1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Autor de charge sobre Maomé é agredido na Suécia

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Allënheisch, 11 Mai 2010.

  1. Allënheisch

    Allënheisch Slavsia!

    O chargista sueco Lars Vilks, autor de uma caricatura do profeta Maomé com corpo de cão, foi agredido nesta terça-feira quando dava uma conferência na faculdade de Artes da Universidade de Uppsala.

    "O agressor estava sentado na primeira fila, e atirou-se logo sobre mim, dando-me uma cabeçada; cheguei a perder os óculos", contou Vilks, assegurando que não foi ferido.

    O jornal Nerikes Allehanda publicou a charge de Lars Vilks no dia 18 de agosto de 2007, para ilustrar um editorial sobre a importância da liberdade de expressão, motivando uma grande polêmica na Suécia e no exterior.

    Um grupo vinculado à Al-Qaeda ofereceu um prêmio de 100.000 dólares a quem assassinasse o desenhista. Em março passado, a polícia irlandesa anunciou a detenção de sete muçulmanos suspeitos de envolvimento em complô para matar Vilks.
     
  2. Allënheisch

    Allënheisch Slavsia!

    Achei muito bem-feito! Quem mandou se meter com o credo dos outros! Toma safado!
     
  3. Kyra

    Kyra I am Jack's smirking revenge.

    Infelizmente a liberdade de expressão parece não entrar na mentalidade de determinados grupos e indivíduos.

    PS: Allënheisch, cuidado com os posts duplos...
     
  4. Allënheisch

    Allënheisch Slavsia!

    Hum, recado anotado. Toamrei mais cuidado.

    Mas, voltando ao assunto, será que insulto ao credo dos outros realmente caracteriza liberdade de expressão? Vejo essa charge como afronta, mesmo. :think:
     
  5. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    Então as piadas sobre As Seitas (Aceita) cheque, cartão também devem ser abolidas.

    Os caras que faziam piadas sobre os 2 (DOIS) papas de também deveriam ser queimados como hereges (hmmmm... será que não foram? :think:)

    Monty Python e a Vida de Brian então nem se fala!

    Se há algo podre no reino da Dinamarca, o único que tem permissão de fazer piada sobre o Rei é o Bobo da Corte. Essa figura não é para divertir os soberanos, mas para externar algo que todos percebem como idiota mas ninguém tem coragem de falar por medo de perder a cabeça.

    Claro que depois virou apenas entretenimento e perdeu-se a utilidade de auto-critica.

    Um grande problema religioso (qualquer uma) é absoluta falta de humor, de saber rir de si mesmo. Criando indivíduos imperfeitos e que só admitem imperfeição para seu Deus, mas incapazes de ser tolerantes com a imperfeição do próximo, partindo a seguir para julgar seu próximo invocando ter a permissão de Deus para tal.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
    • Ótimo Ótimo x 1
  6. Allënheisch

    Allënheisch Slavsia!

    Tudo bem, que a violência não justifica os atos de agressões, mas se fossemos islamitas, será que gostaríamos de ver nosso deus personificado como um cão? Creio que não. E diga-se de passagem, que o costume dos próprios islâmicos de não reproduzirem imagens do rosto de Maomé, já geraram confrontos dentro de nações islãmicas, mas nunca houve (pelo menos até onde eu saiba) nenhum tipo de "retaliação" por parte dos "exaltados".
     
  7. Finwë

    Finwë Alto Oficial de Erebor

    Esse tipo de ação é típico de pessoas que se iludem com um conceito - errado é claro - de liberdade, ética e bondade; mascarando essas ações como se fossem de cunho religioso, mas na verdade são apenas crimes comuns e sem explicações racionais.
     
  8. HFR

    HFR Clone

    Esses extremistas, tsk tsk...

    Claro, queimem o cara, rasguem o desenho, o mundo não vai gostar mais de vocês por "defender a religião".

    Ninguém vê budistas, ateus, cristãos, judaistas e cia espancarem pessoas só porque contrariam os preceitos de outro credo.
     
    Última edição: 12 Mai 2010
  9. Roderick

    Roderick Banned

    Esse povo com seu fanatismo, olha a que ponto chega.
     
  10. Raphael S

    Raphael S Desperto

    Bom...

    ...bom.

    ...bom.(coça a cabeça)...

    Eu acho que liberdade de expressão é importante, mas também acho que é mais importante ter liberdade de expressão onde pode ter liberdade de expressão.

    Acho que perder a vida por uma charge é algo bem BEM idiota.

