1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

BLIND - Blood Tears

Tópico em 'Comunicados, Tutoriais e Demais Valinorices' iniciado por Artigos Valinor, 25 Jun 2005.

  1. Artigos Valinor

    Artigos Valinor Usuário

    A discografia completa em Inglês está disponível
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    LÁGRIMAS DE SANGUE

    Bem-vindo ao reino
    Ambos estamos condenados a viver
    Esse é um destino negro
    ( Eu posso escutar seus chamados
    Eu posso escutar seus chamados)
    A vida eterna

    Eu vejo isto continuar queimando
    Toda noite eu choro em dor

    Viva
    Ainda que o fim apareça, meu amigo

    E lágrimas de sangue eu choro
    Você procurou e você achou
    Um atalho para seus velhos amigos

    Minha mente
    Em sonhos frios
    A carne podre
    Ou as tristes mentiras
    Bem-vindo à onde o tempo pára
    Ninguém saí e ninguém jamais quis sair

    Não posso segurar isso
    Isso queima
    Toda noite eu choro em dor

    E lágrimas de sangue eu choro
    Aflição infinita permanece dentro
    E lágrimas de sangue eu choro
    Aflição infinita permanece dentro

    Isto parece tão claro
    Abaixe o arco
    Por que a vida em mim se foi
    E um vento cruel e frio sopra
    E um vento cruel e frio sopra
    Em culpa

    E a vida deverá minguar
    Toda noite eu choro em dor

    E lágrimas de sangue eu choro
    Aflição infinita permanece dentro
    E lágrimas de sangue eu choro
    Aflição infinita permanece dentro
    Um atalho para seus velhos amigos
     

Compartilhar