1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Ateus são mais raivosos que a média?

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Galford Strife, 13 Mar 2015.

  1. Galford Strife

    Galford Strife Jedi Master

     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
    • LOL LOL x 1
  2. Calib

    Calib Visitante

    Os entrevistados não conheceram o Paganus pra saber o que é raivoso. rsrs
     
    • LOL LOL x 7
    • Ótimo Ótimo x 1
  3. Grimnir

    Grimnir Usuário

    Ateus são chatos pra caralho. : )
     
  4. Bruce Torres

    Bruce Torres Let's be alone together.

    Concordo.
    Sou ateu.
     
    • LOL LOL x 2
  5. Heberus Stormblade

    Heberus Stormblade Paz e Amor

    Esse avatar combina bem mais contigo :lol:
     
    • LOL LOL x 3
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  6. Calib

    Calib Visitante

    Não li ainda, mas me parece bem interessante e tal.
    Fica a dica.
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Ótimo Ótimo x 3
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Bruce Torres

    Bruce Torres Let's be alone together.

    É bom lembrar que a percepção de um religioso da raiva que ele observa em um ateu esconde a raiva que ele mesmo demonstra, pois na maioria das vezes o argumento para a expressão de sua ira vem acompanhado de uma declaração dogmática que justifica tal sentimento ou posição. Para um religioso raivoso, ele está justificado mesmo em sua raiva - o que é engraçado pois em Judas 9 (sim, é um livro que consta do cânon) diz que: "No entanto, nem mesmo o arcanjo Miguel, quando argumentava com o Diabo, e batalhava a respeito do corpo de Moisés, se atreveu a fazer qualquer acusação injuriosa contra o inimigo, limitando-se a declarar: 'O Senhor te repreenda!'" E em Gálatas 5:22 é dito que "o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança". Tipo, é fácil enxergar o outro como sendo o esquentado, mas tá na hora de parar de ser hipócrita, irmão. :lol:

    Que os neo-ateus até são chatos é algo que eu concordo - a maioria deles substitui um dogma religioso por uma crença inquestionável nos Quatro Cavaleiros do Ateísmo: Dennett, Harris, Dawkins e Hitchens. Mas a associação de longa data me parece ser fruto justamente do caráter questionador cético. Para pessoas que argumentam que a Verdade é uma e que o sistema de crença delas responde a tudo, qualquer um que questione parece ser visto como um "adolescente impertinente". Novamente, a falta de noção sobre a própria pregação revela que o sujeito se vê justificado por ela.

    Como estamos impregnados de uma visão religiosa do mundo e isso é algo que nos acompanha desde o berço - se o processo se dá por teologia natural, é outro assunto -, muitos acham que essa falta de crença é apenas um indício da impossibilidade de conciliar a existência do Mal com um deus bondoso. O problema é que as respostas para tais problemas são circulares e não satisfazem. Quando vemos filmes como Deus Não Está Morto expondo estereótipos como exemplares de discussão, e tais filmes sendo regurgitados em debates posteriores, percebemos que o problema continua. Como volta e meia eu reclamo sempre, saímos da era dos pensadores da religião para a era dogmática - é que a beleza de uma frase feita parece satisfazer o ego alheio. No final, o debate não existe porque questionar o fundamento é implicar que algo na proposta religiosa está falho. (Aliás, é interessante notar que o apelo à "falta de Deus no coração" é algo mais cristão, pois a maioria não concebe mesmo esse equilíbrio. Os judeus, no entanto, sempre dizem, "estando as coisas boas ou ruins, bendito seja o nome de Deus". Vide a primeira parte (a lírica) de Jó.)

    É interessante notar que quando os protestantes/evangélicos começaram a crescer no Brasil, eram vistos com desconfiança pela população católica. No entanto, apesar da zombaria de que eram alvo, sempre foram vistos como pessoas respeitáveis e com comportamento inquestionável. Já os ateus, em todos os tempos...

