1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Belos erros

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por Rodovalho, 16 Nov 2010.

  1. Rodovalho

    Rodovalho Usuário

    Vi belos erros em certos defeitos. Imperfeitos
    humanos de vez em quando sempre erram. Não esperam

    por beijos de lábios errados,
    braços abertos de amigos incertos,
    excesso de confiança em falsas lembranças.
    Não há melhor motivo pra se enganar.

    Não me faça rir de suas piadas sem graça,
    de suas desculpas esfarrapadas que não levam ninguém a lugar nenhum.

    Tanta maquiagem sobre a face.
    Tanta certeza sem pé nem cabeça.
    Sua hora certa de trocar de idéia.
    Não há melhor motivo pra se enganar.

    ...

    Parece um absurdo... estou tão inseguro.
    Nem mesmo sei se você gostava de mim. Só assim

    pra descobrir que eu estava errado.
    Eu era o culpado por inventar seus defeitos.
    É um erro achar que estou certo.
    É um erro achar que te quero.
    Tudo poderia ser tão belo mas não foi assim.
    Na verdade sempre quis

    beijos de lábios errados,
    braços abertos de amigos incertos,
    excesso de confiança em falsas lembranças.
    Não há melhor mentira pra me enganar.

    Meu olhos sujos não me permitem ver como seus olhos são limpos
    e refletem esse dia lindo que eu não consigo ver em você.
    Os erros são meus, todos meus, nada seus.
    O único problema aqui sou eu.

    Tenho medo de perder o que eu não tenho.
    Quando meu mundo ruía a verdade desmentia minha perfeição.
    Como eu não encontrava o caminho de volta,
    fui parar no final da história, onde não há futuro,
    e agora me pergunto se eu tenho uma solução.

    Vi belos erros em certos defeitos. Imperfeitos
    humanos de vez em quando sempre erram. Não esperam...
     

Compartilhar