1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Bloc Party/Rock Indi(gena)

Tópico em 'Música' iniciado por Sister Jack, 19 Jun 2005.

  1. Sister Jack

    Sister Jack Usuário

    Não. Eles são ótimos. Poderia explicar por que?

    (imagino que seja uma daquelas reações afobadas e preconceituosas de pessoas que nem se dão o trabalho de prestar atenção antes de julgar, etc)
     
  2. str1ker

    str1ker Usuário

    A voz do cara é terrivelmente chata. Os caras são terríveis ao vivo. As letras são vazias. Tem apenas uma música que se destaca à primeira audição (Banquet). E basta compará-la com bandas semelhantes (Franz Ferdinand, Rapture) pra ver o quão atrás destas ela está.

    Tudo isso minha opinião, lógico.

    Pode imaginar... you're free, old boy.
     
  3. Sister Jack

    Sister Jack Usuário

    Isso não é um argumento, isso tá totalmente ligado a gosto. Eu acho a voz dele excelente e bem evocativa.

    Já começou mal.

    Não vi eles ao vivo, mas me situando no CD, é fantástico.

    Quais? Pode citar exemplos de alguns trechos de letras que você acha particularmente vazias? Explicando e tal?

    Tem uma parte em "This Modern Love" que ele diz "Do you wanna come over and kill some time?" que deve ser uma das chegadas mais tristes e realistas que eu já ouvi, especialmente do jeito que ele canta. Badass.

    Eu não julgo músicas "à primeira audição". Elas não são como livros e filmes que uma vez é o suficiente. Elas são muito curtas pra uma avaliação direta. É preciso ouvir um CD umas 3 ou 4 vezes pra ter uma idéia certa do que você acha dele, especialmente contando fatores como o seu humor no momento, ou o seu gosto direcionado a alguma sensibilidade na época que vc ouve pela primeira vez. É perigoso.

    E "Banquet" foi a que eu gostei menos do CD, até agora (embora ela seja decente).

    Isso prova que você não sacou o Bloc Party, já que o que ele faz é basicamente o oposto do Ferdinand. Ao invés de reduzir uma música aos elementos mais básicos e necessários e tocar do jeito mais competente possível (como o Franz), eles tem um som expansivo, várias linhas de guitarra entrando em tempos diferentes, mais impressionado ainda pela expansividade ser criada com a mínima distorção.

    Outro ponto extremamente positivo do Bloc Party: a bateria é insana e frenética, como se o baterista tivesse cheirado muita coca. As vezes ela entra em batidas dançantes, as vezes ela toca umas 4 vezes mais rápido do que o normal no rock de hoje em dia. É extremamente excitante e etc.
     
  4. str1ker

    str1ker Usuário

    Não é argumento convincente para mim achar isso um ponto negativo? Óbvio que tá relacionado a gosto, mas é disso mesmo que estamos falando - "por que eu não gosto", etc.

    Claro, não da pra ter uma opinião definitiva com apenas uma audição, mas se um som te cativa ou te é extremamente chato tendo sido escutado apenas uma vez, já da pra ter uma idéia.

    Extremamente positivo? Já ouvisse Cannibal Corpse? Dark Funeral? Você gosta? Você acha masturbar a bateria um bom argumento para definir a qualidade de uma música?
     
  5. Sister Jack

    Sister Jack Usuário

    Perdão, eu estava sob a impressão que nós estavamos discutindo a sua afirmação de que "Bloc Party é a pior banda indie já inventada". Mas se é tudo uma questão de gosto, então o resto desse post seria, o que, inútil?

    Uma idéia bem vaga. Eu não gostei de Pink Floyd na primeira vez que eu ouvi. Aliás, mais ao ponto, a única música que me interessou mesmo de Bloc Party na primeira ouvida foi "Like Eating Glass". Passou um tempo até eu me animar com o resto do CD e perceber que eles são destruidores.

    Eu não entendi o que você quis dizer com essa sua última afirmação aí. Me perdoe minha lerdesa. Vou tentar analisar:

    Se você quis dizer "Você acha que 'tocar a bateria de jeito frenético' é um bom argumento pra definir a qualidade de uma música?", então a resposta é:

    Depende do caso. Eu não quis dizer que toda bateria frenética é boa, mas eu quis dizer que a bateria frenética nesse contexto (o contexto sendo a banda Bloc Party) ficou excelente. Foi um elemento refrescante pra mim, não estou acostumado a ouvir baterias eletrizadas e malucas em rock indie (onde ultimamente elas tem sido tocadas de forma bem simplista e etc). Não ouvi essas bandas que você citou, mas o ponto é: Bloc Party usa uma bateria frenética e tira muito proveito disso. Repare nos primeiros minutos de "Like Eating Glass". É tão foda.


    Se você quis dizer "Você acha que falar bem da bateria é um bom argumento para definir a qualidade de uma música?", então a resposta é:

    Sim, óbvio.
     
  6. str1ker

    str1ker Usuário

    Nós estavamos discutindo quase isso. Na verdade era "na minha opinião Bloc Party é a pior banda indie já inventada". E muito desse status que eu a atribuo deve-se ao (ruim) vocal.

    Sim, mas nem por isso deve ser desprezada.

    Eu quis dizer isso -> "Você acha que 'tocar a bateria de jeito frenético' é um bom argumento pra definir a qualidade de uma música?", e a sua resposta me satisfez.

