1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Angus, o primeiro guerreiro e o "olho que tudo vê"

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Glaurung, 23 Set 2003.

  1. Glaurung

    Glaurung Usuário

    Não sei se alguém já leu esse livro: Angus, o primeiro guerreiro.

    No início da leitura eu achei que ia ser mais um daqueles livros com histórias já batidas, mais uma coleção de plágios do que um história original. :disgusti:
    Mas no final, até que não achei o livro de todo mal. É interessante como o autor relaciona sua história com a história da europa no início do período medieval. :eh:

    Um ponto que me chamou atenção, foi o fato do velho eremita fazer uma previsão de que o clan fundado por Angus iria lutar contra um inimigo cujo símbolo é o "olho que tudo vê". 8O

    Qualquer semelhança é mera coincidência? :aham:
     
  2. Deriel

    Deriel Administrador

    Nada é exatamente original no sentido extremo da palavra. Tudo deriva-se de outras coisas, de referências do autor, chegando, como origem primária, os arquétipos jungianos, comuns a todos os seres humanos.

    Agora se ele teve influência direta de Tolkien, copiando ou "fazendo uma referência em homenagem", aí é difícil dizer com certeza, sem falar com o próprio autor :mrgreen:
     
  3. Glaurung

    Glaurung Usuário

    O livro tem seus méritos...mas é aquela velha história:
    -Jovem guerreiro é treinado pelo pai.
    - O pai é morto por um vilão traiçoeiro.
    -Jovem guerreiro, após rigoroso treinamento, se torna grande guerreiro e derrota o vilão.

    Claro, isso é uma visão muito simplista da história, e a história possui muito mais elementos do que os que eu citei que compõem o pano de fundo para a "história maior" ou a "história da saga".

    Eu achei interessante o modo como o autor mostra a cultura viking em detrimento ao cristianismo que estava se instalando na região da bretanha.

    True...hehehehe mas só lendo os próximos livros da saga(que ainda não foram nem lançados) pra ter mais certeza sobre isso.

    SPOILER sobre ANGUS

    -Pelo menos nessa história, a mocinha/princesa morre no final, e ele acaba se casando com outra.....huahauahuhahua
     
  4. Riff

    Riff Usuário

    Mas qndo os vikings chegaram a Bretanha ela ja era cristã :mrgreen:

    E meu
    Nada se cria, tudo se copia :roll:
     
  5. Goba

    Goba luszt

    Não Riff...Nada se copia, tudo se renova :)
     
  6. NightRaven

    NightRaven Banned

    Achei médio esse livro...não gostei dessa historia de "premonição", "espada santa" e de tentar me transformar em cristão(é praticamente uma biblia com lutas :mrgreen: )....ele bem que poderia contar a história dos bárbaros de um espada antiga de descendentes seus(tipo Aragorn), mas esse lado místico quebrou! Oque também não gostei foi da inclusão de imagens...tira toda a imaginação!!! Com certeza ele foi influenciado por Tolkien...
     
  7. Pandatur

    Pandatur Usuário

    Sobre a questão do "Olho que tudo vê", o autor disse não ter passaddo do 1º capítulo de SdA... pois é.... mas confessa que seu livro teve as portas abertas pelo sucesso criado por SdA e Harry Potter. Então, não sei se este inimigo pode ter relação com Sauron. Se olharmos mais a fundo, pode ser que haja alguma religião ou lenda antiga sobre algum mal que se apresentasse nesta forma de "Olho que tudo vê".
     
  8. Maglor

    Maglor Lacho calad! Drego morn!

    Está explicada a afirmação dele de que o SdA era muito "anõezinhos da floresta pro gosto dele". Se bem que não é exatamente isso o "Uma Festa Muito Esperada", mas ok, já é uma explicação.
     
  9. Pandatur

    Pandatur Usuário

    Exato, Maglor. Nas palavras do próprio Orlando:

    "Nunca li Tolkien, li depois do filme e confesso que não consegui passar do primeiro capítulo, porque é muito mansinho, muito a vila dos gnomos, dos anõezinhos. Eu gosto de uma coisa um pouco mais adulta. O Rei Arthur, um tipo de batalha um pouco mais frontal, é uma coisa que me agrada mais. A fantasia em excesso não me cativa. Eu sei que O Senhor dos Anéis é uma obra muito boa, muito lida, até por ter assistido ao filme, mas não consegui ler o livro."