    E é um problema socio/psicológico, afinal. É visualizando o Outro, projetando sua Sombra no outro, que o Ego se define. A maioria das pessoas pensa em termos de contrastes e polaridades - daí a ideia de seres malignos, de uma luta entre o Bem e o Mal, serem atrativas, só que você precisa encontrar sempre o Vilão da Semana. Não ajuda muito que nos debates, afinal, se apele para a emoção - basicamente você está introjetando e não vai conseguir convencer o sujeito, mas isso também pode ser uma masturbação mental de ambos os lados. :tsc:
     
    Última edição: 13 Mar 2015
    • Ótimo Ótimo x 5
  8. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    Neo-ateus, daqueles de facebook, que amam a ATEA e acham Deus um Delírio quase uma bíblia são chatos e raivosos demais. Eu já fui assim, inclusive. Após ser um crente chato. Até porque evangélicos neo-pentecostais são insuportáveis, em sua maioria. E qualquer outro que tenha algum tipo de fanatismo cego.

    A questão é mais maturidade religiosa do que a crença (ou não-crença).

    Hoje ainda reclamo da bancada evangélica e faço uma ou duas piadas sobre religião, mas quando amadureci e me "afirmei" como ateu, essa raiva toda passou. E até entendo que a religião pode fazer muito bem para algumas pessoas, mesmo sendo ferramenta de manipulação de massa para outras.
     
    Última edição: 13 Mar 2015
    • Ótimo Ótimo x 4
    • Gostei! Gostei! x 4
  9. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    O problema do ateísmo de Dawkins e Dennet é serem anti-religião no modo hard. Não sou religioso e já frequentei terreiro de umbanda, missa católica, batizado em Igreja Batista, centro espírita e estou devendo no budismo. Pode parecer absurdo para quem é bitolado e vê somente um caminho; mas para mim foi um aprendizado inestimável sobre as religiões e seus ritos. Mas, como a maioria prefere jogar os problemas da vida para a outra vida, eu parei e hoje só observo a zoeira carismática na política sobre temas controversos.

    Chega a ser surreal que no decorrer da década do Século 21 ainda se mate a rodo em nome de Deus.
     
    • Gostei! Gostei! x 3
    • Ótimo Ótimo x 2
  10. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Pra mim é chato qualquer fanatismo em exagero independente de sua religião ou ser um "anti-religião".

    E o Paganus era Hors concours nisso, não a toa virou mito aqui hehehe!
     
    Última edição: 13 Mar 2015
    • Ótimo Ótimo x 2
    • LOL LOL x 1
  11. dermeister

    dermeister Ent cara-de-pau

    E eis que a primeira frase do primeiro parágrafo confirma uma nova instância da
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    (que, para quem não conhece, diz: "Qualquer manchete que termina em uma interrogação pode ser respondida com 'não'").
     
    • LOL LOL x 5
    • Ótimo Ótimo x 2
    • Gostei! Gostei! x 2
  12. Galford Strife

    Galford Strife Jedi Master

    Eu sou agnóstico. Não sigo nenhuma religião, mas tenho minhas crenças pessoais, nenhum pouco radicais. Gosto de estudar religiões e tudo o mais, mas acho que todas estão erradas.

    Mas acho ridículo qualquer espécie de extremismo (tanto religioso quanto ateísta). Faço piada com religiões e tals, mas tem gente que não sabe separar as piadas e brincadeiras em geral de discursos raivosos... E não são só ateus que são assim.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  13. Malkyn

    Malkyn The Siren


    Olha... Veja bem! Doeu ler "todas estão erradas"... Acho que se você estuda religiões das mais diversas, e tem uma inclinação para estudos nas áreas de filosofia, psicologia, teologia e antropologia, você pode entender que errado neste contexto não existe... Desde os sumérios (primeiros registro escritos, a.k.a. início da história) até os dias de hoje, religiões existem por motivos, propósitos e necessidades distintas (se você não considerar que deuses existem), mas costumam convergir na intenção da manutenção do tecido social.

