1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Burst Angel (Bakuretsu Tenshi, 2004)

Tópico em 'Anime & Mangá' iniciado por Regente, 25 Mai 2006.

  1. Regente

    Regente Serenity Painted Death

    Burst Angel foi uma das maiores decepções do ano retrasado (2004). Esperava que o anime tivesse a qualidade habitual dos trabalhos da GONZO, Estúdio que o produziu, mas o estúdio errou, e feio.

    Burst Angel é uma série de 24 episódios, e praticamente 22 deles são, pura e simplesmente, fillers. Creio que o mangá não deva ter tido mais do que um a dois volumes, pois a trama não-filler é extremamente rasa e clichê - com um desfecho desastroso ainda por cima.

    As personagens são básicas e evidenciam a falta de criatividade com que a série foi criada - é inacreditável que mesmo tendo 22 episódios pra fazê-lo, não tenham saído do lugar-comum.

    Mas nem tudo é tão desastroso assim. A animação é ótima, e as batalhas entre mechas são excelentes. A OST também é legal e se adequa à maioria dos momentos em que aparece.

    Conclusão: Vale à pena assistí-lo caso goste de séries shounen de mechas com bastante fan-service, mas se não, passe loooooonge.
     

Compartilhar