    É a opinião dele, eu respeito apesar de discordar (e muuuuiito) pois acho que ninguém pode tirar uma conclusão de um livro lendo somente o primeiro capítulo, muito menios de SdA, já que a história vai esquentando aos poucos.

    Mas voltemos ao tópico né!
     
  10. NightRaven

    NightRaven Banned

    Sei n...vila de gnomos??? que cara ridiculo! é melhor do que aquela biblia com lutas! meu deus, vou arrancar a cabeça desse, meu deus, vou arrancar a cabeça desse outro, meu deus, vou arrancar uma perna....só tem isso! alias, vou vender o meu livro!
     
  11. Riff

    Riff Usuário

    Calma, ele tem o direito de não gostar, vc não vai deixar de ler o livro do kra só pq ele não curte tolkien né :roll:
     
  12. NightRaven

    NightRaven Banned

    Não, mas já que não curti mesmo vou aproveitar a raiva!!! :evil:
    O kra pega carona e esculhamba!
     
  13. Buliwyf

    Buliwyf Usuário

    :twisted: :mrgreen: :twisted: Enfio o dedo no "olho que tudo vê" dele!!!!Olho que tudo vê, só existe um e sabemos de quem é...



    Buliwyf, filho de Hygilliak o nobre, amigo dos anões, com o dedão pronto pra furar o primeiro olho!!!!
    :twisted: :x :twisted:
     
  14. NightRaven

    NightRaven Banned

    é melhor no "olho que tudo não vê"(anel de couro dele) :lol:
    Eu não me habilito a fazer!! :mrgreen:
     
  15. Lórien*bsb

    Lórien*bsb Usuário

    Pra mim este livro relamente não tem nada a ver com Tolkien. Me lembra mais Highlander...
    Mas o se o cara não teve paciência de sair do 1º capítulo de SDA, azar dele, quem dera ele tivesse lido OSDA pra q ele soubesse como realmente se faz um épico. E não o livro meia-boca q ele fez. Eu li, e pra mim o 1º volume poderia ser a metade do q foi q já contava a história, é uma repetição de lutas q enche o saco.
     
  16. Glaurung

    Glaurung Usuário

    É verdade Riff. Pelo menos na história do livro, não sei se na história real... :D

    Isso serve para escritores medíocres.
    Mas como Maehdros falou, se o cara sabe "renovar" de forma criativa, tá valendo. :wink:
     
  17. Glaurung

    Glaurung Usuário

    HEheeheh...aquelas imagens do livro eu já tinha visto a muito tempo na internet. Parece que o cara baixou todas aquelas figuras e inventou uma história pras figuras...hueheuehe

    Tem figura demais no livro mesmo....heheehhee :lol:
     
  18. Súlimo

    Súlimo Usuário

    O livro Angus, pra mim, parece mais um relato do que uma história. Nada eh mto bem explicado, nada eh focalizado, tudo passa mto rapido e sem mta noçao... Passam-se anos nmo livro e pra voce nem semanas passaram...

    Eu li e nao gostei...
     
  19. EU LI ANGUS,E APESAR DE SER MEIO FRACO,ELE EH INTERESSANTE PARA APRENDER SOBRE A FORMAÇAUM DA BRETANHA SOBE O PONTO DE VISTA VIKING.EU GOSTEI UM CADINHO
     
  20. Glaurung

    Glaurung Usuário

    Na verdade é um relato de uma história...hehehe
    O livro começa com Angus contando sua história pra mãe...

    O Autor parece que é uma estudioso das atividades vikings na europa durante o começo da idade média, e ele quis "inserir" sua história no contexto da história real das invasões vikings. Não sei se os personagens que ele usou(reis, etc...) existiram mesmo.

    A história realmente é pouco "focalizada" como você disse, mas nem por isso deixa de ser boa(na minha opinião). É um estilo que destoa bastante do SDA(ríquissimo em detalhes) e é apenas o começo da saga que o Autor pretende publicar....
     

Compartilhar