1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

As "Teologias" de Sauron na Segunda e Terceira Eras.

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Tar-Mairon, 16 Jan 2013.

  1. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    Graças a um link do Ilmarinen (
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ) tomei conhecimento de algo bem interessante sobre Sauron, o fato de este, na Terceira Era, ter trocado a idolatria a Melkor pelo culto a ele próprio. Ou seja, Gorthaur deixou de ser um "deus" sumo sacerdote para se tornar o próprio objeto de adoração.

    O que o teria levado a fazer isto em sua opinião?

    Trecho da carta - In a footnote attached to Letter No. 183 Tolkien wrote:

    "When he found how greatly his knowledge was admired by all other rational creatures and how easy it was to influence them, his pride became boundless. By the end of the Second Age he assumed the position of Morgoth’s representative. By the end of the Third Age (though actually much weaker than before) he claimed to be Morgoth returned."

    Links para esta carta, na íntegra, são muito bem-vindos.

    .
     
    Última edição: 16 Jan 2013
  2. Lindoriel

    Lindoriel Saurita Catita

    Ele começou a simplesmente "se achar"... como a maioria das pessoas que têm poder na mão, ou são admiradas em demasia.

    É dificil não se deixar levar por isso. Mesmo ele sendo um Maia - ou tvz por causa disso mesmo - se achou perfeito demais.
     
  3. Berkeley

    Berkeley Usuário

    O motivo de sempre quando se trata de Sauron: Poder.
    Talvez ele achasse que assim seus objetivos seriam mais fáceis de ser atingidos,afinal ele não estava tão insano a ponto de achar que era mesmo Morgoth.

    Quanto à carta :
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  4. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    Ou talvez tivesse ficado decepcionado com o fato de Melkor não ter retornado, quando da profanação de Númenor, afinal tantos sacrifícios de inocentes foram feitos a ele e nada do vala caído retornar.

    .
     
  5. Lindoriel

    Lindoriel Saurita Catita

    Mas aí eu acho q ele teria feiro um "culto a Melkor morto" como muitos no "mundo real" fazem a "santos" e etc... rs.

    Parece q na Roma antiga acreditava-se que, ao morrer, a pessoa poderia se transformar numa deidade - e muitas vezes se faziam até templos para a pessoa.

    Ou pode ser tbm, no caso do Sauron, que ele se viu "frustrado" pelo não-retorno de Melkor, e aí quis a desforra ao se auto-intitular "deus".
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  6. Lissa

    Lissa Chocolatier Honoris Causa

    Mas ele sabia que Melkor estava aprisionado no Vazio e de lá não sairia. Como seu lugar-tenente e discípulo, Sauron viu a ''promoção'' com um olho muito grande (trocadilho :sacou:) e pensou que poderia sobrepujar o antigo mestre em maldade. Ele quase conseguiu realizar o que Melkor não conseguiu: dominar a Terra-Média. Ora, claro que ele ia ganhar os corações e lealdade dos seres mais ''ignorantes'' se colocando como um 'deus' invencível e imortal, que todos temeriam e reverenciariam.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  7. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    Penso que Númenor foi o turning point desta mudança em Sauron; afinal, sacrilégio maior, só seria profanar a própria Aman (o que, óbvio, não estava ao seu alcance). E, tendo em mente que por pouco ele não foi neutralizado de uma vez (eis a genialidade que foi confeccionar o Anel Mestre), isto certamente fez com que ele perdesse a fé em seu antigo mestre.

    .
     
    Última edição: 16 Jan 2013
  8. Grimnir

    Grimnir Usuário

    uma dúvida (ou talvez uma dívida): pq exatamente Sauron incentivou os numenorianos a cultuar Melkor?
     
  9. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Simplesmente porque seria ridículo eles cultuarem um prisioneiro de guerra.
     
  10. Grimnir

    Grimnir Usuário

    exato. seria ridículo cultuar um prisioneiro de guerra - mas seria ridículo cultuar o sacerdote de Melkor depois que o credo tivesse estabelecido em Númenor?

    não acho que Sauron ficou decepcionado que Melkor não retornou depois de todos os sacrifícios. aliás, o que sabia Sauron sobre a possibilidade de Melkor retornar? me parece que ele usou o nome do Melkor para estabelecer o culto entre os numenorianos para depois tornar-se o próprio objeto de adoração. foi estratégia dele.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  11. Lissa

    Lissa Chocolatier Honoris Causa

    Provavelmente ele tinha uma ideia que NUNCA Melkor ia sair de sua prisão no Vazio e se aproveitou de ser o braço direito do Todo-Poderoso vilão, já que estava com o caminho livre pra reinar sozinho e à sua vontade, pra impor uma nova reverência. Pensem politicamente: uma mudança na direção e no gerenciamento da terra, só que do mal ;)
     