    Se ele quer fazer piada com religião e lá tem público pra isso tudo bem, mas se ele tem uma porrada de ano de revoltas religiosas ao alcançe do pescoço dele então ele devia se proteger melhor antes de seguir este caminho.

    É o que eu acho

    By Raphael Silvério
    Geo GO!
     
  11. Anwel

    Anwel Nazgûl Cavaleiro

    Não entendi onde a Dinamarca entra na história, mas acho que você deve ter confundido as monarquias.

    Ótimo post, essa criação de indíviduos acima da crítica dos outros é só uma tentativa de não querer enxergar os próprios defeitos.
     
  12. Thatá Rose

    Thatá Rose Engel

    Concordo!

    Nada justifica ameaças e violência. As pessoas precisam ser mais tolerantes, independente de sua religião, pertencemos ao mesmo mundo, é preciso aprender a lidar com as indiferenças sejam elas quais forem.
     
  13. Tuor

    Tuor Usuário

    O que eu não entendi é o que tem a ver Maomé com o corpo de um cão. Algumas pessoas buscam fazer charges para passar uma mensagem, mas a charge em si é completamente sem sentido. O cão representa alguma coisa no país desse jornalista ou no islamismo que eu desconheça?
     
  14. HFR

    HFR Clone

    Me lembrei agora daquela episódio censurado do South Park, em que o Maomé ficou com uma tarja preta em cima.

    A que ponto esse fundamentalistas chegaram...
     
  15. marktl82

    marktl82 Usuário

    Dinamarca foi só uma alegoria, extremamente famosa diga-se de passagem.

    Realmente, com extremismo não se pode conviver. É uma atitude irracional motivado por uma fé cega e sem fundamento. Ou seja, não se pode argumentar sobre tais atitudes, elas não tem uma lógica condizente.

    Mas mesmo assim, se o cara sabe que é assim, pq vai tentar brincar com fogo?

    Nossa liberdade termina onde começa a liberdade dos outros.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  16. Anwel

    Anwel Nazgûl Cavaleiro

    Nunca tinha ouvido falar, obrigado marktl!
     
  17. Allënheisch

    Allënheisch Slavsia!


    Também acho que radicalismo não leva à lugar nenhum.
    (Tá aí o Irã e seus aiatolás de prova. Creio que fundamentalismo e poder não são as melhores combinções.)
    Mas, também devemos pensar um pouco no lado dos islâmicos, que tiveram seu profeta personificado num cão. Sou ateu, mas nem por isso saio distribuindo insinuações contra o credo alhieo! Vivemos em comunidade e devemos respeitar sempre a posição dos outros, por mais que discordemos. O que dizer então da orgulhosa Suécia, um país "livre" e com uma população educada?
    O ato de agressão foi desproporcional, mas, no fundo, o próprio autor não ponderou as consequências de sua publicação. Convenhamos que ele não deveria ter feito o que fez, afinal, querendo ou não, foi uma afronta aos islamitas. Por mais "livre" que seja o direito de expressão, há sempre consequências nas nossas ações, no nosso pensar.
    Então, sempre será sensato que ponderemos sobre tudo o que fazemos, afinal, podemos acabar por "ferir" alguém.
    (sem liçaõ de moral embutida! Odeio essas coisas! :mrgreen:)
     
  18. Anwel

    Anwel Nazgûl Cavaleiro

    Por mais que seja uma afronta, é justificável a agressão da parte dos islâmicos?
    Eles que fizessem uma charge satirizando o rei da Suécia, e não saíssem na porrada (cabeçada). Isso sim seria uma resposta a altura!
     
  19. Allënheisch

    Allënheisch Slavsia!


    Claro. Não estou questionando quem estava certo ou errado. Me refiro às mancadas que ambas as partes deram. Como disse, a agressão foi desproporcional, mas, esse autor tinha que brincar com fogo?
    Fundamentalismo é um m3%&@, mas, insensatez também.
     
  20. Thatá Rose

    Thatá Rose Engel

    Mark, discordo em parte, pelo mesmo motivo abaixo.


    Então não existe a liberdade de expressão pelo simples fato de que as pessoas ainda não aprenderam a dialogar? É mais fácil resolver tudo na base da ignorância do que conversarem ou então, no caso citado, responder da mesma forma, com alguma outra charge?

    Desentendimentos existem, em qualquer lugar, aqui dentro do Fórum mesmo acontece diversas vezes, inclusive de ter posts mais "calorosos". Mas é preciso saber argumentar, é preciso saber que tudo que for dito terá uma consequência e não precisa ser na "base da porrada", até porque isso não resolve, é um tanto quanto "pré-histórico" esse tipo de atitude.
     

Compartilhar