• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

As Aventuras da Liga Extraordinária

Kiwi

mi perna está jodida.
Acho que é meu primeiro tópico aqui no Quadrinhos...

Bom, essa história eu sempre tive a curiosidade de conhecer, principalmente agora que vai sair um filme.
Em minha temporada em Curitiba, descobri a Itiban e encontrei, por um preço razoável (R$19,00), a encadernação do primeiro volume da saga da Liga Extraordinária.

Comprei e devorei o livro em poucos dias. Gostei mesmo e recomendo.

Para aqueles que não sabem, aí vai a descrição da contra-capa:

"Inglaterra, 1898. Cumprindo ordens do enigmático M, o agente secreto Campion Bond convoca a Srta. Mina Murray para reunir um grupo de homens extraordinários e, com eles, formar uma equipe de agentes secretos a serviço da coroa britânica. Esses homens, espalhados pelos quatro cantos do mundo são: Capitão Nemo, Allan Quartermain, Hawley Griffin e Dr. Henry Jekyll.

Mas reunir tão incomum equipe é apenas o início das aventuras da Srta. Murray. Quando um poderoso criminoso chinês conhecido apenas como o "Doutor" rouba um elemento químico que pode dar o controle dos céus a quem o possuir, esse estranho grupo de anti-heróis deverá enfrentar um dos maiores perigos que o mundo já conheceu para salvar o império britânico da destruição certa.

No entanto, nada irá se comparar à descoberta chocante da verdadeira identidade do Sr. M...

Os maiores heróis da literatura fantástica, reunidos num grandioso clássico dos Quadrinhos Modernos!

As Aventuras da Liga Extraordinária!"


A liga envolve personagens como o médico e o monstro, Capitão Nemo e o Homem Invisível e tem uma trama bem bacana, embora neste volume o foco principal seja apresentar as personagens.

Infelizmente, o segundo volume da série ainda não foi lançado no Brasil e não existem previsões, embora seja provável que tal lançamento aproveite o lançamento do do filme (que conta com personagens inéditas não presentes na história original, como Tom Sawyer).

A encadernação tem qualidade, apesar de alguns erros de digitação ou tradução (destaque para o mês de "Augusto") ...
O texto é de Alan Moore e a arte de Kevin O'Neill.

Pra terminar, algumas imagens...

leg.jpg
 

Ana Lovejoy

Administrador
bom, primeiro...
OBRIGADINHA POR TER EMPRESTADO PARA MIM, KIWI!! :kiss:

Agora, voltando à programação normal...
O que faz da Liga uma coisa tão bacana é que a história é recheada de citações literárias! Em alguns casos, bem explícitas (como o vilão ser... opz. spoiler!) outras nem tanto. Para quem adora literatura é um prato cheio :grinlove:
 

V

Saloon Keeper
Detalhe - o imediato do Nemo: "Chame-me de Ishmael" (essa é a primeira frase de Moby Dick).
 

Cain

Usuário
eu comprei a #2 e #3 mas nao consegui pegar a primeira
entao li a historia com muitas lacunas
mas mesmo assim gostei bastante

digamos é bem diferente, no bom sentido :)
 

Ilmarinen

Usuário
Uma pena que a Pandora optou por omitir o conto que vinha na edição original, um cross-over do Allan Quatermain com os mitos de Cthulhu do H-P. Lovecraft envolvendo a máquina do tempo do H.G.Wells.
:( :(

Espero que com a segunda minissérie eles não excluam esse tipo de material onde o brilhantismo do Moore fica tão patente
 

Ilmarinen

Usuário
Quem se interessa pelas referências do Moore e sabe ler em Inglês poder dar uma conferida no link abaixo

http://www.geocities.com/Athens/Olympus/7160/league1.html

Nele o Jess Nevins que é um tremendo entendido em quadrinhos faz uma relação completíssima das citações do Moore na revista da Liga.

O cara vai até lançar um livro com uma versão upgrade desse comentários em uma edição elogiada pelo próprio Moore.

Mais pedigree que isso impossível
 

Ana Lovejoy

Administrador
Hmmm.. postando só para avisar para os que curtiram a primeira aventura da Liga, que já saiu outra :wink:

(e eu ainda acho que o filme vai ser mó tosco, no mau sentindo :? )
 

HQ-Man

Usuário
já estou esperando sair a segunda mini-série no Brasil. Se tiver só metade da qualidade da 1ª, já vai ser boa pra caramba
 

Ptah

Usuário
A única coisa ruim da edição em portugues é q vem sem o conto do final!!!! ( a não ser q a encadernada venha...)
 

Tauraherion

The eyes of truth
bom...finalmente li... e acho que o V e qu o fox vão me esquartejar aqui...mas eu achei os personagens muito pouco desenvolvidos na história... além do Quarterman ter pouca participação... tudo bem que ele tava debilitado por causa do vício...mas mesmo assim...
e eu achei a história muito rápida... as coisas aconteciam num piscar de olhos... no caso do filme aposto que vão rechear de outros eventos entre o recrutamento e o desfecho...

sobre as referências literárias...ok... concordo que são ótimas...é uma pena eu não ter tanta bagagem pra pegar todas elas de cara...

de qualquer forma é uma boa história pra se ler...
 

