1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Alguem aqui leu O INIMIGO DO MUNDO/ O CRÂNIO E O CARVO de LEONEL CALDELA?

Tópico em 'RPG' iniciado por Excluído014, 22 Jan 2008.

  1. Excluído014

    Excluído014 Excluído a pedido

    O primeiro romance de TORMENTA!:yep:

    Bom, como bom rpgista claro que vcs ja leram não!?
    Se não leu, vc ta perdendo muita caisa.
    Os livros estão otimo, muito bons msm.
    Leonel Caldela estava inspirado pra criar eles.:joy:
    Eu quero ver a opnião de vcs, pontos bons e negativos, oq vcs acharam dos livors?:think:
     
  2. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Não leio nem por ordem do Fidel Castro. Tormenta é lixo máximo.
     
  3. KADU

    KADU Estão vendo esta caneta?

    Não liga pro Sky :)
    Acho louvável a iniciativa de se produzir romances baseados em cenários de RPG, adoro pocket books de forgotten e seria interessante ver alguns sendo lançar em português. Pena que seja baseado em Tormenta, esse cenário realmente é meio lixoso mas isso não quer dizer que o livro é ruim. Estou curioso, já esta a venda?
     
  4. Lady of Rohan

    Lady of Rohan Usuário

    Realmente, é louvável que estejam criando obras nacionais baseados em cenários de RPG... mas Tormenta?! Não dá nem vontade de tentar ler... =/

    Sou muito mais o livro-em-produção do meu mestre sobre o cenário que ele mesmo criou, Carnesîr... :D
     
  5. Arcanjo[SK]

    Arcanjo[SK] Spartan Supersoldier

    Olha como cenário em si, eu acho Tormenta mto pequeno, mas eu gosto de algumas coisas do Background dele. E os textos que li do cenário são bons, bem escrito. Tenho uma grande curiosidade em ler ambos os livros, sem preconceitos.
     
  6. Dáin-Pé-de-Ferro

    Dáin-Pé-de-Ferro Citando posts esquecidos

    O que é Tormenta? (não me venham com "cenário de RPG, duh!") O livro já saiu? (se tiver preço razoável, pode deixar que eu vou atrás!) Obrigado desde já.
     
  7. wsnjr

    wsnjr Sir Auron

    Hum, parece muito interessante, mas caramba pq esse ódio do pessoal por aqui por Tormenta? Tipo eu ainda não li os livros básicos( falta de verba pra variar:osigh:) mas não pode ser tão ruim assim... ou pode?
     
  8. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Acredite: pode ser pior do que o teu pior pesadelo.
     
  9. Dáin-Pé-de-Ferro

    Dáin-Pé-de-Ferro Citando posts esquecidos

    Sky pode me explicar porque é TÃO terrível?
     
  10. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Pra começar: o grande herói do cenário é um paladino chamado... Paladino. Que defende um reinado chamado... Reinado. O grande vilão, o cara cheio de armas e itens mágicos é chamado de... Mestre Arsenal.
     
  11. Dáin-Pé-de-Ferro

    Dáin-Pé-de-Ferro Citando posts esquecidos

    Que ÓTIMO começo...
     
  12. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    Pior, o Reinado não é sequer um Reinado. É mais uma confederação de reinos. Logo, é um Reinado sem rei. Tosco.

    Isso sem falar nas cópias descaradas de FR (magos NPCs fodões, cidades voadoras etc). Além de ser, em geral um grande amontoado de clichês.

    A verdade é que o sucesso de cenários como Eberron e Iron Kingdoms mostra que, se as pessoas quiserem um cenário igual a Forgotten Realms, elas simplesmente lerão Forgotten Realms. As pessoas querem cenários inovadores, ou com pelo menos um toquezinho de novidade.

    Claro que existem muitas maneiras de um bom autor conseguir escrever um bom romance num cenário mal feito. Não li os livros e não vou julgar. Tudo que conheço de Tormenta é dos livros de cenários.

    ps: a maioria das coisas de Tormenta é simplesmente sem sal. Mas o Mestre Arsenal é verdadeiramente tosco. Basicamente um robocop medieval. Se houvesse uma coerência no cenário inteiro pra explicar isso, podia até ficar legal. Mas não, o cenário é totalmente fantasia medieval tradicional, exceto pelo robocop super vilão. Tosco.
     
