1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Copa 2006 Brasil na Copa 2006

Tópico em 'Esportes' iniciado por Ecthelion, 12 Jun 2006.

  1. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Esse é o lugar pra comentar exclusivamente sobre o Brasil na Copa.

    Analisar jogo a jogo e jogador a jogador. Só Brasil, deixem as outras seleções de fora o máximo possível!!!

    Começo com um artigo sobre o favoritismo brasileiro antes da sua estréia.

    11/06/2006 às 19:25

    É impossível evitar o favoritismo do Brasil na Copa

    Por Sílvio Lancellotti, especial para a Reuters

    SÃO PAULO (Reuters) - Infelizmente, ninguém pode evitar o clima de favoritismo que rodeia a seleção do Brasil, ao menos na fase inicial desta Copa de 2006.

    Primeiro, por uma questão de tradição -- e, num Mundial, o passado pesa bastante. Depois, claro, por uma questão de elenco. Basta imaginar a seguinte cena, na terça-feira, enquanto as equipes do país e da Croácia se perfilarem para os seus hinos: os adversários dos atletas de Carlos Alberto Parreira olham de lado e vêem, em sucessão, astros como Cafu, Roberto Carlos, Kaká, Ronaldinho Gaúcho, Ronaldo Fenômeno, Adriano etcetera e tal. Uma relação de assustar.

    Pior, para os rivais do Brasil, à sua frente, no banco de reservas de Parreira, se alojam Cicinho, Gilberto, Juninho Pernambucano, Ricardinho, Fred, Robinho, que seriam titulares absolutos em qualquer dos outros 31 times da Copa.

    As individualidades à disposição de Parreira, as suas múltiplas possibilidades de substituição, obviamente, também multiplicam as aflições dos rivais. Ou seja, depois das apresentações, no começo do Mundial, de contendores perigosos, no papel, como a Alemanha anfitriã, a Inglaterra, a Argentina, a Holanda, que se exibiram burocraticamente, volta ao cenário, como protagonista, uma frase de antologia: o Brasil só pode perder a Copa para si mesmo.

    No caso, não se trata da mística do "já ganhou" que abraça inevitavelmente a seleção de Parreira -- um treinador consciente ao ponto de assumi-la, porque é lógico, mas de diminuí-la, aos limites do viável, porque é inteligente. Não.

    Os problemas do Brasil têm outras raízes, todas elas extra-campo, em particular aquelas que enredam o Fenômeno, suas chuteiras estratosféricas, suas bolhas, a sua eterna incapacidade de conviver com o próprio sucesso, a sua propensão boboca de não pensar no que dirá -- conforme ocorreu no episódio infeliz das suas gordurinhas e da sua reação grosseira a uma frase igualmente azarada e inoportuna do presidente-torcedor Luiz Inácio Lula da Silva.

    De todo modo, se o Fenômeno não jogar bem, ainda lhe sobrará a chance de decidir um prélio em um lampejo. Ou de Parreira trocá-lo por Fred, Robinho, ou mesmo Juninho Pernambucano -- com o Gaúcho avançado no ataque. Ora, que outro treinador possui tantos trunfos no seu baralho atual? Certamente, nenhum.

    Dois adversários em cima do Gaúcho? Sobra Kaká. E vice-versa. O elenco do Brasil é tão profundo, a sua potencialidade tão extensa, que apenas um cataclisma, uma falha de Dida, uma bobagem de Lúcio, uma ofensiva mais destemperada de Roberto Carlos, pela canhota, levará à ruína.

    Enquanto isso, Zlatko Kranjkar, o comandante da Croácia, batalha contra as gordurinhas em excesso do seu melhor meio-campista, o filho Niko.

    Zico, o carioca que orienta o Japão, padece com uma epidemia de contusões e com a fragilidade da sua retaguarda nos cruzamentos altos sobre a sua meta.

    Guus Hiddink, o holandês que supervisiona a Austrália, chegou ao ponto de imitar Parreira e de fazer os seus atletas se exercitarem num gramado reduzido, as traves nas linhas das grandes áreas, de maneira a obrigá-los a se livrarem da pelota, ou da marcação do Brasil, o mais rapidamente possível.

