1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Amazon Prime Air - sistema aéreo de entregas com drones

Tópico em 'Ciência & Tecnologia' iniciado por Fëanor, 2 Dez 2013.

  1. Fëanor

    Fëanor Fnord Usuário Premium

    A Amazon pretende inovar o conceito de entrega à domicílio. Seu novo projeto se chama Prime Air, que consiste na utilização de drones aéreos para entregar os produtos na casa dos consumidores.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Os drones podem carregar até 5 libras de peso (o equivalente a 2,26Kg - o que corresponde a cerca de 86% dos itens que a loja vende) por até 10 milhas (~16Km) de distância.

    Segundo informações do site do projeto, a tecnologia já está pronta para ser utilizada, bastando apenas que o governo norte americano regularize as operações de veículos aéreos não-tripulados, o que deve acontecer em 2015.

    Fontes:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Gostei! Gostei! x 6
  2. Ana Lovejoy

    Ana Lovejoy Administrador

    • LOL LOL x 12
  3. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    É uma inovação interessante pra encomendas pequenas e leves, mas que a princípio deve encontrar uma certa resistência inicial daqueles que torcem o nariz pelo jeito como ela se apresenta e funciona, mas com o tempo pode deslanchar.
     
  4. Estranho

    Estranho Dancer

    Acho que nesse momento isso é muito mais importante como jogada de marketing do que como um substituto para as entregas comuns de fato. Mas acho bem possível que isso vire algo comum em algum lugar no futuro próximo.

    A única questão é como fica a coordenação do trânsito disso, quando todo mundo tiver usando.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  5. Beren

    Beren Wannabe Rider

    Espero que esse tipo de serviço se desenvolva rapidamente e diminua a necessidade de motoboys e couriers pra mercadorias pequenas, tá na hora já de uma revolução e aproveitar o espaço aéreo pra diminuir o tempo de entrega de coisas. Imagina esse serviço pra comida, tipo uma foto que vi de um drone com uma pizza da Domino's!
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  6. Heberus Stormblade

    Heberus Stormblade Paz e Amor

    Isto seria um grande avanço na qualidade de vida, mas me parece um pouco utópico para os próximos anos que isto se torne popular a este ponto.
     
  7. Fëanor

    Fëanor Fnord Usuário Premium

    É bem provável que em alguns lugares vai ter gente fazendo exatamente aquilo que a Anica postou. Ladrões do futuro abatendo drones de entrega.

    A Amazon - e qualquer outra empresa que possa vir a pensar em utilizar um sistema parecido - terá que pensar muito bem nessa possibilidade e em como evitá-la/coibi-la.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  8. Estranho

    Estranho Dancer

    É só programar o drone pra revidar.
     
    • LOL LOL x 5
  9. Heberus Stormblade

    Heberus Stormblade Paz e Amor

    De fato. Há a questão da altura em que eles trafegarão, e empecilhos como a quantidade de testemunhas e o GPS interno.

    De toda forma (Bem ao estilo huehue), já estou me preparando.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  10. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Se a coisa pegar e der certo, dá pra prever futuras greves de motoboys em especial em Sampa onde hoje existe um contingente enorme deles e que pra muitos esse serviço é o seu principal ganha-pão.

    Mas é o preço que se pagará pelo avanço da tecnologia. Ainda assim será preciso garantir toda um esquema de segurança de trânsito desses equipamentos, pois mesmo sendo pequenos, numa queda acidental pode ferir gravemente e até matar as pessoas.
     
  11. Beren

    Beren Wannabe Rider

    Bom, a primeira coisa que pensei era um radar e que cada entrega seria controlada por um "Operador de Drone" nesse caso ficaria bem visível problemas de segurança e situações perigosas.

    A gente nem sabe como eles reagem na chuva.. calma pessoal, só digo que não há como barrar o progresso, daqui 15 anos estaremos pensando o quão retrógrado e lento era as entregas de hoje em dia :P
     
  12. Estranho

    Estranho Dancer

    Só quero ver quando o DealExtreme vai começar a fazer a entrega mundial via drone.
     
    • LOL LOL x 1
  13. Quickbeam

    Quickbeam Rock & Roll

    • LOL LOL x 11
  14. adrieldantas

    adrieldantas Relax and have some winey

    Juro que eu li "Sistema aéreo de entrega de droids"

    8O
     
  15. Nem quero ver um drone desses causando acidente com um helicóptero, por exemplo.
     
  16. Amon_Gwareth

    Amon_Gwareth Paragon

    Não tem umas regras relacionadas à faixa de altitude permitida em função da classe de veículo?

    -----------------------------------------------------------

    É complicado pq isso arruina um grande segmento, que é o de entregas. O custo desses drones é baixo? Não encontrei a informação publicada pelo setor R&D da Amazon. Alguém sabe?
     
  17. Grimnir

    Grimnir Usuário

    O assunto parece que nem foi discutido ainda:

    -

    Se for baixo, justifica "arruinar o segmento"?
     
  18. Amon_Gwareth

    Amon_Gwareth Paragon

    Digo, atualmente, mesmo. Para helicópteros, aviões de pequeno porte, ou até mesmo prática de aeromodelismo. Se sim, "bastaria" criar uma faixa pros drones :think:

    É a eterna discussão. Numa sociedade capitalista, não justifica. Numa sociedade superior, ops, comunista, que consegue se ajustar para que a tecnologia a sirva, e não o contrário, justifica.

    Brincadeiras a parte, pensando no Brasil, por exemplo, onde temos MUITA gente que compra uma moto pra sobreviver de entregas, a implementação disso traria um problema grave, caso o preço / km desses drones fosse melhor que o dos motoboys.
     
  19. dermeister

    dermeister Ent cara-de-pau

    A única coisa que justifica a existência ou não de um dado mercado de serviços, como o de entregas, é a viabilidade econômica e a demanda. Não havendo nenhuma dessas, ele tem mais é que se extinguir -- não preciso colocar aquela comparação de carroças x carros aqui, né?

    Supondo que os drones de entregas estejam disponíveis, resolva-se o problema da regulamentação, etc. a sobrevivência do serviço de entregas convencionais depende de fatores como:

    - A entrega pelo UAV é mais rápida que uma entrega convencional? (trânsito para desviar, disponibilidade do drone, etc).
    - O cliente está disposto a pagar pelo extra? (contando que realmente custe mais que uma entrega convencional, etc.)
    - A entrega é fisicamente viável? (ninguém vai entregar um cofre via drone, o destino deve estar dentro do alcance, não há nenhuma tempestade na região, etc.)
    - Compensa manter uma rede de logística e uma frota de drones na região? (se não houver mercado, simplesmente não vale a pena)

    Se a conta fechar, a melhor solução será adotada naturalmente.



    Ah, quanto àquela historinha de "mas <categoria profissional> vai ficar desempregada mimimi" a solução é simples: adaptação. É o que mantém a sociedade viva. Se a entrega com a moto não tem mais mercado, venda-a e compre um drone.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  20. Grimnir

    Grimnir Usuário

    @dermeister foi mais rápido na resposta.

    Definitivamente eu não entendi essa. Pra mim é justamente o contrário: Numa sociedade capitalista, se uma tecnologia é mais eficiente, ela será escolhida, mesmo que isso signifique redução do emprego no curto prazo. Quando uma nova tecnologia surge, algumas atividades morrem e outras nascem. No caso dos drones, fatalmente serão necessários técnicos de manutenção, operadores em caso de emergência, programadores para otimizar a navegação e etc. Enfim: atividades que agregam mais valor do que a atividade originalmente substituída.
     

Compartilhar