1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Aquelas horas que gentilmente formaram o lindo fitar em que os olhos habitam

Tópico em 'Clube dos Bardos' iniciado por Jacques Austerlitz, 10 Ago 2010.

  1. Jacques Austerlitz

    Jacques Austerlitz (Rodrigo)

    [align=justify]Aquelas horas que formaram gentilmente o lindo fitar em que os olhos habitam


    1

    Foi uma noite ela me puxou pelo braço na altura do pulso e depois entrelaçou os dedos da sua mão direita nos dedos da minha mão esquerda, me levou para cima daquele barranco de areia dura coberta de vegetação que eles nunca arrancam e que deixa a praia com um aspecto de abandonada e depois desceu o barranco com passos largos e desajeitados ainda me carregando pela mão e me olhando de quando em quando sorrindo aquele seu sorriso sincero de guria tímida, e estava frio, frio, e eu estava só com um moletom e uma camiseta por baixo porque eu era meio gordinho e nunca fui muito de sentir frio, mas lá era de noite e era inverno e ventava bastante, e ela foi me puxando até perto da praia onde as ondas batiam e daí me disse: o mar aqui de noite parece cerveja escura; e eu nem mesmo bebia.

    ---
    Escrevi isso (primeiro capítulo) uns três dias atrás, logo que eu acordei. Pretendo que seja o primeiro capítulo de uma noveleta homônima que eu não vou escrever tão cedo.

    O título foi chupado das duas primeiras linhas do Soneto V, aqui:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .

    Edit: acrescentei os inícios/meios/fins dos capítulos que já têm algum texto "final" escrito; alguns ali no meio estão meio planejados, assim como o final, mas isso deve representar uns ~5-10% do texto final. Os personagens ainda não têm nomes, e não dá muito pra saber o que fala do quê. Os capítulo não vão ser tão curtos, devem ter de uma a quatro páginas cada, só o primeiro que vai ficar daquele tamanho mesmo.

    Re-edit: deletei os outros capítulos.[/align]
     
  2. Lu Eire

    Lu Eire Usuário

    Posso dizer que simplesmente amei o que você escreveu. :sim:
     
  3. Jacques Austerlitz

    Jacques Austerlitz (Rodrigo)

    Obrigado, Lu. Se eu um dia terminar a novela, posto aqui. Por enquanto ele fica como microconto.
     
  4. imported_Cabal

    imported_Cabal O Poeta Aprendiz

    Lattuada, eu gostei muito. Muito mesmo.
     
  5. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    o estilo fluxo de consciência é interessante qdo bem utilizado, porém mtos hj abusam dele tornando o texto cansativo. isso pq ele tende a acelerar a leitura do texto, como se o leitor pensasse junto com o narrador. e pensamentos são rápidos, talvez (em palavras) + rápido q a ação. seria + ou - como alguém assistir um filme com cenas mto rápidas: depois de 1 tempo o cérebro diz chega. o seu texto, por ser pequeno, ñ é cansativo, mas em trechos + longos, seria interessante vc ver q reação é provocada.
     
  6. Jacques Austerlitz

    Jacques Austerlitz (Rodrigo)

    Obrigado pelos comentários, Cabal e JLM.

    Eu normalmente tenho dificuldade em levar adiante um texto escrito assim, de jorro, mas os excertos me saem mais fácil. Também acho que depois de um tempo fica cansativo, então nesses trechos eu tento usar linguagem mais coloquial, com palavras simples do dia a dia e uma ou outra rima que ajuda a carregar o texto.
     
  7. Lu Eire

    Lu Eire Usuário

    Acho que a magia de texto assim é justo o fato de serem breves e deixarem em aberto um infinito de pensamentos.
    Prolongar essa história pode ser uma idéia boa! Mas eu te aconselharia e escrever em pequenas seções, assim diminui a probabilidade de alguém achar cansativo.

    Espero continuação.
     
  8. Tayana

    Tayana Usuário

    Legal Rodrigo..^^
    termina...
     
  9. StornMaker

    StornMaker Usuário

    Hellooooooooo Rodrigo!


    Muito bonito, bem feito e super cativante.
    Adoro este jeito casual de escrever, quase como se estivesse falando.
    Quase dá pra ler tudo de um só fôlego ( se alguém ai respira ou prende o fôlego enquanto lê como quando fala com certeza vai me entender. O que? não?... bom .... eu sim...).
    A novela que você pretende algum dia pretender escrever, será muito boa. E espero que você dê a nós a oportunidade de ler.
     
  10. Jacques Austerlitz

    Jacques Austerlitz (Rodrigo)

    Obrigado StornMaker e tayana também.

    Coloquei ali mais alguns trechinhos que eu tinha escrito. Ainda não dá pra ver exatamente aonde vai a história, nem de onde sai, e a minha dificuldade maior é sempre trabalhar pra dar unidade ao texto.
     

Compartilhar