    Os pessimistas, como o Dr. Sócrates, acreditam que o Brasil escorregará nos saltos altos -- conforme ocorreu com ele & Cia, na Espanha/1982. Uma situação bastante diferente, no entanto, separa o Telê Santana de então do Parreira de hoje. Telê desperdiçou aquele Mundial por teimar no seu preciosismo. Parreira é um obstinado de estirpe diferente. Garante liberdade aos seus craques -- mas, se houver necessidade, cerrará os seus ferrolhos. Assim se espera.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

     
  2. Ecthelion

    Ecthelion Mad

    Valeu pelo resultado, pelos 3 pontos, e só.

    Não gostei da seleção, não gostei mesmo. Principalmente do 4° fantástico, quadrado mágico ou sei lá.

    Adriano parecia um poste, incrível a falta de domínio de bola dele. Quando saiu da área, ciscou, ciscou e não fez nada.

    Ronaldo deu um chute que passou acima por milímetros e não fez mais nada. Está completamente fora de ritmo.

    Ronaldinho começou bem, tentando, armando, chamando o jogo pra si, depois caiu e caiu muito. Não fez mais nada e ainda bateu mal uma falta bem proximo à área.

    Kaká foi o "menos pior". Sério. Ele estava jogando MUITO MAL pela direita (sabe-se lá pq ele teimava em cair pela direita quando o forte dele são as jogadas mais pelo meio ou um chute de média distância) até que ele foi pro meio, chutou duas e marcou um gol. Gol muito bonito por sinal. No segundo tempo vinha bem até que cansou. Nessa hora achei que o Juninho deveria ter entrado, mas o Parreira não quis...

    Agora vêm os restantes, que foram bem, eu gostei...

    Robinho, o pior dos que jogaram bem. Tentou algumas tabelas, movimentou mais o jogo (o que foi bom), mas nos 25 minutos que ele estava jogando era pra ter feito muito mais.

    Roberto Carlos jogou ofensivamente (principalemente no primeiro tempo), arriscando bons chutes de longa distância, cruzando e se esforçando. No segundo tempo segurou mais mas foi duas vezes pra frente em contra-ataques. Mas fez uma besteira incrivel virando uma bola perigosa do lado esquerdo para o direito que só não gerou em um gol croata pq o Lúcio se atirou num carrinho doido e salvou.

    Cafú, tentou jogo o tempo todo, estava sempre livre no setor de ataque direito mas como a seleção joga pro lado esquerdo (o do ronaldinho), ninguém tocava pra ele. Dava até pena. No primeiro tempo teve algum dificuldade com o Prso (que saiu morto de campo, pq não aguentou a correria do Cafu) mas depois se acertou.

    Lúcio, vinha jogando MUITO BEM e me surpreendendo até dar duas enfeitadas que me irritaram e que quase geraram roubadas de bolas perigosas. Mas foi bem seguro, o que é raro. Melhorou.

    Dida, fez pelo menos 3 defesas e 1 muito boa. Tem como destaque negativo ter rebatido algumas bolas pra frente (sempre "amortecendo" a bola) o que eu acho que foi mais nervosismo do que falta de treino mesmo.

    Agora vem os que jogaram bem mesmo!!!

    Juan, seguro, duro e saindo bem, quando tinha a bola. A muito tempo o brasil não tinha um zagueiro tão bom. Desde o Ricardo Gomes...

    Zé Roberto, cruzou e roubou bolas, marcou, e foi incansável o tempo todo. Eu tb adoro o Juninho e acho que ele deveria ser titular, mas vendo esse jogo, acho que NÃO no lugar do Zé Roberto. Eu teria entrado com o Juninho no lugar do Adriano ou Ronaldo no início do segundo tempo ou no do Kaká no final do jogo.

    Émerson é o cara! Marca, chuta a gol, rouba bolas, tentou até criar alguma coisa (o que não é a dele). Saiu com um cartão amarelo que preocupa. Espero que tome logo um contra a Austrália pra não jogar contra o Japão mas sair zerado nas oitavas. Alguém sabe se levar dois cartões no último jogo da primeira fase o jogador fica suspenso do jogo das oitavas? Pq disseram que no final da primeira fase os cartões são zerados...
     