    BTW, eu ouvi o álbum deles umas 3 vezes, e talvez esteja sendo injusto. Vou dar mais uma checada pra garantir que estou certo das minhas idéias.
     
  7. Sister Jack

    Sister Jack Usuário

    No meu caso foi pegar o album e ficar ouvindo "Like Eating Glass" uma ou duas vezes por dia, e as vezes alguma outra musica, mas eu não me interessava quase nada pelo resto. Aí eu vi o clipe de "Pioneers" na TV e achei legal e comecei a perceber o quanto a música era contagiante e foda. Aí eu viciei em "Pioneers" (note o meu scrubbler) e meio que "saquei" o charme do Bloc Party, aí as outras músicas começaram a parecer interessantes pra mim e eu fui gostando mais e mais.

    Esse processo é bem comum pra mim, não sei para o resto do mundo. Especialmente a parte de viciar em músicas diferentes em épocas diferentes.

    Outra destruidora deles: "Helicopter".
     
  8. Thico

    Thico The Passenger

    Ouvi apenas as duas primeiras músicas do disco Silent Alarm, ainda não consigo tecer muitos comentários.

    Mas já dá pra dizer que tem grandes chances de ser uma das melhores coisas do ano sim.

    Primeiramente, já posso dizer que só ouvindo a Like Eating Glass, parece que você distorceu o que o Folco disse Striker quanto o baterista, a pegada dele é frenética sim, mas nem por isso reta - se é que vc me entende - pra comparar com bandas de Death Metal que usam pedais duplos. Ele tem sim muita técnica com feeling, ele sabe quando tem que bater na caixa, pratos, e assim por diante.

    Achei que o vocalista manda muito bem sim!

    E é claro, que quem curte metal(os ortodoxos!) não vai curtir essa banda, já que sua pegada é totalmente indie + flerte punk rock/hc melódico.


    Viciei nas duas primeiras músicas de prima, só digo isso!
     
  9. TT1

    TT1 Dilbert

    Hc melódico? Nossa.... isso consegue ser pior que black metal crstão
     
  10. str1ker

    str1ker Usuário

    Eu quis dizer que o fato da bateria ser frenética não é argumento para qualificar um som como bom.

    Mas eu concordo que o fato da bateria ser frenética e isso se encaixar com o tipo de som da banda, é um aspecto positivo.
     
  11. Sister Jack

    Sister Jack Usuário

    "Banquet" é perfeição de Dance Punk. Ela é até mais dançante do que músicas que são puro Dance. É tão foda.

    "Blue Light" é uma ótima homenagem a The Cure.

    E "Compliments" e "Plans" soam bem anos 80, como canções New Wave bem dark -- também lembrando The Cure e Depeche Mode. São mega fodas etc.
     
  12. Cain

    Cain Usuário

    "Equally inspired by Sonic Youth, Joy Division, Gang of Four and the Cure, South London art-punkers Bloc Party mix angular sonics with pop structures" allmusic

    sounds good, vou ouvir e volto aqui ¬¬
     
  13. Thico

    Thico The Passenger

  14. Joseph Slater

    Joseph Slater Uoréver

    Eles estao gravando o segundo cd, que deve sair entre o final desse ano e inicio do ano que vem. Tem algumas musicas novas que vem aparecendo nos shows nos EUA, alguem sabe o nome das musicas?
     
  15. elfah

    elfah Usuário

    Música e religião são coisas que sempre geram enormes discursões ^^
     
  16. Joseph Slater

    Joseph Slater Uoréver

    Mas nao significa que essas discussoes sejam ruins.
    (Tudo que envolve gosto gera grandes discussoes)
     
  17. Thico

    Thico The Passenger

    Pelo que eu soube o novo disco deles já passou da metade...

    tem algumas músicas que eles já soltaram nos shows, eu ouvi Waiting For The 7.18 e Uniform (algumas outras, mas a qualidade tá tão nojento que eu nem conto...)

    A primeira tá bem no estilo das músicas do Silent Alarm, porém eu senti uma mudança no estilo de tocar guitarra, não mais daquele jeito tradicional deles, tanto que dá pra ouvir uns riffs mais do naipe do Interpol mais pro final da música.
    A Uniform eu achei ainda melhor, ela inicia lenta até que no meio começa a esquentar com para chegar no seu climax lá pro último minuto (onde rola um solinho e tal), excelente.
     
  18. Thico

    Thico The Passenger

    Bloc Party anuncia os títulos de suas novas músicas
    Algumas das faixas que devem aparecer no sucessor de 'Silent
    Alarm' já foram anunciadas. O novo álbum do Bloc Party deve
    chegar às lojas ainda no final deste ano. Entre os títulos
    anunciados para este trabalho temos "Waiting For The 7:18", já
    conhecida do público que freqüenta os shows da banda inglesa, e
    disponível em versão ao vivo na internet.
    Abaixo uma prévia do suposto tracklist da banda:
    "A Prayer to the Lord"
    "England"
    "Hunting for Witches"
    "It Started in an Afternoon"
    "Kreuzberg"
    "On"
    "Seroxat"
    "Song for Clay (Disappear Here)"
    "Sunday"
    "Uniform"
    "Waiting for the 7:18"
    "We Were Lovers"
    "Where Is Home?"
     
  19. Thico

    Thico The Passenger

    Arquivos Anexados:

  20. Joseph Slater

    Joseph Slater Uoréver

    Outra capa foda.
     

Compartilhar