  12. Ragnaros.

    Ragnaros. Usuário

    Sobre a introdução de um novo Culto, em substituição à uma verdade/ensinamento revelado, há um texto no site da Valinor que esclarece os objetivos de Sauron na época em que fora "prisioneiro" dos Atlântes. Vide:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Sem dissentir:

    Lembra, parcialmente, da perniciosa atuação das terríveis entidades que figuram nos finais dos tempos, ou seja, um falso profeta com uma deturpada anunciação/revelação, um tempo de apostasia generalizada; os poucos fieis fogem "da marca amaldiçoada" do falso culto. Há, coincidentemente uma substituição simbólica de um templo de adoração ao Deus único em prol de uma figura maligna. Para fins "complementários", fiz esta análise no tópico:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


     
    Última edição: 16 Jan 2013
    • Gostei! Gostei! x 2
  13. Elessar Hyarmen

    Elessar Hyarmen Senhor de Bri

    Simples: Sauron era o Segundo na hierarquia depois de Melkor.

    Um líder cai, automaticamente outro se levanta.

    Mas fica uma pergunta: Sauron acreditava no retorno de Melkor?
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  14. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    Ótima pergunta! Será que os sacrifícios humanos não tinham também este propósito (fazer Morgoth retornar, além de debochar abertamente dos valar e de Eru)?

    E o que muito interessante é que, na Terceira Era, ele se declarava "Morgoth retornado" ( "... he claimed to be Morgoth returned"). Seria para tirar proveito das vagas memórias sobre o primeiro dark lord que os povos orientais e sulistas tinham?

    .
     
    Última edição: 17 Jan 2013
  15. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    Para ele poderiam haver razões leais ou desleais para com Melkor.

    Existia no caráter e modo de operar de Sauron uma volubilidade ou inconstância de lealdade que poderia despertar novamente igual a que lhe levou a abandonar os Valar. Orgulho e vaidade tinham sido suas apostas por várias vezes para alcançar os planos e a recorrência da marca da queda pela corrupção costumava reaparecer em outros seres do universo de Tolkien como é o caso dos elfos exilados de Aman.

    Cada um dos exilados trazia um defeito que o forçava a ser desleal em algum ponto da trajetória até o momento em que se arrependessem e se voltassem para o Oeste e com Sauron isso podia ocorrer numa escala maior e mais complexa.

    Mas ele também poderia assumir que o retorno de Melkor não era realista e tivesse começado a pensar realmente em herdar aquilo que o líder deixou.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  16. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    A questão dos sacrifícios humanos é bem interessante, Melkor, quando corrompeu os primeiros seres humanos, passou a exigir deles que imolassem os seus semelhantes para aplacar a escuridão ("O Conto de Adanel") e segundo a lenda urbana (será? :devil: ) alguns demônios (a elite) só "dão o ar de suas graças" (:mrgreen:), em rituais satânicos, caso sejam oferecidos sacrifícios humanos a eles. Daí me veio a dúvida se Sauron não tentou invocar Morgoth por meio destes sacrifícios em particular e da profanação de Númenor em geral.

    .
     
    Última edição: 18 Jan 2013
  17. Lindoriel

    Lindoriel Saurita Catita

    Mas ele ia querer o retorno de Morgoth pra que...? Se ele podia reinar sozinho?
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  18. Tar-Mairon

    Tar-Mairon DARK LORD AND LOVING DAD

    .

    Lealdade, Sauron foi do tipo mais ferrenho e leal de rebeldes, o rebelde de segunda hora, quando veio para Arda, Sauron ainda era leal aos valar, ele juntou-se a Morgoth posteriormente por achar que este estava correto e Manwë errado.

    "As for Sauron's motives, Tolkien noted that 'it had been his virtue (and therefore also the cause of his fall ...) that he loved order and coordination, and disliked all confusion and wasteful friction.' Thus 'it was the apparent will and power of Melkor to effect his designs quickly and masterfully that had first attracted Sauron to him.'"[17]


    17. ^ Tolkien, J. R. R. (1993), Christopher Tolkien, ed., Morgoth's Ring, Boston: Houghton Mifflin, p. 396, ISBN 0-395-68092-1

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    .
     
    Última edição: 18 Jan 2013
  19. Lindoriel

    Lindoriel Saurita Catita

    É isso que eu reparo... acho que NUNCA vi em toda a história ficcional um VILÃO (se é que existem 100% vilões, rs) tão leal quanto Sauron a Melkor, a ponto de estabelecer culto pós-queda do mesmo.

    No mundo real mesmo, nem em pessoas "boas" (nunca 100% boas tbm, rs) a gente não vê nem metade disso daí.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  20. Placebo

    Placebo O Bonitão das Tapiocas

    Morgoth é a ápice do niilismo ja visto. Sauron desejava tb ser um deus. e um deus so existe com pessoas professando a sua "fé". Morgoth se triunfa-se com a extinção de elfos, homens e anões inimigos, apos isso seu odio cairia sobre sua "criação" tb.
     
    • Gostei! Gostei! x 1

Compartilhar