  3. Myamoto Musashi

    Myamoto Musashi Usuário


    Eu discordo dessa parte. Tem alguns jogadores daí que não seriam titulares absolutos quem qualquer time (é que nem dizer que o Gilberto, por exemplo, é o segundo melhor lateral esquerdo do mundo, só perdendo para o RC).

    O Ricardinho então, vai me dizer que ele entra no meio campo da Inglaterra?
     
  4. Tisf

    Tisf Delivery Boy

    Eu acho que muita coisa pesou nesse primeiro jogo (além do Ronaldo): estréia sempre é nervosa, eu acredito que os próximos jogos eles já terão tirado esse fardo das costas. E outra: a pressão gigantesca. Só o batalhão de fotógrafos que tinha no campo já meio que intimida.

    Com o jogo de ontem, esse "favoritismo absoluto" já não fica tão em evidência assim, e isso pra mim é positivo.

    Eu gosto de ver o Brasil jogar porque é um time que sempre procura o gol. Se fosse outra seleção, como França ou afins, depois do primeiro gol iria ficar na retranca. O Brasil não, joga e deixa o outro time jogar. No fim o jogo em si não achei ruim não. Eu havia chutado exatamente esse placar no bolão. Acredito que nos próximos a seleção conseguirá marcar mais gols.
     
  5. Fingolfin

    Fingolfin Feitiço de Áquila

    Eu gostei da atitude do time embora não do futebol apresentado. Tanto o Ronaldinho qto o Kaká e Adriano buscaram jogo e quiseram aparecer em campo só que não era o grande dia deles, ainda mais jogando com 1 a menos durante a maior parte do tempo.
     
  6. Deriel

    Deriel Administrador

    É só tirar o Adriano e o Gordo que fica tudo bem, ou pelo menos o Gordo. Desencana desse quadrado mágico, vai de triângulo mesmo e boas. Aliás, Robinho é titular... tem que ser.
     
  7. KADU

    KADU Estão vendo esta caneta?

    Eu já esperava por isso, sinceramente. Além de ser a estréia, nunca vimos uma pressão tão grande devido ao favoritismo e, o mais importante, pegamos um bom adversário logo de cara, com uma marcação consistente e sabendo ocupar os espaços em campo...até tiveram bons momentos no ataque, exigindo que nossa defesa e goleiro trabalhassem. Ganhou, ta bom.

    Sobre o Brasil:

    Ronaldo: péssima atuação, nunca o vi tão ruim na seleção. Não estava conseguindo dominar a bola, batia e voltava, não realizou um drible ou arrancada com a bola e se despediu do campo com apenas um chute a gol. Sou a favor de dar mais uma chance a ele, se isso se repetir, entra Robinho de titular.

    Adriano: quase tão podre quanto o gordo, também não chutou e também não conseguia dominar a bola, a única diferença é que se movimentou um pouco mais e voltou em alguns momento pra ajudar a marcação. Também não me lembro de ve-lo tão mal com a amarelinha.

    Ronaldinho: ok, errou muitos passes e dribles, mas mostrou muita vontade de jogar, apareceu bastante no jogo e deve ter sido o que mais tocou na bola no jogo. Se mantiver esse espírito ta bom, ele tem talento e deve acertar nos próximos jogos.

    Kaka: o melhor dos 4, se apresentou ao jogo tanto quanto o Ronaldinho, só que foi mais eficiente, tanto nas finalizações quanto nos passes. Boa Kaka!

    Emerson: cara, tenho medo dele. Apesar de ter marcado relativamente bem, bate muito. To vendo a hora dele deixar o Brasil com 10 em um momento difícil.

    Zé Roberto: foi eficiente no meio, apesar das criticas que sempre recebe, ninguém o percebe no jogo mas esta sempre lá roubando as bolas e distribuindo muito bem ao quarteto.

