1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Após cura de bebê com vírus da Aids, estudo anuncia êxito em 14 adultos

Tópico em 'Ciência & Tecnologia' iniciado por Morfindel Werwulf Rúnarmo, 15 Mar 2013.

  1. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    Os pesquisadores acreditam que a chave para alcançar este resultado notável pode ser o início mais cedo possível do tratamento após a infecção

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Vírus HIV infecta células do sistema imunológico Divulgação / HIV Boehringer-Ingelheim​

    Duas semanas após a divulgação de que um bebê foi “curado” do HIV, um estudo realizado na França revela que 14 adultos infectados pelo vírus parecem estar “funcionalmente curados”, ou seja, ainda carregam pequenos reservatórios do vírus, mas não apresentam sintomas, apesar da interrupção do tratamento, segundo artigo publicado na “Newscientist”. Os pesquisadores acreditam que a chave para alcançar este resultado notável pode ser o início mais cedo possível do tratamento após a infecção.

    A equipe começou a monitorar os 14 adultos quando eles recebiam medicamentos antirretrovirais, dentro de 10 semanas após a infecção pelo HIV. Os pacientes interromperam o tratamento, em média, cerca de três anos mais tarde (as drogas foram retirados sob supervisão médica).

    Os 14 adultos ainda têm os seus traços de HIV no sangue, mas em níveis tão baixos que o seu corpo pode mantê-lo sob controle, naturalmente, sem drogas.

    Uma das razões para o HIV ser tão difícil de lidar é que depois de uma infecção aguda, o vírus estabelece reservatórios em células hospedeiras que permitem esconder e voltar. Mesmo após anos de tratamento, uma vez que as drogas são retiradas, a maioria dos pacientes tem retorno da infecção.

    No entanto, há uma pequena minoria de doentes infectados com HIV (menos de 1%), nos quais o vírus praticamente desaparece, sem a ajuda de tratamento. Conhecidos como “controladores de HIV”, estes pacientes espontaneamente reduzem consideravelmente sua carga viral e mantém o controle do vírus a longo prazo, para níveis praticamente indetectáveis.

    Na semana passada, foi anunciado que um bebê havia sido “funcionalmente curado” do HIV após ter sido tratada com medicamentos antirretrovirais cerca de 30 horas após seu nascimento, algo que normalmente não é feito. O pesquisador Asier Sáez-Cirión, do Instituto Pasteur, na França, adverte que o tratamento rápido não funciona para todos, mas o novo estudo reforça a conclusão de que a intervenção precoce é importante.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  2. Neithan

    Neithan Ele não sabe brincar. Ele é Mito

    E como fica a história das indústrias farmacêuticas segurarem a cura para faturarem bilhões de dólares? :roll:
     
  3. Éomer

    Éomer Well-Known Member

    Eu fico pensando qual o potencial de disseminação do vírus desse portadores assintomáticos. Eles poderão transmitir o vírus ou a carga viral no sangue é tão reduzida que não há esse perigo?
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  4. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Eu poderia ser o terceiro a entrar nesse tópico postando mais uma pergunta ao invés de um comentário, mas quando se trata de uma possível cura da Aids prefiro ter a prudência de esperar um tempo razoável pra ter a real certeza que a longo prazo todos os exames anti-HIV mais precisos que existem não acusem absolutamente nada e aí sim teremos a certeza que isso de fato é plenamente eficaz.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  5. Excluído047

    Excluído047 Banned

    Estava aqui me perguntando exatamente a mesma coisa. Seria interessante saber isso. Outra coisa que me ocorreu: esses tais "controladores do HVI" estão sendo estudados pelos pesquisadores médicos? Pois se, espontâneamente, o organismo deles controla o HVI sem ajuda de medicamentos, não é correto pensar que isso seja uma característica genética que, se estudada, pode indicar um caminho para a cura?
     
    • Gostei! Gostei! x 1

Compartilhar