1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Antes que os elfos chegassem e mudassem os nomes das coisas

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Skywalker, 14 Jul 2002.

  1. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Na minha opinião essa é uma das frases mais interessantes de toda a obra do Tolkien, proferida pelo anão Mîm (o meu anão preferido) para Turin Turambar...

    Eu achei interessante pelo fato de demonstrar todo o desgosto dos anões em relação aos elfos, pois vejam só: Os elfos despertaram e, logo depois, os anões, certo?

    Os elfos foram para Aman, e por lá ficaram muito tempo, enquanto os anões ficaram na Terra Média.

    Nesse meio tempo, os anões nomearam todas as coisas à maneira deles, mas, se percebermos, a graaaaaaande maioria dos nomes das coisas e lugares são na língua dos elfos....

    Deve ser difícil pra um povo, acostumado com os nomes que deram às coisas e os consideravam como "certos" simplesmente ter que acatar a vontade de um monte de orelhudo boiola que resolveram dar nomes à moda deles...

    Acho que aí tá mais um motivo pra ser incluído na lista de "por que os elfos e anões não se dão bem? "
     
  2. Elrond Meio-Elfo

    Elrond Meio-Elfo Usuário

    Será que os Anões sabem que eles são um erro da lei e ordem natural das coisas???? :D :D :D
     
  3. Galahan

    Galahan Lazy elven artist

    Sabiam sim. Veja essa passagem do Silmarilion:
     
  4. Maglor

    Maglor Lacho calad! Drego morn!

    Talvez não seja o melhor trecho para explicar o que eu quero dizer, mas vai lá:
    "(...) nenhum tema pode ser alterado sem ter em mim a sua fonte mais remota, nem ninguém pode alterar a música contra a minha vontade. E aquele que tentar, provará não ser senão meu instrumento na invenção de coisas ainda mais fantásticas, que ele próprio nunca imaginou."
    (Eru a Melkor - Silmarillion, MF, página 6)

    ...ou seja, estava tudo na música e faziam parte dos desígnios de Eru. Desde o Início os naugrin estavam lá. 8)

    ps.:tá bom, entendi que foi de brincadeira que você falou, mas é que os Naugrin Rulez! :wink:
     
  5. Elrond Meio-Elfo

    Elrond Meio-Elfo Usuário

    O bom e velho "Deus escreve certo por linhas tortas." :lol: :lol: :lol:
     
  6. Mithrellas

    Mithrellas Usuário

    Isso com certeza deve ter ajudado a discordia entre os anoes e os elfos...mas, eu acho sinceramente que os anoes poderiam continuar chamando os lugares e coisas ao modo deles, afinal, nao veio nenhum elfo pra eles e disse "se tu nao chamar os lugares como nós nomeamos, vao ver"...tipo, era fácil, cada um chamar as coisas como quer....seilá, mas os anoes tbm eram invocadinhos de mais :P Era tão mais fácil se eles continuassem na deles...aposto que eles invejavam um pouquinho os elfos ^^

    Ta certo..os elfos também queriam dominar demais as vezes....e se achavam mais belos e blablabla....mas os anoes podiam coperar :roll:
     
  7. Skylink

    Skylink Squirrle!

    Tanto poderiam, que continuaram chamando, mas não abertamente e para outras raças.

    Isso é verdade.

    Acho difícil cooperar com alguém que ri da tua altura e da tua falta de beleza.
     
  8. Mithrellas

    Mithrellas Usuário

    Mas nao eram todos os elfos que riam dos anoes....e, eles podiam ignorar os elfos ^^
     
  9. Linda Sacola

    Linda Sacola Usuário

    É claro q pode ser frustrante para os anoes terem o nome das suas montanhas entre outros com nomes elficos, mas temos q lembrar q os mapas e histórias escritas foram feitas pelos elfos, então eles deram nomes q eles conheciam na sua propria lingua. Até mesmo qdo Galadriel falou com Gimli usando os nomes em sua prorpia lingua respeitou mais a Rainha Elfica e deu mais ouvido a ela. É com fazemos tbm nas traduções, qdo se pode traduzir. Como tbm musica dos Eldar q as vezes era dificil de colocar em westron.

    E pode ser mais uma das razões tbm, claro! Alias para o q não tinham razão para não gostar eles achavam uma.

    Mas o q é mais evidente é qdo Eru disse q não averia afinidade entre os dois povos, não sei exatamente como disse, mas sei q disse
     
  10. -Dain-

    -Dain- Usuário

    so um exemplo disto foi na parte do portao de moria...
    fale amigo e entre......MELOR(elfico)
     
  11. Fox

    Fox Visitante

    E toda aquela escrita no portão era em elfico pra falar a verdade. No entanto, não acho que todos se importaram com isso né. A maioria talvez.

    Mas o anão amigo do elfo (os nomes de ambos estão no portão de Moria) não se impórtava com isso, pois sabia das boas intenções do elfo.

