• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Capitão América: O Primeiro Vingador (Captain America: The First Avenger, 2011)

Sua nota para o filme


  • Total de votantes
    20

Fernanda

Andarilho de Eriador e
Achei morninho. Bocejei em cena de ação.

Chris Evans tem o incrível carisma de uma batata semi cozida e não convence, mas estava até melhor que eu esperava e não estragou tanto quanto fez com o Tocha.

Hugo Weaving é um ator do caraleo, o Caveira é um vilão clássico phodástico, mas nem a junção deles dois ajudou. Ficou marrom.

Eu nunca fui fã do Capitão, sempre achei patriotada demais para meu gosto. Mas quando eu li Guerra Civil acabei pegando afeto, e fui vendo algumas coisas dele. Esperava mais do filme. Uma das coisas do Capitão que eu acho típica é o jeitão paternal dele. O cara que lutou praticamente toda uma guerra e cuida dos outros. Nem o roteiro apressadinho, nem o Chris Evans conseguiram passar essa sensação. O Bucky tinha mais cara de Capitão que o próprio Capitão.

Gostei demais foi do papai Stark, da Peggy Carter e da caracterização do grupo de apoio do Capitão, apesar da ausência do Sargento Fury. O visual anos 40 tinha mesmo cara dos anos 40 das HQs, o que é muito legal. Já o final do filme mercia ser apenas as cenas após os créditos.

Os filmes do Hulk são filmes do Hulk, os do Cachaça são do Homem de Ferro, mas o do Thor e o do Capitão são só preambulos para os Vingadores.

Minha previsão para vingadores é que o Capitão vai ser apagado pelo poço de carisma que é o Robert Downey Jr e pelo visual bofão bombado com jeito inocentão do Thor. Sem falar que parece que o Gavião Arqueiro (:grinlove:) vai ser bem trabalhdo, a Viúva é a Sacarlett e o Hulk e também está bem bacana com o Edward Norton.

uma piadinha do Tony com o Thor no teaser de Vingadores que passou no final teve mais energia que o filme todo do Capitão.

Agora um detalhe de continuidade entre os filmes:

O escudo do cipitão não estava servido de escora no 2o Homem de Ferro? Eu fiquei esperando que o filme terminasse com o papai Stark recuperando o bendito.
 
Última edição:

Tek

Girls tend not to like me
Eu gostei da seriedade que eles passaram para Steve, tive receio que eles tentassem deixar cômico demais (como fizeram estragaram com o Quarteto Fantástico)
Não, pior que eles tentaram colocar umas piadas, mas a maioria ficou bem ruim!
 

Nihal

Ventinha xD
Só consegui assistir hoje e curti bastante, só as piadinhas sem graça na hora errada que pegaram um pouquinho, só consegui rir de umas duas, mas enfim, sempre tem algo pra estragar um pouquinho.Gostei da forma como colocaram o romance do Steve com a Peggy, tava com medo de sair algo meloso demais. ^^
 

Melian

Período composto por insubordinação.
Eu deixei para falar sobre Capitão séculos depois daquela empolgação gostosa que me acompanhou depois que saí do cinema, para não cair naquele clichê de adolescente que acaba de dar o primeiro beijo e pensa que já pode morrer de tanta felicidade. Mas sabem o que é bom nisso tudo? Eu percebi que continuo gostando muito do filme, o que significa que não é mais uma empolgação qualquer. Roteiro redondinho, montagem digna... pecou um pouco nas cenas de ação (acho que faltou um pouco de corpo a corpo - LÁ ELE! - nas lutinhas do Capitão com o Caveira), mas não no desenvolvimento da personalidade do Steve. Na verdade, o maior mérito do filme é que ele aborda o homem por trás da máscara. O Capitão não é um herói que precisa CALÇAR AS SANDÁLIAS DA HUMILDADE ANTES DE VIRAR HERÓI. Ele é herói justamente porque já nasceu usando essas sandálias. Ele é o Capitão desde o primeiro ao último minuto de filme. E o melhor: o filme corria todos os riscos de cair no patriotismo chato que acompanha o Capitão, mas não caiu. E uma cena que vale por todo o filme:

a cena da granada. Rapaiiiizzz, o filme me ganhou ali. É a metáfora de tudo ali. Tipo, é como se o Steve dissesse: "eu posso me explodir para salvar vocês, e o farei". Toda a simbologia da Bomba. A "bomba" que faz o Steve ser o super soldado. As bombas da guerra... e alguém disposto a ser a bomba, se isso pudesse salvar aos outros.

Não gostei do Bucky. Não é o Bucky dos quadrinhos. Mas não acho que ele estrague o filme. Meu lado nerd diz que eu não gostei porque não rolou uma ceninha do braço dele pendurado no avião e tal... :lol:

Achei o romance com a Peggy bem bonitinho. Ele continuou sendo um cara sem a menor habilidade com as mulheres. E ela, uma estranha no ninho, com o cargo que tinha, no contexto da Segunda Guerra. Não foi um romance gritado, escancarado, foi bonito, sem mais.

Discordo do que muitos falaram sobre Capitão ser só uma ponte para Vingadores. Não é. Eu pensei que seria, mas me surpreendi. O filme vale por si, e eu não vou tirar os méritos dele.

Capitão é aquilo que Homem de Ferro e Hulk foram: um gibizão divertido pra car#lh# em forma de filme. E a simpática participação do Stan, como sempre, para coroar o filme como um gibi na telona. Eu achei que o Evans encarnou o Capitão. Mais do que um carinha que veste o uniforme, ele vestiu o caráter, a honra e tudo o mais que faz do Capitão o CAPITÃO, porra! Quase no final..

quando ele leva o avião para o gelo, eu senti um calorzinho bom, do tipo, "cara, cê sabe o quão feliz me deixou por se sacrificar não por uma mocinha, mas pela 'humanidade'?" Podem dizer que isso é síndrome de Jesus Cristo, nem ligo. Só não vou deixar de dizer que acho legal porque todo mundo vai debochar. Eu acho legal, eu acho digno, eu acho maravilhoso.
.

Achei o final fantástico. Melancólico...
Steve sendo acordado pela Sharon Carter (? Não era ela? Estou viajando? :lol:) foi bonitinho.
Mas... rapaz, o que foi aquilo de ele dizendo: "eu tinha um encontro"? Tá maluco! Quase arrumei um coração pra me emocionar com isso. E eu confesso que pensei que fosse terminar com o Steve visitando o túmulo da Peggy. Se bem que isso pode acontecer em Os Vingadores! AVANTE! :joy:

A cena depois dos créditos foi orgasmática para qualquer nerd que se preze. O mundo pode até acabar em 2012, mas não antes de maio, gente. Quando acabou o filme e eu fiquei sentadinha para ver a cena, vi um carinha falando com o outro: "a moça loira é a única mulher da sala que sabe o que está fazendo aqui". :lol:
 

Clara

Perplecta
Usuário Premium
Assisti no fim de semana e achei bem bacana.
Também estava com medo, como disseram várias pessoas aqui, que fosse aquela patriotada besta americana e sempre achei o capitão américa meio babaca.
Acho que a primeira parte foi essencial pra isso.
Era preciso simpatizar com o Steve Rogers, sua força interior, bondade e determinação, pra perceber que quando virou o super soldado não perdeu nada de seu caráter.
Ao contrário, ficou mais forte, não só no corpo, mas internamente também.

E alguém sabe como fizeram o Steve Rogers aparecer franzino e baixinho no início do filme?
Achei muito bem feitas essas cenas.
Peter Jackson poderia ter usado essa tecnologia pra os hobbits e anões. :think:
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$200,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo