quando não se sabe o porque das coisas, inventa-se teorias, por mais incríveis que elas sejam. Sócrates é um bom exemplo, naquela época não se sabia muitas coisas e ele acabava criando hipóteses q hoje estão furadas. Então é claro q para uma simples obra da natureza, por assim dizer, uma montanha ficando mais fria quando mais alta, se torna motivo de suspeitar que o Cadharas tinha vida própria.
     
  6. Finarfin

    Finarfin Usuário

    O Balrog é um espírito de fogo sim.... "Horrendos entre esses espíritos eram os valaraukar, os flagelos de fogo que na Terra-média eram chamados balrogs, demônios do terror."

    Mas ele habbitava as profundezas de Moria que ficava dentro da montanha, e naum creio que ele tenha poder para controlar uma montanha.... e se naum me engano, n'O Hobbit haviam gigantes na montanha que provocavam avalanches e coisas parecidas, talvez fossem esses gigantes que estivessem no Caradhras.
     
  7. Saradoc

    Saradoc Usuário

    Errado, o fogo do balrog se acaba quando Gandalf se confronta com ele na ponte de Mória. Tanto é que antes de passar sobre as chamas, ele era apenas uma criatura de sombra, ao contrário do que aparece nos cinemas.
     
  8. Errado Saradoc, eu provo, p.524 AdT

    "- Caí por muito tempo, e ele caiu comigo. O fogo dele me envolvia. Eu estava me queimando. Então mergulhamos em águas profundas e tudo ficou escuro. (...) Ele ainda estava comigo. Seu fogo estava extinto, mas agora ele era um ser de lodo, mais forte que uma serpente estranguladora. (...) Ele saltou para fora, e no momento em que eu o alcançava explodiu em chamas novas."

    Ou seja, o Balrog sempre é envolvido por chamas, e ao cair na água essas se extiguiram, depois q ele já estava no alto da montanha, aparentemente já seco, suas chamas envoltórias voltaram a arder.... Eu sempre tento me basear no livro quando faço comentários... o filme é muito bom, mas muito da história está alterado, por isso eu não acho confiável se basear nele.
     
  9. Fëanor_Tilion

    Fëanor_Tilion Usuário

    Disse tudo Isilion. Quando for citar alguma coisa, não se baseie no filme!
    Mas com certeza não era o Balrog que comandava a montanha, apesar de ser um maia, ele não era tão poderoso a ponto de poder comandar a montanha.
    Prefiro acreditar que era o espírito da montanha que estava atrapalhando - os.
     
  10. Oakshield

    Oakshield Usuário

    foi o q eu disse :D

    Qdo pensarem em um Balrog lembrem-se de Arien, a maia, que guia o sol... pois eh dito "pois ela era um espirito de fogo que nao foi corrompido por Melkor" e tb eh dito sobre os balrogs "Eram espiritos de fogo que foram corrompidos por melkor.."
     
  11. Saradoc

    Saradoc Usuário

    Então há uma contradição aí, pois estou relendo o livro: pag 344, Sda, livro II "As chamas se apagaram, e uma escuridão tomou conta do lugar.." provei também isso, o que me diz?
     
  12. Sabe Saradoc, antes de você tentar provar você deve entender o texto, nessa parte o Balrog tinha acabado de puxar o Gandalf e não podia ser mais visto, então, quando se diz "As chamas se apagaram", foi do local, o local estava em chamas e essas se extiguiram.... mais provas:


    "Na direção oposta, no chão, ao pé de dois grandes pilares, uma enorme fissura se abrira. Dela emanava uma luz vermelha e violenta, e de vez enquando chamas lambiam a borda e se enrolavam nas bases da coluna."

    "A figura veio para a extremidade do fogo e a luz se apagou, como se uma nuvem tivesse coberto tudo. Então, com um movimento rápido, pulou por sobre a fissura. As chamas bramiram para saudá-la, e erqueram-se à sua volta."

    " O Balrog não fez sinal de resposta. O fogo nele pareceu se extiguir, mas a escuridão aumentou."


    É verdade, quando ele apareceu ele não estava envolto em chamas, mas de acordo com o primeiro e segundo exemplo se vê que ele pode controlar o fogo. O Balrog não começou a ser envolvido pelo fogo porque passou por cima dele, mas sim ele pulou a fissura que estava em chamas e depois chamou elas para si. Tá, a chama dele se extiguiu na ponte sim, eu adimito isso que vc falou no primeiro post, mas enquanto ele e Gandalf estavam caindo as suas chamas voltaram a arder, como meu primeiro post comprova:

    Ou seja, o Balrog possui sim o poder de controlar o fogo e de fazer seu corpo se inflamar em chamas, ele não precisa passar por chamas para isso.
     
  13. Realmente, o Balrog podia controlara as chamas... já q ele era um espírito do fogo, não era??? Agora, sobre Carahdras eu sinceramente acho q não tinha nada a ver ele ficar lá controlando a montanha e tal... não seria de assunto dele fazer isso, já q estava se escondendo dos valar, e não querendo chamar atenção... Acho q a Montanha tem um espírito próprio ou é apenas um modo de se falar, dar ênfase à narração... assim como nós as vezes falamos q "o tempo está de mal comigo"... pode ser uma possibilidade, né?
     
  14. Glorfindel

    Glorfindel Usuário

    Acho eu que no maximo a montanha podia estar dominada por espíritos no plural dos dias antigos (incluindo o Balrog). Quando houve a guerra da ira e os servos de Melkor foram se esconder eles podem ter escolhido Caradhras como esconderijo e por isso a montanha estaria "amaldiçoada".
     

Compartilhar