  13. Lady of Rohan

    Lady of Rohan Usuário

    Sem contar que tem elfas gostosonas correndo pra lá e pra cá usando tirinhas de couro!
     
  14. Elda King

    Elda King Senhor do passado e do futuro

    Tormenta é o único cenário de RPG brasileiro que adquiriu alguma fama. Mas isso por ser muito, muito tosco. Já viu aqueles produtos falsificados mais vagabundos do mundo, do tipo que já vem quebrado? É idêntico.
    É o cenário padrão de 3D&T, o que já diz bastante. Tudo o que tem de original é estúpido ou sem sentido, e até as cópias são mal-feitas, distorcidas e sem encaixe.
     
  15. Excluído014

    Excluído014 Excluído a pedido

    Sim ja esta...
    Procura na editora JAMBO..que vc acha.

    Eu tmb não sei por esse odio..
    Oposto que eles nem leram..pra criticarem assimmm..:disgusti:

    Primeiro.
    Isso é em Arton.
    Segundo.
    Antes da TORMENTA chega.


    Puts..nem falo nada.

    Ah..uma pergunta..
    Alguem aqui conhece LEONEL CALDELA.?:think:
     
    Última edição por um moderador: 29 Jan 2008
  16. Elda King

    Elda King Senhor do passado e do futuro

    Eu não conheço esse autor. Ele é famoso? Não tenho nada contra os romances, exceto a ambientação...
    Eu não odeio Tormenta, "isso" não chegou no nível do meu ódio. Eu desprezo Tormenta. Por quê? Bem, já citaram muitas razões aqui, entre elas ser uma cópia de cenários tradicionais (descarada), o monte de clichês, o número fora do normal de guerreiras (todas com Biquinis de Malha +1), os diversos NPCs toscos. Além disso, ainda tem o fato de que é um cenário de Fantasia Medieval (Européia), ilustrado com desenhos de estilo japonês (bom, isso é só gosto pessoal). E isso porque foi feito no Brasil. Todos os textos que eu já li eram mediocremente escritos. O mundo é um amontoado de raças bizarras (a segunda raça mais numerosa no reinado são os minotauros - uma raça que não possui fêmeas), jogadas em um monte de reinos insossos, com pouca identidade cultural (exceto os clichês, claro).
    Diga um elemento original de Tormenta. Se você citar um elemento de Tormenta que seja criativo e interessante, eu me rendo.
     
  17. Barlach

    Barlach Verde. E arqueiro

    Continuando a lista de defeitos, o post do Elda me lembrou de algo que eu tinha (felizmente) esquecido. Os reinos clichês.

    Existe um reino que é simplesmente o reino dos chocolates! E se chama Hershey!! Pelo amor de deus, que coisa tosca. Que tipo de aventura poderia se passar nesse lugar?? "Socorro, acabou a manteiga!"

    Existe o reino dos magos. O reino que odeia magos. O reino dos cavalos. O reino dos ladinos. Todo lugar pode ser descrito como um clichê.
     
  18. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Paladina, só evita postar tantas vezes em sequencia, ok?
     
  19. Arcanjo[SK]

    Arcanjo[SK] Spartan Supersoldier

    Não que eu seja fã do cenário (não sou nem de longe), mas é bom vcs lembrarem que nem sempre o uso de clichês é ruim. Mtos jogadores se divertem com clichês, mas concordo que quando vc conhece outros cenários, vc meio que broxa com Tormenta. Como eu já devo ter dito, em comparação aos outros cenários comuns de D&D, ele é mto sem opção.

    Sinceramente, como livro, eu gostava mais da primeira edição do cenário, que era mais descontraída (o do AD&D). Eu jogaria no cenário um jogo mais descontraído... agora, se eu quizesse um jogo mais sério, não creio mto que Tormenta seria uma de minhas opções.
     
  20. Skywalker

    Skywalker Great Old One

    Na verdade tudo depende de como os clichês são usados. A minha campanha de Greyhawk foi um clichê atrás do outro o tempo inteiro. Mas o pessoal curtiu.
     

Compartilhar