    Você pode discordar à vontade de cada um desses elementos dentro de cada uma das religiões por motivos diversos, mas juntar tudo e colocar num pacote escrito "errado" me pareceu um tanto genérico...

    Fico curiosa para saber qual era sua idéia quando você usou a palavra "errado", mas chuto que talvez você tenha escolhido mal a palavra... Talvez a sua intenção era dizer que acha que todas as crenças que você conheceu não tinham:

    a) um objeto de crença com o qual você concorde;
    b) uma lista de condutas e regras morais com a qual você concorde;
    c) um propósito justo à massa que segue aquela religião que lhe parecesse idôneo;
    d) todas as alternativas XD;

    Acho que vale você dissertar um pouco mais sobre o que você acha exatamente errado.


    Quanto às piadas, não consigo concordar com quem as faz... E talvez a minha opinião seja a morte do humor, mas acho que qualquer tipo de escárnio sobre qualquer assunto ligado à intimidade das pessoas (crença, opção sexual, etc...) não deveria ser feito, e costuma apenas reforçar velhos preconceitos... Mas isso sou eu! Não costumo fazer esse tipo de piada, e dificilmente acho graça de alguma...
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  14. Mellime

    Mellime A little less lost

    Adoro Tim Minchin. A forma como ele expressa as ideias ateias é excelente. Não precisa dizer mais nada :dente:
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  15. Kainof

    Kainof Sr. Raposo

    Fui mordido por um ateu semana passada, não sei, mas acho que estou virando ateu também!




    PQP vir num tópico sério pra fazer essa piada ruim...
     
    • LOL LOL x 10
  16. ateu nossa '-' e vdd q os ateus sao os antiscristos na terra?
     
    • LOL LOL x 1
  17. Galford Strife

    Galford Strife Jedi Master

    Esse errado que eu falo é com relação a fatos históricos e a existência de seus deuses, não estou afirmando que eu tenho certeza que todas estão erradas e que todos devem pensar igual eu, como eu mesmo disse antes, essa é uma opinião pessoal. Pode ser que eu esteja errado, por exemplo.
     
  18. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Assim, ninguém tem certeza de nada até morrer. Se é que depois de morrer teremos como ter certeza, mas ninguém até hoje voltou pra dizer como é depois de passar pelas portas da esperança.
     
    • LOL LOL x 3
  19. Malkyn

    Malkyn The Siren

    Relaxa, gato! Não queria verdades absolutas, só queria entender sua opinião pessoal mesmo! ^^

    Mas, tirando as religiões da vertente Abraâmica, quais religiões teriam fatos históricos que vc considera ser de um passado negro?

    Agora, sobre os deuses, acho que vale entender pra que serve um/o deus dentro da religião... E pq q os deuses acabam sempre encarnando ou tendo características humanas (paixões, defeitos etc...). Lembre-se sempre da manutenção do tecido social... Ainda que deuses não existam (uma suposição), por que eles foram criados? O que esses deuses representam para as pessoas, qual é a relação delas com essa divindade, e qual é a necessidade que esses deuses suprem para essas pessoas? Ainda que deuses existam apenas como uma criação humana, no imaginário das pessoas eles existem! Acho que muito mais interessante do que discutir se isso é devido ou não, é entender o motivo....
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  20. LuizWsp

    LuizWsp A torch in the dark In Memoriam

    Provavelmente vc leva as coisas muito a sério então.

    ---
    Não consigo pensar em nada da crença ou falta de crença da pessoa que a torne mais raivosa ou menos raivosa. Só acho que tem muitos raivosos por aí, na internet ou fora dela, brigando por tudo, desde video game e futebol até religião, independentemente de qual lado elas estejam. Muitas pessoas gostam de discutir e brigar, então deixa elas, é o entretenimento que elas escolheram.

    No meu tempo de adolescência eu até entrava em algumas dessas discussões, mas hoje em dia não vejo mais graça. Fico com preguiça.
     

Compartilhar