Ana Lovejoy

Administrador
não acho que as personagens foram mal desenvolvidas. tem que pensar no título não como uma única história, e sim o começo de uma série. é óbvio que tem muito mais sobre ele para se revelar e desenvolver.

moore não dá ponto sem nó 8-)
 

Tauraherion

The eyes of truth
é o que o Eric cansa de me dizer... eu até entendo... acho que é minha curiosidade que tá falando mais alto...

o caso da minah por exemplo... que diabos tem no pescoço dela pra ela não querer tirar a echarpe?

curiosidade é meu defeito
 

Tauraherion

The eyes of truth
ah tá... ok ok.. eu sou uma anta em termos de literatura... 50 chibatadas... :oops:

Editado: estreando o Mr purple é?
 

Ana Lovejoy

Administrador
ahhhhhh o Mr Purple é cuti demaaiiiiiiiiiiiis :grinlove:

(preciso de um purplove)

Kado, o maior problema com as ALE é isso: você realmente se perde se não saca pelo menos as referências mais fortes. É só pensar no caso do final dessa última aventura...

[spoiler:64d56a0de5]O lance do Sherlock e do Moriarty fica meio sem sentido se você não faz idéia da rivalidade deles. E fica muito mais divertido se você leu a história da morte do Sherlock Holmes[/spoiler:64d56a0de5]

agora eu usei pela primeira vez o spoiler, que alegria!
prplhappy.gif
 

Kiwi

mi perna está jodida.
~·*Ana Lovejoy*·~ disse:
ela é a mina murray, do Drácula, que é um vampiro......

:roll:

....ligou os pontinhos?
prplbiggrin.gif

Nossa! Não tinha me tocado!! :eek:

Tô começando a (re)ler vários livros, para poder reler As Aventuras com, como diria o Taura, mais bagagem.
prplbiggrin.gif


P.S.: Parabéns Ana!
 

Waters

Usuário
Nossa acabei de ler a HQ esse fim de semena e é ótima, fiquei super envolvido e quase li de uma tacada só. O Moore conseguiu criar um clima incrível em uma realidade altenativa do século XIX. Ao contrário do que foi dito em um post acima achei dois dos personagens muito bem trabalhados, principalmente o Quartemain, que é mostrado de um jeito muito humano e vulnerável. O único probleminha é que no final tudo aconteçe muito rápido. Seria necessário mais um capítulo para retratar melhor o ataque de Moriaty com o vaso de guerra. Quanto ao filme que estão fazendo, já desencanei totalmente, creio que praticamente nada no filme vai ser no estilo da HQ, afinal o próprio diretor disse que a obra de Moore serviu apenas de inspiração. Agora vou ver se consigo ler a continuação.
 
F

Fox

Visitante
Waters disse:
Seria necessário mais um capítulo para retratar melhor o ataque de Moriaty com o vaso de guerra.

Aff, nao gostei dessa tradução utilizada pra nave.

Acho que no inglês original, era "war vessel". É um termo naval comum pra grandes naus de guerra. Mas "vessel" significa "nave", mesmo que seja um navio (palavra derivada).

Se alguem puder me confirmar, agradeço.

Mas acho que colocaram isso literalmente e me incomodou desde a primeira vez que vi. Se fosse um livro, eu não conseguiria deixar de imaginar uma privada gigante. :lol:
 

Tauraherion

The eyes of truth
Fox disse:
Waters disse:
Seria necessário mais um capítulo para retratar melhor o ataque de Moriaty com o vaso de guerra.

Aff, nao gostei dessa tradução utilizada pra nave.

Acho que no inglês original, era "war vessel". É um termo naval comum pra grandes naus de guerra. Mas "vessel" significa "nave", mesmo que seja um navio (palavra derivada).

Se alguem puder me confirmar, agradeço.

Mas acho que colocaram isso literalmente e me incomodou desde a primeira vez que vi. Se fosse um livro, eu não conseguiria deixar de imaginar uma privada gigante. :lol:

exato Eric... Vessel seria melhor traduzido como nave, eu achei muito estranho, mas como conhecia o termo em inglês foi fácil passar por cima desse detalhe...imagino quem não sabe desse termo...
 

Waters

Usuário
Acho que vcs tão enganados, o termo vaso de guerra existe em português sim, e é muito usado em obras de história para definir as embarcações e máquinas de guerra que o império romano usava pra destruir os exércitos inimigos. Portanto a tradução foi literal sim, mas não foi descuidada e emulou a idéia do original, que era fazer uma referência a essas máquinas da antiguidade.
 

Valinor 2021

Total arrecadado
R$150,00
Meta
R$4.800,00
Termina em:
Topo