1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Astrônomos encontram reserva de petróleo no espaço

Tópico em 'Ciência & Tecnologia' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 29 Nov 2012.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    [h=2]Refinaria cósmica é descoberta a 1.300 anos-luz do nosso planeta.[/h]

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    (Fonte da imagem: Reprodução/Wikipedia)​

    De acordo com uma notícia divulgada pelo
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    (IRAM), localizado na Espanha, um grupo internacional de astrônomos descobriu vastas quantidades de petróleo na Nebulosa Cabeça de Cavalo, localizada na Constelação de Órion.

    Segundo o IRAM, os astrônomos detectaram a presença de uma nova molécula interestelar — chamada C3H+ — na nossa galáxia, pertencente à família dos hidrocarbonetos, ou seja, os compostos químicos que compõem o petróleo e o gás natural. Os cientistas fizeram a descoberta com o uso de um radiotelescópio de 30 metros, afirmando que essa região do espaço é uma verdadeira refinaria cósmica.

    [h=3]Petróleo espacial[/h]

    Conforme explicaram os astrônomos, a Nebulosa Cabeça de Cavalo apresenta 200 vezes mais hidrocarbonetos do que a quantidade de água existente no nosso planeta, e a descoberta pode reacender as discussões sobre o petróleo ter origem mineral em vez de ser um composto fóssil resultante da degradação de matéria orgânica.

    Contudo, se a questão de como explorar a camada pré-sal parece complicada demais, imagine ter que viajar a 1.300 anos-luz da Terra — onde se encontra a Nebulosa Cabeça de Cavalo — para obter o inédito petróleo interestelar! Sem contar como essa novidade seria taxada caso fosse comercializada aqui no nosso planeta.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Gostei! Gostei! x 1
    • LOL LOL x 1
  2. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Ainda bem que está bem longe e assim baixa a bola da cobiça dos nossos governantes :lol:
     
  3. General Artigas

    General Artigas Não tá morto quem peleia

    Daqui a pouco a Dilma divulga um investimento astronômico pra tirar petróleo desse lugar e vira mais um circo estilo pré-sal.
     
    • LOL LOL x 3
    • Gostei! Gostei! x 1
  4. dermeister

    dermeister Ent cara-de-pau

    O empenho dos divulgadores da matéria original em florear os títulos por alguns cliques é incrível! Ok, são hidrocarbonetos, mas isso não implica em petróleo como o conhecemos. Notem que o
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    se chama "The IRAM-30m line survey of the Horsehead PDR: II. First detection of the l-C3H+ hydrocarbon cation" e não inclui as palavras "oil", "petroleum" ou "refinery" (é, eu só li o resumo e parti para o "pesquisar" :shame: ).


    Mas sabem que não é tão ruim? Se a notícia circular desse jeito entre alguns governos, omitindo os 1300 anos-luz, é provável que teremos bem mais apoio para a pesquisa espacial :)
     
    • Gostei! Gostei! x 3
  5. Henrique MP

    Henrique MP Usuário

    • LOL LOL x 3
  6. Anna De Courcey

    Anna De Courcey Usuário

    O mais interessante destas descobertas é o quanto está sendo descoberto a semelhança entre o universo e o nosso proprio planeta. Nada poderia ser melhor para nos compreendermos e aceitarmos as dificuldades ou ameaças que o universo ofereça.
     

Compartilhar