    Cafu e Roberto: foram bem ofencivamente, principalmente o Roberto. O Cafu tava deixando muito espaço atras (a Croacia SÓ atacava por ali) e ninguém tava cobrindo, isso tem que ser revisto.

    Juan e Lúcio: também tiveram boa atuação, bem lúcidos e sérios na marcação.

    Dida: bem! Eu que ainda não confio nele me surpreendi com a segurança dele quando foi exigido.

    Enfim, se o ataque decepcionou (alegrem-se, pior nao tem como ser) a defesa foi bem. E agora temos 2 adversários teóricamente mais fáceis pela frente, que deixam jogar mais.
     
  8. Knolex

    Knolex Well-Known Member In Memoriam

    A gente conversou durante o jogo sobre o time estar com 1 a menos, mas se formos parar pra pensar, era menos 2.

    Afinal, o Ronaldo estava nulo e com isso obrigou o Adriano a jogar fora das características dele, voltando, tendo que ser o atacante mais próximo do meio, e com isso ficamos sem o Imperador boa parte do jogo. Não é porque ele tenha jogado necessariamente mal, e sim pq ele tava totalmente fora de posição por causa do Ronaldo.


    Entrano o Robinho no lugar do Ronaldo, o time ganha mais movimentação e o Adriano passa a jogar dentro das características dele. O time ganha mais velocidade, criatividade, e um centroavante em plenas condições de finalizar.
     
  9. Vanagristiel

    Vanagristiel With God I'm Alive!

    Verdadeiramente... o jogo de ontem foi uma porcaria!! Até agora eu estou tentando entender o que cargas d'água o Ronaldo estava fazendo em campo!! O cara tava morto!! Putz... parado de verdade!! Teve um lance que ele foi na bola que, sem brincadeira, parecia as meninas tentando controlar a redondinha... simplesmente ridículo!! O Robinho devia ter entrado no lugar dele no início do primeiro tempo!!! :gira: E o coitado do Adriano... sem condições!!

    O Emerson tava meio perdido... o Parreira devia ter colocado o Ricardinho no lugar dele logo... o cara é muito bruto... precisa aquela cavalice toda?? Tava vendo a hora dele ser expulso... aí ia ser lindo o Brasil, jogando do jeito que tava jogando, com um a menos em campo!! :blah:

    Vamos e convenhamos... e nossa zaga estava inexistente... o pobre do Dida só se estressava!! Sem brincadeira... foi meio ridículo!! :doh:

    O jogo só valeu pelo resultado... afinal de contas, graças ao gol do Kaká e aos milagres do Dida, a gente não terminou em um vergonhoso zero a zero... ou pior... em uma derrota!! Mas no geral... o jogo foi uma droga!! E não duvido nada que a nossa seleção esteja sendo motivo de chacota entre as outras!! :no:
     
  10. Edrahil

    Edrahil Usuário

    A respeito do favoritismo, é interessante vermos o que a estréia mexeu com a torcida. Meu sogro ontem me diz: O Brasil vai ganhar de 5 X 0.

    Como todos (pelo menos a maioria) estávamos esperando um grande atuação, e não houve, fruto da marcação da Croácia, do esquema do quadrado, etc. Acho que agora, em função do resultado, pelo menos, a torcida estará mais calma nos jogos.

    Em relação ao jogo, acho que o esquema não favoreceu o Ronaldo. A marcação não deixava chegar a bola até ele, e mais, se viu que ele ficava mais plantado na frente, enquanto dos demais traziam a bola ao ataque.

    Tanto que quando o Robinho entrou, o Adriano ficou mais enfiado, e aí tivemos 3 jogadores rápidos e leves na armação.

    Faltou mobilidade e liberdade ao quadrado, e não apenas à Ronaldinho e Kaká. Os outros dois também tem que correr mais.
     
  11. KADU

    KADU Estão vendo esta caneta?

    O primeiro tempo de ontem foi igual ao outro jogo. Time apático e sem criatividade. O Ronaldo tentou bancar uma de esforçado, voltando e se movimentando mais, mas isso não aumentou em nada sua (até agora inexistente) eficiência.