    PS: É mellon. :wink:
     
  12. -Dain-

    -Dain- Usuário

    eu sei...mas tem algum negocio dizendo que durin tinha amigos elficos??
    pelo que eu li em o hobbit, 1,2,3 sda nao vi nada que tivesse essa informacao :?: :?:
     
  13. Fox

    Fox Visitante

    Eu não estava falando do Durin. Eu esqueci o nome do anão que auxiliou na construção do Portão e tô com preguiça de procurar no SdA. :mrgreen:

    Alguem se habilita? :wink:
     
  14. -Dain-

    -Dain- Usuário

    ta ok intaum...dps vc fala
     
  15. Maglor

    Maglor Lacho calad! Drego morn!

    Pessoal, no forum são extremamente bem-vindas as mensagens que incluam algo à discussão. Postar por postar não é legal... Vamos lá, pra não ter que apagar posts...

    O nome do anão que fez os portões é Narvi e do elfo que fez as inscrições todas é ninguém menos que Celebrimbor, que fez os anéis, à excessão do Um.
    Nessa época os anões de Moria e os elfos de Azevim se davam muito bem mesmo, o comércio foi fundamental para o progresso de ambos.
    Os desentendimentos com os anões aconteceram, mas eram muito mais freqüentes com os sindar. A oeste de Moria eram na maioria descendentes dos Noldor.

    Sobre esses desentendimentos, não tenho certeza, mas sempre pensei que essas raças sejam mesmo naturalmente difíceis de se conviver. A explicação é só uma, o modo com que foram criadas. Os primogênitos e os filhos adotivos.
     
  16. Pearl

    Pearl Usuário

    Os nomes no Silmarilion estão em élfico, pois é uma estória principalmente sobre elfos. É a história dos elfos que está sendo contada.
    Os anões tinham seu próprio idioma, e também nomeava as coisas da sua forma. E se fosse uma estória de anões, os nomes estariam no idioma dos anões. :)

    E sobre elfos e anões não se darem bem. Isso depende muito. Há exemplos de união entre eles. Ex: Os anões de Moria e os elfos de Eregion, o auxílio dos anões de Nogrod e Belegost aos elfos de Beleriand.
    Elfos e homens também tiveram seus desentedimentos.
    :)

    Maglor, você pegou um dos trechos que eu mais gosto no Silm. E um dos que mais indica o pensamento religioso de Tolkien.

    Esse trecho não indica a doutrina que ele quis por no livro (predestinação ou livre-arbítrio). Esse trecho indica uma lei Divina.

    Exemplo:
    O bem e mau existem em Deus, pelo simples fato de existir. Já você pode escolher entre eles. (livre-arbítrio)

    É claro discurtir isso acaba se tornando uma discussão muito mais religosa do que sobre o livro em si. Então não vou continuar. heheh :P

    :)
     
  17. Durin

    Durin Usuário

    outro trecho irado do silmarillion:

    "Últimos de todas as forças orientais a se manterem firmes foram os anões de Belegost , e assim conquistaram renome. Pois os anões suportavam o fogo com mais resistencia do que elfos ou homens. Além disso, era seu costume usar em combate máscaras enormes, horríveis de contemplar. E essas lhe foram de grande valia contra os dragões. E, se não fossem eles, Glaurung o dragão e sua proble teriam queimado tudo que restava dos noldor.Os anões porém fizeram uma roda em torno do dragão quando ele os atacou. E mesmo sua poderosa armadura não era totalmente invulnerável diante dos golpes dos terríveis machados dos anões.E quando em sua ira,Glaurung se voltou e derrubou Azaghal,Senhor dos anões de Belegost, e se arrastou sobre ele,num ultimo golpe azaghal enfiou-lhe no ventre uma faca, ferindo-o de tal modo que ele fugiu do campo de batalha; e as feras Angband,amedrontadas, fugiram atrás dele. Os anões então levantaram o corpo de Azaghal e o levaram embora. A passos lentos,foram andando atrás, a entoar um canto fúnebre com suas vozes graves, como se fosse uma procissão solene em sua própria terra. E não davam mais nenhuma atenção aos inimigos. E ninguem ousou detê-los."
     
  18. Gildor

    Gildor Usuário

    Sinistro, até hoje eu ainda me arrepio quando imagino os anões carregando o corpo do rei deles, no meio da guerra, e os inimigos sem coragem de detê-los. Arrepiante.

    Mas o que é mesmo que isso tem a ver com a discussão original? 8)
     
  19. Skylink

    Skylink Squirrle!

    Nada. Tava pensando, da mesma forma que os elfos fizeram isso com os coitados dos anões, os homens fizeram igual na terceira era.[/quote]
     
  20. Saradoc

    Saradoc Usuário

    Eu acho que a revollta dos elfos contra os anões, começou principalmente na segunda era, pois acho que na primeira, eles ainda se davam bem, eu acho que o maior motivo, foi o assassinato de Thingol por parte dos anões, e logo depois a chacina dos anões que roubavam Nauglamír com a Silamrillion, por parte do elfos comandados por Beren. Esses acho que são os prncipais motivos, pois acho que os anões que não foram para Doriath, com certaza se sentiram ressentidos com a morte de seus parentes. Depois acho que os anões se considerararm insultados quando os noldor sebreviventes, fundaram o reino de Lindon, tão perto de suas moradas nas Montanhas Azuis.
     

Compartilhar