1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Borat (Borat: Cultural Learnings of America for Make Benefit Glorious.., 2006)

Tópico em 'Cinema' iniciado por Quickbeam, 5 Nov 2006.

  1. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    sabe que contando pra minha família tb me pareceu mais engraçado do que ver? fora a cena...

    do 'casamento' com a pamela, a correria no estacionamento e aquele NOOOOOT no fim hehe

    :lily:
     
  2. Décimo

    Décimo The Swanson Code

    Quando vi o filme achava que as cenas eram todas ensaiadas, pelo que me ri pouco, principalmente no início, quando as pessoas estão fugindo dele na rua. Depois soube que afinal era tudo improvisado, e fiquei meio decepcionado porque teria outra graça (não que fosse a maior graça do mundo também).

    Ainda assim, o melhor do filme é a pronúncia do Borat mesmo.
     
  3. mateuseven

    mateuseven Super Trouper

    Ele fala engraçado mesmo...


    Mas não achei a graça que todos dizem ter, como já falaram parece Jackass + Michael Moore, apesar de um cunho revelatório sobre a American Way of Life, os Cowboys Homofobicos, As Feministas de NY, e a velha hipocrisia americana de se sentir ofendido com outra cultura.

    Mas pra mim foi muito exagerado, e quando exageram vira Zorra Total e perde a graça. Bem que eu fiquei curioso pra ver o novo filme do repórter Gay da Austria RSRRSRRS.

    Good 3/5
     
  4. Eu achei muito bom! Dei boas gargalhadas!
     
  5. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    não vi, mas ri com esta declaração:

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Borat é vítima de violações dos direitos humanos, diz EUA
     
  6. Fosco

    Fosco Usuário

    "You will never have this! You will never have this! La la la la la!"

    Algumas poucas vezes foi escatológico demais, mas no conjunto o Borat se mostra como um excelente sucessor para o Monty Phyton.
     
  7. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    Nossa, nada a ver.
     
  8. Knolex

    Knolex Well-Known Member In Memoriam

    Sim. Eu acho Monty Python fodaço. Borat fodaço. Mas o tipo de humor é TOTALMENTE diferente.
     
  9. -Feanor-

    -Feanor- Usuário

    Gostei mais da personagem Bortat em si do qeu do embaraçõ das entrevistas. Aliás, assisti sem saber que não era combinado.
     
  10. Masei®

    Masei® Usuário

    Eu assisti sem saber também, e dá pra ver que muitas partes não é combinado mesmo... Achei hilário o filme e adoro escatologias, por isso que eu curti... Se vc não curte, não vai gostar mesmo e vai achar forçado...

    Mano, ele cagando e trazendo a merda no saquinho é fantástico hahahaha... E a parte deles pelados é absurda, aquele 69 horrível deles... Enfim, é um ótimo filme sim... Dei boas risadas e me entreteu bastante...

    Agora a dúvida: o filme é maligno para o Cazaquistão? Chega a ser uma mancada com o Cazaques ou é uma construção feita para criticar posturas americanas?
     
  11. Tisf

    Tisf Delivery Boy

    Eu diria ambos :rofl:
     
  12. Fosco

    Fosco Usuário

    Sim, tipos de humor diferentes. Ambos são saídos de programas de televisão... Whetever, os dois são fodas.
     
  13. Masei®

    Masei® Usuário

    Então temos aqui um filme que desrespeita uma cultura, ou por ser comédia está livre desse tipo de acusação? Ou está livre de acusação por ser uma comédia que exibe e critica posturas não tão diferentes dos padrinhos americanos? Ou não livra de nenhuma acusação e o filme é um grande desrespeito ao Cazaquistão?
     
  14. Tisf

    Tisf Delivery Boy

    Um pouco de cada coisa, né não?
     
  15. Décimo

    Décimo The Swanson Code

    Qualquer pessoa com um pouco de conhecimento e discernimento (inteligência ao fim e ao cabo) tem a capacidade de perceber que tudo aquilo acerca do Cazaquistão é mentira e foi inventado, não havendo nenhuma intenção de ofender ninguém. Logo, só gente que não se encaixe na categoria acima acha o filme desrespeitoso e uma ameaça séria à cultura do país.

    É ridículo como muita gente ainda se ofende daquela maneira com este tipo de comédia.
     
  16. Chester Cubano

    Chester Cubano Chester_Cubano

    Vi esse filme ontem!! muito bom ... um dos mais engracados que eu ja vi, nao parei de rir um minuto nem ngm no cinema! eu recomendo! e ainda vo compra o dvd... deve se mais engracado ainda!


    So pra quem viu!



    Aquela parte da entrevista com um consultor de humor dos eua mto boa no final qndo ele fala " tan tan tan tan ... pause OR NOT"

    Aquela parte em que eles se hospedam na casa dos judeus ... :lol: :lol: :lol:

    ri mto tambem quando ele canta o hino cazaquistao la no rodeio e tdo mndo comeca a vaia ele! e na parte que ele caga na casa da mulhe coloca num saquinho e pergunta aonde coloca! :lol: :lol:
     
  17. Hobbit Bonzinho

    Hobbit Bonzinho Usuário

    pequena decepção. O estilo pegadinha misturado com ficção ficou simplesmente uma BOSTA.
     
  18. Kiwi

    Kiwi mi perna está jodida.

    Assisti a primeira meia hora e as piadas todas (maioria delas foram comentadas aqui) me pareceram bastante vazias. O que acham disso?
     
  19. Masei®

    Masei® Usuário

    No mundo atual, poucas pessoas tem tal conhecimento e tal discernimento... Parece absurdo, mas não me espantaria que tradicionalistas americanos realmente tivessem uma imagem daquela de um país em que você nunca ouviu falar e não ouviria se não fosse por Borat.

    Não pense por si, colocado-se como o sabidão que percebe coisas que as outras não percebem. Tente entender a visão de uma sociedade vendo esse filme; eu não concordo que seja ofensa ao Cazaquistão pelos mesmos motivos que os seus. Mas não é difícil imaginar uma pessoa um pouco mais cega imaginando que o comportamento cazaque seja um bem parecido com aquele (com aquela aversão aos ciganos e judeus, ao diferente comportamento familiar e humano, enfim).

    O problema é as pessoas não entenderem que se trata de uma criação caricaturesca feita para comédia, e não uma comédia feita sobre um povo oriental.
     
  20. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    O humor existe para contestar o que normalmente não seria contestado. O papel do bobo da corte de antigamente era mostrar para os poderosos o absurdo de algumas práticas, sem o risco de serem condenados à morte. (o velho problema de não gostar de más notícias e por conta disso mandar decapitar os pobres mensageiros portadores das más notícias).

    Em termos de SdA, é a cena onde Denethor odeia Gandalf porque "Corvo que é só trás más notícias"

    Neste contexto, houve o rebuliço sobre a ofensa contra Maomé, ofensa contra Jesus, etc.. No entanto, todos sabem mas poucos vociferam os absurdos cometidos em nome das figuras religiosas, ou mesmo que as coisas não são conforme as palavras deles: eram homens (iluminados que o partam), mas passíveis de erro.

    Se o humor não puder contestar o incontestável, então realmente voltamos à tempos negros onde absurdos continuarão por medo de falar o óbvio.

    Agora, se o humor é bom ele perdura. Se for de mal gosto cai no esquecimento. Simples assim. Só que repercurssão ajuda as Cicarellis sem nada de interessante na vida a não ser casar em castelos e transar em praias públicas.
     

Compartilhar