    Já o segundo tempo, me agradou mais, principalmente depois da entrada de Robinho. Tivemos vários lances de perigo de gol, aquela cabeçada na trave do Kaká, enfim, o time jogou com mais vontade e voltado para o ataque.

    Podemos perder essa copa, e a culpa será do parreira. Ele só precisa fazer uma alteração...tirar o gordo, colocar o Juninho e avançar o Ronaldinho pra jogar na posição que joga no Barça. Teríamos um meio mais consistente, Émerson como cão de guarda da zaga, Zé Roberto pela esquerda e Juninho pela direita com mais liberdade para auxiliarem na ligação com o ataque e não só defenderem, e o Kaká entre eles e os atacantes.

    Eu também trocaria o Cafu pelo Cicinho sem pestanejar, mas dai já é pedir demais.
     
  12. Olifante

    Olifante O Rei dos Bretões

    Pwnd!
     
  13. ombudsman

    ombudsman O Eto'o brasileiro

    Tira o Roberto Carlos, poe o Zé Roberto na esquerda já que o Parreira nao consegue deixar o Zé na reserva, e poe o Juninho no meio.

    Tira o Gordo e o Cafu, com o Robinho e o Cicinho no lugar e pronto.
     
  14. Ramalokion

    Ramalokion Mecha-de-Folha

    Ronaldo e Robinho no ataque hoje farão o melhor jogo sa Seleção até agora! O Ronaldo está melhor fisicamente e terá oq ue precisa: um companheiro técnico que se apreenta pra tabelas e o deixa próximo a área!

    O ataque do Brasil tem que ser Rponaldo e Robinho... vcs verão!
     
  15. Knolex

    Knolex Well-Known Member In Memoriam

    Ronaldo não joga hoje, tá confirmado desde de manhã.

    Cicinho, Gilberto Silva e robinho vão entrar no lugar de Cafu, Emerson e Ronaldo.
     
  16. Ramalokion

    Ramalokion Mecha-de-Folha

    Ué.... tavam falando que ia sair o Adriano justamente pro Ronaldo pegar ritmo... Catso, lá vai a porra do Adriano fazer gol e colocarem o Ronaldo no banco. vamos tomar porrada desse jeito na semi-final.

    O time com Cicinho e Robinho se tornaria mais técnico, e o Ronaldo sabe fazer tabelas e dar passes diferente da mula do Adriano que pega a bola e já tenta finalizar. Claro que eu sei que isso muitas vezes foi eficiente (Copas das Confederações e América); mas Kaka e Ronaldinho rendem MUITO mais com outros 2 atacantes técnicos.
     
    Última edição: 22 Jun 2006
  17. Knolex

    Knolex Well-Known Member In Memoriam

    Saiu por causa do amarelo. Robinho tb tem, mas não sei pq vai jogar... mas eu gostei disso.
     
  18. Ramalokion

    Ramalokion Mecha-de-Folha

    ERRADO!! Joga Ronaldo e Robinho! YESSSSSSSS

    E além disso: Cicinho, Gilberto, Gilberta Silva e Juninho!!!!!

    Vai ser o jogo da seleção. Será nossa goleada pros hermanos abaixarem a crista.


    CARALHO o Parreira fez algo legal!! Inacreditável!!! Juninho na posição CERTA!!
     
  19. Nunis

    Nunis Steve Young

    Incrível mesmo.

    A não ser o Gilberto Silva, todos os outros jogadores que entraram melhoram e MUITO o time. Mas não tenho nenhuma esperança, seja o resultado que for, que este time vai continuar pro resto da Copa.
     
  20. Ramalokion

    Ramalokion Mecha-de-Folha

    Não deve mesmo continuar. Mas tenho pra mim o seguinte:

    1) Robinho e Ronaldo vão ser a dupla de ataque titular durante a Copa;

    2) Juninho TALVEZ ganhe a vahga no meio de campo! Se defender bem contra esse time rápido, ele passa a ter CHANCES (o que é melhor que nada);

    3) Cicinho deve ter seus "15 minutos"; o memso vale pra Gilberto e Gilberto Silva.
     

Compartilhar